“Europa Chega”. Coligação liderada por Ventura já tem novo nome

João Relvas / Lusa

André Ventura à chegada ao Tribunal Constitucional para entregar as assinaturas

A coligação para as europeias encabeçada por André Ventura, que o Tribunal Constitucional (TC) não aceitou devido ao nome escolhido (Chega), vai passar a denominar-se Europa Chega e tentar nova inscrição.

“Deu hoje entrada, de manhã, um novo pedido de coligação, agora com a designação ‘Europa Chega’”, indicou André Ventura em declarações à agência Lusa.

Apesar da troca de nomes, a coligação mantém a mesma constituição – Partido Popular Monárquico (PPM), Partido Cidadania e Democracia Cristã (PPV/CDC) e movimentos Chega e Democracia 21.

No início da semana passada, os membros desta aliança (anteriormente denominada Coligação Chega) tinham sido notificados pelo TC para proceder “à substituição da denominação indicada por outra, não confundível com a de outros partidos, já constituídos ou cuja constituição haja sido requerida e se encontre pendente de apreciação neste tribunal, caso em que poderão requerer ainda a ampliação do prazo indicado ‘supra’ tendo em vista o cumprimento das demais exigências legais”.

Como os líderes dos partidos e movimentos que a constituem resolveram não alterar o nome, o TC decidiu “recusar a anotação da coligação entre o Partido Popular Monárquico (PPM) e o Partido Cidadania e Democracia Cristã (PPV/CDC), com a denominação ‘Chega’, constituída com a finalidade de concorrer à eleição dos deputados ao Parlamento Europeu, marcada para 26 de maio de 2019″.

Em causa, o facto de a coligação ter o nome do movimento fundado por Ventura, que ainda aguarda formalização enquanto partido político.

Na fundamentação do acórdão, os juízes do Palácio Ratton referiam, porém, que a decisão não inviabilizaria a “possibilidade de vir ser renovado o pedido de anotação da coligação, desde que com denominação diversa daquela que determinou a presente recusa de anotação”.

Por isso, a coligação tenta agora nova inscrição, com a denominação Europa Chega. “O tribunal justifica a decisão de chumbar a coligação Chega com o conflito de designações e a confusão que pode criar com o partido Chega, em fase de formalização”, notou Ventura.

Na ótica do antigo autarca, com a nova designação, a coligação “já não corre esse risco e enquadra-se perfeitamente no que já aconteceu com a designação de outros partidos”, deixando de haver, por isso, motivos para a recusa pelo Constitucional.

Como exemplos, Ventura indica “o partido Aliança (já tinha existido a Aliança Democrática) e a transformação do CDS em Partido popular (já havia o Partido Popular Monárquico)”.

Lusa // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Especialista considera possível "largar as máscaras" antes de julho. Há 85 concelhos com zero casos de covid-19

A maior parte dos concelhos em Portugal encontra-se abaixo do limiar de risco e 85 contam mesmo zero casos. Para o virologista Pedro Simas, é possível que as máscaras deixem de ser utilizadas ainda antes …

Crónica ZAP - Nota Artística por Nuno Miguel Teixeira

Belenenses e Santa Clara também têm direito a nota artística

https://soundcloud.com/nuno-teixeira-264830877/belenenses-0-2-santa-clara-o-musical-1 - Então? Numa jornada de Benfica-Sporting e de um importante Rio Ave-FC Porto, este indivíduo aborda o Belenenses-Santa Clara neste espaço? - É verdade. Por duas razões: a primeira é que fui eleita a Miss Mundo …

Joe Exotic implora que o tirem da prisão. Sofre de um cancro na próstata

A estrela de Tiger King, Joe Exotic, revelou que tem cancro de próstata e voltou a pedir a sua libertação da cadeia. Joseph Maldonado-Passage, mais conhecido por Joe Exotic, está a cumprir pena de prisão depois …

Ryanair passa de lucro a prejuízo de 815 milhões de euros no último ano

A irlandesa Ryanair revelou hoje que teve um prejuízo de 815 milhões de euros no ano fiscal terminado em 31 de março, contra um lucro de 1.002 milhões de euros no exercício anterior. Na base deste …

Mais duas mortes e 199 novos casos em Portugal. R(t) sobe para 1

Portugal registou esta segunda-feira 199 novos casos de infeção por covid-19 e mais duas mortes, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde. De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), nas últimas …

"Ameaça emergente". Produção de armas em casa com impressoras 3D deixa polícia em alerta

O alerta surgiu da Europol. Na Europa, estão a ser fabricadas pistolas semiautomáticas em impressoras e teme-se que o fenómeno chegue a Portugal. Os programas podem ser descarregados em plataformas na internet. Segundo avança o Jornal …

Jerónimo acusa Governo de "falta de vontade" para responder à crise

O secretário-geral do PCP, Jerónimo de Sousa, defendeu que o Governo "tem meios" e só não responde aos problemas concretos causados pela crise sanitária, por lhe "faltar a vontade", dando como exemplo a questão das …

Marcelo Rebelo de Sousa inicia visita oficial à Guiné-Bissau, 32 anos depois de Mário Soares

Marcelo Rebelo de Sousa inicia esta segunda-feira à tarde a sua primeira visita oficial à Guiné-Bissau enquanto Presidente da República, com um programa intenso, que inclui encontros institucionais, com a comunidade portuguesa e uma homenagem …

Rui Pinto gera discórdia no inquérito ao Novo Banco. PSD levanta dúvidas sobre presença do hacker

No centro da discórdia está Rui Pinto, já que os partidos não conseguem chegar a um consenso sobre a convocatória do hacker para a comissão de inquérito ao Novo Banco. A sua presença será discutida …

Pesca da sardinha reabre hoje após quase sete meses

A pesca da sardinha reabre hoje, após quase sete meses de interdição, com um limite de 10.000 toneladas que deverá ser revisto em junho. No entanto, num diploma publicado em Diário da República no dia 6 …