Dezasseis ex-governantes estão em administrações das maiores empresas da bolsa

Tiago Petinga / Lusa

O presidente da EDP, António Mexia

Das 18 empresas cotadas do principal índice bolsista português (PSI 20), metade conta com antigos governantes em administrações, cargos executivos ou não executivos, adianta o Dinheiro Vivo este sábado. 

De acordo com o jornal de economia, são dezasseis os antigos governantes a integrar estas empresas, sendo que a remuneração média é de 88,7 mil euros para participar e preparar reuniões das empresas.

A maioria dos ex-governantes assume funções não executivas, havendo outros que ocupam cargos em mais do que uma empresa – é no grupo EDP e na Mota-Engil que se encontram mais ex-políticos. O levantamento feito pelo DV não contou com o ex-secretário de Estado do Ambiente Adolfo Mesquita Nunes, que vai assumir um cargo na Galp.

No que respeita a funções executivas, estão três antigos governantes nas 18 cotadas do PSI 20: António Mexia (EDP), Luís Palha da Silva (Pharol) e Carlos Costa Pina (Galp).

Mexia, CEO da EDP, foi ministro das Obras Públicas e Transportes no governo de Santana Lopes. Antes disso, foi presidente executivo da Galp. Em 2018, ganhou 2,2 milhões de euros brutos. Luís Palha da Silva foi secretário de Estado do Comércio no início da década de 1990. Em 2018 teve um vencimento de 343 mil euros. Por sua vez, Carlos Costa Pina, antigo secretário de Estado do Tesouro e das Finanças do governo de José Sócrates, é administrador executivo da Galp, sendo que auferiu 705 mil euros em 2018.

Quanto aos administradores não executivos – aqueles que têm de trabalhar a tempo inteiro e em exclusividade nessas empresas – o trabalho passa por estarem presentes em algumas reuniões, explica o jornal.

No caso da EDP, por exemplo, o Conselho Geral e de Supervisão, onde está o antigo Ministro dos Negócios Estrangeiros Luís Amado, teve 11 reuniões em 2018. Os ex-governantes com assento nesse órgão ganharam entre 64 mil euros e 405 mil euros.

 

ZAP //

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Uma vergonha !
    Um esgoto !
    A corrupção no seu esplendor.
    Governantes preparam a legislação e os subsídios, para depois entrarem nas empresas que “ajudaram”.
    Diz o Jerónimo que basta a ética destes governantes para isto nunca acontecer.
    Como se vê o Jerónimo só deve saber mesmo de canalizações…

      • Comentário: Ex-governantes são enviados para esses cargos para receberem quantias que nunca receberiam em parte alguma. Por outro lado, essas empresas que, naturalmente, trouxeram benefícios aos acionistas, não trouxeram quaisquer vantagens para o Povo que paga os valores dos serviços fornecidos por essas empresas, em muitos casos mal geridas, por valores superiores aos praticados na UE. AAlves

    • Se calhar melhor é os xuxas que só mamam do Estado com suas famiGlias por serem uns incompetentes e ninguém do privado os quer. Quem produz riqueza, é o Estado ou os privados?

  2. E depois certos políticos ainda têm a desfaçatez de achar que os funcionários do Estado, que trabalham duro e em regime de exclusividade, não podem auferir uma remuneração superior – mas atenção, só no final das suas difíceis carreiras! – à dos políticos de topo. Estes, talvez ao cabo de uns poucos anos recheados de besesses e mordomias, saem dos seus cargos políticos, talvez para entidades especiais, onde vão talvez, coitados, ganhar milhares ou milhões. Haja vergonha!

  3. O melhor de Portugal está aqui! Tachos e mais tachos pagos a peso de ouro. Se eles não prestavam como governantes, prestam como administradores? Alguma vez seremos uma país a sério? Não, enquanto tivermos esta tralha de políticos. E o povo sereno, come e cala.

  4. Temos agora 3 vezes a possibilidade de tentar corrigir isto, nas próximas eleições mostrar aos políticos que o povo não esta contente. o pior é que falamos e ninguém faz nada. algum governante se vai reformar aos 69 anos? se não fosse isto até nos podíamos reformar todos aos 60 que a segurança social tinha fundo de maneio.

  5. andam estes dinossauros a comer á mais de 50 anos o nosso dinheiro, nunca se vê pessoas diferentes estou farto quero novos politicos e estes compadrios fora, sempre os mesmos.

Professor detido por violar aluna menor dentro de escola em Faro

Um professor de 55 anos foi detido, nesta quarta-feira, por suspeitas de ter violado uma aluna de 14 anos no interior de uma escola do concelho de Vila Real de Santo António, no distrito de …

Governo vira-se para Rio para mudar a lei e garantir o novo aeroporto

O Governo está a preparar uma alteração à Lei para evitar que o projecto do novo aeroporto do Montijo seja chumbado. Uma medida que passará, necessariamente, pela necessidade de um entendimento entre PS e PSD …

"Entretenimento saudável". Santa Casa desvaloriza estudo sobre raspadinhas

O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desvalorizou a investigação da Universidade do Minho que aponta para o vício das raspadinhas. Esta sexta-feira, um artigo científico publicado na The Lancet alertou para …

"Diga-lhe para ligar ao FBI". Autocarro com a cara do príncipe André circula em Londres

Um autocarro escolar, com a cara do príncipe André, andou a circular por Londres, esta sexta-feira, numa campanha da advogada Gloria Allred para pressionar o filho da Rainha a falar com o FBI. Esta sexta-feira, um autocarro …

Suspeito de terrorismo ouvido em tribunal (com o juiz a recusar ver os seus vídeos por não ter Internet)

O arguido Rómulo Costa, um dos oito portugueses acusados por financiamento ao terrorismo e recrutamento, adesão e apoio ao Estado Islâmico, foi interrogado, esta sexta-feira, na fase de instrução do processo que vai decorrer no …

FC Porto recorre do castigo de um jogo à porta fechada

O FC Porto vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por ofensa a um agente desportivo. "O FC Porto vai recorrer …

Moita Flores investigado por corrupção. Antigo PJ fala em "coincidência" com empréstimo aos filhos

Francisco Moita Flores, antigo inspector da Polícia Judiciária e ex-presidente da Câmara de Santarém, está a ser investigado por suspeitas de corrupção. Há transferências de dinheiro de uma construtora para empresas a que esteve ligado …

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …