ETA pede desculpa às vítimas e agenda dissolução para 5 de Maio

“Causámos muita dor e danos irreparáveis, queremos mostrar o nosso respeito aos mortos, feridos e vítimas das ações da ETA. Lamentamos muito”, declara a organização separatista basca.

Esta sexta-feira, a organização separatista basca ETA – de Euskadi Ta Askatasuna (Pátria Basca e Liberdade) – reconheceu os “danos causados” e a “responsabilidade direta” no “sofrimento excessivo” da sociedade basca durante décadas, pelos quais pede “sinceras desculpas”.

“Causamos muita dor e danos irreparáveis, queremos mostrar o nosso respeito aos mortos, feridos e vítimas das ações da ETA. Lamentamos muito“, declarou a organização, num comunicado divulgado por jornais espanhóis.

No comunicado, a ETA reconhece que tem “responsabilidade direta” no sofrimento excessivo de décadas da sociedade basca, com “mortos, feridos, torturados, sequestrados ou forçados a fugir para o exterior”, algo que “nunca devia ter acontecido, nem se devia ter prolongado por tanto tempo”.

Alem disso, é também pedido perdão às “vítimas alheias ao conflito”, “consequência de erros”, e às suas famílias.

Ao longo de cinco décadas de atividade armada, a organização separatista basca ETA causou a morte a mais de 850 pessoas.

ETA já tem data para acabar

Em fevereiro, a ETA anunciou que ia pedir aos seus membros que votassem sobre a possibilidade de dissolver o grupo. Esta quinta-feira, a televisão pública ETB anunciou que essa decisão foi mesmo tomada. Quase meio século de luta armada depois, a organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução.

Durante uma cerimónia em França, no dia 5 de maio, a ETA deixará de existir oficialmente.

Esta sexta-feira vai ser convocada uma conferência de imprensa da organização Bake Bidea, em Iparralde, no sudoeste francês, na qual se anunciará “um evento” de alcance internacional a realizar em Bayona, para o qual vão ser convidados instituições, como o governo basco, partidos políticos e sindicatos.

Apesar de estas fontes desconhecerem os termos exatos que a ETA vai empregar para divulgar a sua dissolução, o anúncio vai acontecer em 5 de maio. Na conferência de imprensa vão estar dirigentes do Bake Bidea, do Fórum Social e do Grupo Internacional de Contacto (GIC).

Por outro lado, fontes do governo basco declararam que, de momento, não vão participar “em especulações nem sobre prazos, nem sobre cenarizações” e que se pronunciarão quando ocorrer uma decisão da ETA.

Em 8 de abril, o líder da EH Bildu, Arnaldo Otegi, anunciou em Bayona, a propósito do primeiro aniversário do desarmamento da ETA, que esta iria dar “novos passos” nas próximas semanas e nos próximos meses.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Polícias de elite da PSP convocados para trabalhar nas obras

Operacionais da Unidade Especial de Polícia (UEP) da PSP estão a ser chamados para colaborarem como voluntários nas obras de remodelação da messe localizada na Quinta das Águas Livres, em Belas, Sintra. Segundo o Correio da …

Portugueses são dos que menos gastam em viagens turísticas

Os portugueses são dos cidadãos europeus que menos gastam em deslocações de turismo, ao desembolsar em média 136 euros por viagem turística, menos de metade da média da União Europeia, de 336 euros, revelam dados …

Ex-diretor da CIA admite recorrer à Justiça contra Donald Trump

O ex-diretor da CIA John Brennan admitiu neste domingo recorrer à Justiça, depois de o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, lhe ter cancelado o acesso a informação confidencial e à Casa Branca. “Se esse é …

Trabalhadores da CGD em greve contra a perda de privilégios

O novo Acordo de Empresa que a Administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD) pretende implementar está a gerar revolta entre os trabalhadores e já levou à convocação de uma greve para sexta-feira, 24 de …

Asia Argento terá pago a jovem ator que a acusou de assédio sexual

A atriz e realizadora italiana terá pago 380 mil dólares para silenciar um jovem ator e músico que a acusa de assédio sexual quando tinha apenas 17 anos. Asia Argento foi uma das primeiras mulheres da …

Governo está a preparar descida dos impostos e aumento das pensões

São cinco as prioridades do Governo para o próximo Orçamento do Estado, segundo revela Marques Mendes no seu habitual espaço de comentário na SIC, nomeando o aumento das pensões, o alívio no IRS, a descida …

Bomba que matou 40 crianças no Iémen foi vendida pelos EUA em 2015

A bomba que matou de 40 crianças num autocarro escolar no Iémen, a 9 de agosto, foi fabricada pelos Estados Unidos e vendida à Arábia Saudita em 2015. De acordo com a CNN, que avança …

GNR "desfalcada" devido à transferência de mil militares para os incêndios

Nos últimos meses, mais de mil militares da GNR foram "reconvertidos" em bombeiros especialistas, membros do Grupo de Intervenção de Proteção e Socorro (GIPS), que atuam no combate a incêndios. Com esta alocação, a situação …

Em 17 anos, o número de inspetores na educação caiu 41%

Entre 2001 e 2017, o número de inspetores a Inspeção-Geral da Educação e Ciência (IGEC) passou de 304 funcionários a exercer essas funções para 179, registando assim uma queda de 41%. O Sindicato dos Inspetores da …

Mais de 400 mortos nas inundações em Kerala, no sul da Índia

Mais de 400 pessoas morreram na sequência das inundações que atingiram Kerala, na Índia, as mais graves em 100 anos naquele estado do sul do país, de acordo com um balanço feito nesta segunda-feira pelas …