Dezasseis ex-governantes estão em administrações das maiores empresas da bolsa

Tiago Petinga / Lusa

O presidente da EDP, António Mexia

Das 18 empresas cotadas do principal índice bolsista português (PSI 20), metade conta com antigos governantes em administrações, cargos executivos ou não executivos, adianta o Dinheiro Vivo este sábado. 

De acordo com o jornal de economia, são dezasseis os antigos governantes a integrar estas empresas, sendo que a remuneração média é de 88,7 mil euros para participar e preparar reuniões das empresas.

A maioria dos ex-governantes assume funções não executivas, havendo outros que ocupam cargos em mais do que uma empresa – é no grupo EDP e na Mota-Engil que se encontram mais ex-políticos. O levantamento feito pelo DV não contou com o ex-secretário de Estado do Ambiente Adolfo Mesquita Nunes, que vai assumir um cargo na Galp.

No que respeita a funções executivas, estão três antigos governantes nas 18 cotadas do PSI 20: António Mexia (EDP), Luís Palha da Silva (Pharol) e Carlos Costa Pina (Galp).

Mexia, CEO da EDP, foi ministro das Obras Públicas e Transportes no governo de Santana Lopes. Antes disso, foi presidente executivo da Galp. Em 2018, ganhou 2,2 milhões de euros brutos. Luís Palha da Silva foi secretário de Estado do Comércio no início da década de 1990. Em 2018 teve um vencimento de 343 mil euros. Por sua vez, Carlos Costa Pina, antigo secretário de Estado do Tesouro e das Finanças do governo de José Sócrates, é administrador executivo da Galp, sendo que auferiu 705 mil euros em 2018.

Quanto aos administradores não executivos – aqueles que têm de trabalhar a tempo inteiro e em exclusividade nessas empresas – o trabalho passa por estarem presentes em algumas reuniões, explica o jornal.

No caso da EDP, por exemplo, o Conselho Geral e de Supervisão, onde está o antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros Luís Amado, teve 11 reuniões em 2018. Os ex-governantes com assento nesse órgão ganharam entre 64 mil euros e 405 mil euros.

 

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Uma vergonha !
    Um esgoto !
    A corrupção no seu esplendor.
    Governantes preparam a legislação e os subsídios, para depois entrarem nas empresas que “ajudaram”.
    Diz o Jerónimo que basta a ética destes governantes para isto nunca acontecer.
    Como se vê o Jerónimo só deve saber mesmo de canalizações…

      • Comentário: Ex-governantes são enviados para esses cargos para receberem quantias que nunca receberiam em parte alguma. Por outro lado, essas empresas que, naturalmente, trouxeram benefícios aos acionistas, não trouxeram quaisquer vantagens para o Povo que paga os valores dos serviços fornecidos por essas empresas, em muitos casos mal geridas, por valores superiores aos praticados na UE. AAlves

    • Se calhar melhor é os xuxas que só mamam do Estado com suas famiGlias por serem uns incompetentes e ninguém do privado os quer. Quem produz riqueza, é o Estado ou os privados?

  2. E depois certos políticos ainda têm a desfaçatez de achar que os funcionários do Estado, que trabalham duro e em regime de exclusividade, não podem auferir uma remuneração superior – mas atenção, só no final das suas difíceis carreiras! – à dos políticos de topo. Estes, talvez ao cabo de uns poucos anos recheados de besesses e mordomias, saem dos seus cargos políticos, talvez para entidades especiais, onde vão talvez, coitados, ganhar milhares ou milhões. Haja vergonha!

  3. O melhor de Portugal está aqui! Tachos e mais tachos pagos a peso de ouro. Se eles não prestavam como governantes, prestam como administradores? Alguma vez seremos uma país a sério? Não, enquanto tivermos esta tralha de políticos. E o povo sereno, come e cala.

  4. Temos agora 3 vezes a possibilidade de tentar corrigir isto, nas próximas eleições mostrar aos políticos que o povo não esta contente. o pior é que falamos e ninguém faz nada. algum governante se vai reformar aos 69 anos? se não fosse isto até nos podíamos reformar todos aos 60 que a segurança social tinha fundo de maneio.

  5. andam estes dinossauros a comer á mais de 50 anos o nosso dinheiro, nunca se vê pessoas diferentes estou farto quero novos politicos e estes compadrios fora, sempre os mesmos.

RESPONDER

Tesla usa peças do Model 3 para construir um ventilador

A Tesla também está a tentar contribuir para colmatar a escassez de ventiladores com um novo protótipo, feito com partes do Model 3. A Tesla construiu um ventilador com recurso a componentes automóveis. A fabricante elétrica …

Há acordo no Eurogrupo: 500 mil milhões de euros "disponíveis imediatamente"

Os ministros das Finanças da Zona Euro chegaram a acordo, esta quinta-feira, sobre os apoios económicos para fazer face à pandemia de covid-19. O Eurogrupo chegou a acordo sobre o pacote de ajuda económica para a …

Se recebeu uma chamada da Tunísia, não devolva. É fraude

Clientes de várias operadoras nacionais têm recebido, nas últimas semanas, um "anormal" volume de chamadas internacionais. As operadoras suspeitam de fraude. Segundo o Jornal de Notícias, várias pessoas têm recebido chamadas de u número internacional que …

FMI avisa que vêm aí "tempos sombrios" e que "todos vão sofrer"

Kristalina Georgieva, chefe do Fundo Monetário Internacional (FMI), avisou que os próximos tempos serão sombrios e que todos irão sofrer. Numa introdução às reuniões da primavera do FMI e do Banco Mundial, que decorrem entre 14 …

Merkel pede paciência: situação continua "frágil"

Angela Merkel pediu paciência aos alemães e admitiu que "não será necessário" impor no país medidas mais rigorosas de confinamento. A chanceler alemã, Angela Merkel, apelou esta quinta-feira à paciência dos alemães, num momento de crescente …

Detido bilionário chinês que criticou Presidente Xi Jinping. Estava desaparecido há um mês

O bilionário chinês Ren Zhiqiang que criticou a forma como Presidente da China, Xi Jinping, lidou com a pandemia, está sob custódia das autoridades chinesas devido a uma investigação em que é o principal suspeito. …

Bloqueio dos coronabonds pela Holanda é "irresponsável"

Jean-Claude Juncker, antigo presidente da Comissão Europeia, considera que o bloqueio pela Holanda do uso do Mecanismo Europeu de Estabilidade é "irresponsável". O antigo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, considerou esta quinta-feira “irresponsável” o bloqueio …

Creche recusou receber filho de enfermeira por falta de funcionários. Meteram baixa

A creche e pré-escolar "Voar mais alto", em Setúbal, recusou receber uma criança de três anos, filha de uma enfermeira, por falta de funcionários. A notícia é avançada esta quinta-feira pelo Observador que adianta que as …

Subsídio por assistência a filhos vai ser pago 100% em toda a função pública

O subsídio por assistência a filho sobe de 65% para 100% do salário aos funcionários públicos inscritos na Caixa Geral de Aposentações. O Governo aprovou, esta quinta-feira, um diploma que aumenta o subsídio por assistência …

Espanha avança com novo prolongamento do estado de emergência. Contágios em Itália voltam a subir

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez, avançou que dentro de quinze dias terá de voltar ao parlamento para prolongar o estado de emergência por mais duas semanas. Depois de afirmar que Espanha não terá ainda "posto fim …