/

Euro2020, 2º dia: Bélgica e Finlândia vencem em dia marcado pelo colapso de Eriksen

Dmitri Lovetsky / Pool / AFP

A Bélgica estreou-se hoje no Euro2020 de futebol com uma vitória expressiva sobre a Rússia (3-0), no Grupo B, num dia histórico para a Finlândia, mas manchado pelo colapso do dinamarquês Christian Eriksen, que lançou o pânico em Copenhaga.

Na sua estreia absoluta em fase finais de Europeus, a Finlândia começou logo com um triunfo por 1-0 sobre a Dinamarca, que ficou muito debilitada após o grande susto vivido com Eriksen.

No primeiro jogo de sempre de um Campeonato da Europa em Baku, no Azerbaijão, País de Gales e Suíça fecharam a primeira jornada do Grupo A com um empate (1-1).

No Estádio Parken, na capital dinamarquesa, Pohjanpalo, aos 60 minutos, fez o golo da vitória da seleção finlandesa sobre a Dinamarca, mas o encontro será recordado pelo colapso de Christian Eriksen, perto do intervalo, junto à linha lateral, com o médio a ser reanimado pelas equipas médicas, num processo que durou mais de 10 minutos.

O encontro esteve suspenso cerca de uma hora e meia e foi reatado após os jogadores da Dinamarca terem a confirmação que o médio do Inter Milão estava estável no hospital e fazer exames.

Depois de a Finlândia marcar, a equipa dinamarquesa podia ter empatado o encontro aos 74 minutos, mas Pierre-Emile Hojbjerg acabou por permitir a defesa do guarda-redes rival, num tipo de lance que costuma normalmente ser apontado por Eriksen.

A Finlândia passou a somar três pontos e lidera do Grupo B em igualdade com a Bélgica, que convenceu na sua estreia.

Em São Petersburgo, Romelu Lukaku (10 e 88 minutos), com dedicatória especial para Eriksen, seu colega de equipa no Inter, e Thomas Meunier (34) marcaram os golos do triunfo dos ‘diabos vermelhos’.

Jan Vertonghen, defesa do Benfica, foi titular na seleção belga, mas acabou substituído aos 76 minutos.

No primeiro jogo do dia, a Suíça ainda esteve a vencer o País de Gales, com um golo de Breel Embolo, aos 49 minutos, mas os ‘dragões vermelhos’ fugiram à derrota graças a um remate certeiro de Kieffer Moore, aos 74.

Seferovic, avançado do Benfica e segundo melhor marcador da última edição da I Liga portuguesa, foi titular na equipa helvética, mas esteve bastante perdulário na altura de atirar à baliza galesa.

A Itália, que venceu na sexta-feira a Turquia por 3-0, no encontro inaugural da prova, lidera o Grupo A com três pontos, sendo seguida por Suíça e País de Gales, com um, e pela Turquia, sem pontos.

Este domingo, no terceiro dia do Europeu, Inglaterra e Croácia defrontam-se no Estádio do Wembley (14:00), em Londres, no Grupo D, numa reedição de um dos jogos das meias-finais do último Campeonato do Mundo.

Seguem-se Áustria-Macedónia do Norte (17:00, Bucareste) e Países Baixos-Ucrânia (20:00, Amesterdão), estes dois últimos a contar para o Grupo C.

  // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE