Ex-diretor de campanha de Trump declara-se culpado e vai colaborar com a justiça

Shawn Thew / EPA

Paul Manafort, ex-director da campanha presidencial de Donald Trump

O ex-diretor de campanha de Donald Trump vai declarar-se culpado e colaborar com a investigação à ingerência russa nas eleições de 2016, segundo um acordo anunciado pela equipa do procurador especial Robert Mueller.

Paul Manafort, de 69 anos, foi considerado culpado de fraude bancária e fiscal em agosto, na Virgínia, aguardando o anúncio da pena que lhe vai ser aplicada.

Visado por um segundo julgamento, relativo a serviços de consultoria que prestou na Ucrânia, chegou neste caso a acordo com os serviços do procurador especial, Robert Mueller, contrariando a postura que adotou no último ano, de contestar as acusações que lhe foram feitas.

O procurador Andrew Weissman disse hoje ao tribunal que Manafort aceitou um “acordo de cooperação”, sem dar pormenores. Manafort disse, por seu lado, ao juiz que pretende declarar-se culpado.

Documentos entregues no tribunal e citados pela imprensa indicam que as sete acusações de que era alvo foram reduzidas a duas – conspiração contra os EUA e conspiração para obstrução à justiça -, em relação às quais vai reconhecer que é culpado.

Segundo os serviços de informações norte-americanos, a Rússia tentou influenciar as Presidenciais de 2016 em benefício do candidato republicano. A equipa do procurador especial procurar determinar se houve conluio entre a equipa de Trump e os russos.

Manafort trabalhou entre 2006 e 2017 para Governos estrangeiros, incluindo o Executivo pró-russo do ex-Presidente ucraniano Viktor Ianukovich (2010-2014) e para oligarcas russos, sem informar as autoridades dos EUA.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Encontradas três "estrelas fracassadas" ultrarrápidas. Estão prestes a autodestruir-se

Uma equipa de cientistas identificou as três anãs castanhas de rotação mais rápida já encontradas. Estas estrelas, conhecidas como "estrelas fracassadas" estão a girar tão depressa que podem estar prestes a desfazer-se. Usando dados no Spitzer …

“É como ser queimado com ácido quente“. Planta venenosa australiana causa dores que podem durar anos

Os "cabelos" da planta gympie-gympie causam uma picada tão tóxica que a dor pode durar anos. Esta pode ser encontrada nas florestas australianas. A gympie-gympie, ou dendrocnide moroides, é um tipo de arbusto que recebe o …

Sporting 1-1 Famalicão | Leão volta a tremer e vê Porto a 6

Segundo empate consecutivo do Sporting na Liga NOS, e pelo mesmo resultado, 1-1. Na recepção ao Famalicão, o líder do campeonato começou bem, marcou, mas sofreu um golo de imediato e nunca mais se encontrou …

Arqueólogos descobrem túnel medieval na Polónia. Tinha restos mortais de 18 carmelitas

Uma equipa de arqueólogos descobriu um cemitério medieval onde estava sediado um mosteiro do século XIV. No local foi ainda encontrado um túnel com dezoito esqueletos de padres carmelitas. A descoberta ocorreu em Jaslo - uma …

Militantes apoiados pelo Al-Qaeda defendem uso de mel contra a covid-19

O Al-Shabaab, um grupo rebelde islâmico apoiado pela Al-Qaeda, apela ao boicote à vacina da AstraZeneca contra a covid-19. A alternativa é "cominho preto e mel". A vacina da AstraZeneca não está apenas a levantar preocupações …

Em menos de um ano, a polícia foi chamada a intervir pelo menos nove vezes na mansão dos Sussex

A vida nos Estados Unidos não tem sido fácil para os duques de Sussex. No último ano, a polícia da Califórnia foi chamada pelo menos nove menos à mansão onde o casal habita desde que …

Rivalidade entre China e Índia é obstáculo à maior aproximação entre os BRICS, diz especialista

Apesar de os BRICS representarem "o tipo de relações entre países que queremos no século XXI", a rivalidade entre a Índia e a China ainda é um obstáculo a uma maior integração, dizem os especialistas. Na …

Variante sul-africana pode resistir à Pfizer. China pondera misturar vacinas

A variante do coronavírus descoberta na África do Sul pode "romper" a vacina contra a covid-19 da Pfizer/BioNTech até certo ponto, concluiu um estudo em Israel, embora a sua prevalência no país seja baixa e …

Rússia garante que não haverá guerra com Ucrânia. EUA desconfiam e prometem consequências

O porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, descartou este domingo a possibilidade de uma guerra com a Ucrânia, depois de Kiev ter manifestado preocupação com o reforço de tropas russas nas suas fronteiras. “Ninguém está a embarcar …

Inspetores do SEF rejeitam extinção sem aval do Parlamento (e dizem estar em causa o Espaço Schengen)

O sindicato dos inspetores do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) rejeitou este domingo a extinção daquele organismo sem a aprovação formal da Assembleia da República e considerou que está em causa a permanência de …