Estivadores europeus param em solidariedade com os portugueses

sxc

-

Estivadores dos portos dinamarqueses, suecos, espanhóis e franceses paralisaram hoje durante duas horas em solidariedade com os seus camaradas portugueses, disse fonte sindical à Lusa, com base em confirmações obtidas até às 18:30.

As paralisações foram feitas por apelo de duas federações sindicais internacionais, a IDC – Conselho Internacional de Estivadores, no qual está filiado o Sindicato dos Estivadores português, e a ETF – Federação Europeia dos Trabalhadores dos Transportes, que acolhem todos os sindicatos dos vários tipos de trabalhadores portuários.

Em comunicado, o Sindicato dos Estivadores congratulou-se com a solidariedade, que atribuiu não só ao entendimento de que o que se passa em Portugal “é um balão de ensaio” para os portos “onde ainda existam estivadores profissionais”, como também ao entendimento da existência de riscos em descarregar navios por trabalhadores precários.

“Ninguém vai arriscar a vida a descarregar um navio carregado às cegas, sem garantias de segurança e onde, ao mínimo descuido, poderão acontecer danos humanos e materiais tão trágicos como irreversíveis”, pormenoriza a estrutura sindical.

No texto, o sindicato adiantou que “não se opõe a novas contratações”, até porque “há anos que as reclama”, mas “exige que a reintegração dos trabalhadores despedidos no último ano seja prioritária”.

O Sindicato de Estivadores decidiu em 31 de janeiro prolongar as greves no porto de Lisboa até ao dia 24 de fevereiro.

Os estivadores estão contra o recurso a novos trabalhadores, depois de terem sido despedidos 47 em 2013, e contestam sobretudo o novo operador Porlis.

“O que está em causa é a tentativa de introduzir uma nova empresa com o objetivo de provocar a insolvência da atual”, declarou à Lusa o presidente do Sindicato dos Estivadores, Trabalhadores do Tráfego e Conferentes Marítimos do Centro e Sul de Portugal, António Mariano.

Na semana de 03 a 10 de fevereiro, os estivadores no turno das 08:00 às 10:00 vão parar o trabalho “para as empresas sócias da Porlis, maioritariamente pertencentes ao grupo Mota-Engil”.

As paralisações tiveram início no dia 27 de janeiro e já motivaram uma carta aberta das três associações de operadores portuários ao sindicato.

No documento, a que a Lusa teve acesso, os operadores dizem que receberam com “enorme surpresa e forte indignação” os pré-avisos, o que consideraram ainda mais surpreendente quando estes surgem “em pleno decurso do processo negocial de revisão do Contrato Coletivo de Trabalho, que se desenvolvia com toda a normalidade”.

“Parece-nos de uma enorme irresponsabilidade que, estando próximos de um acordo sobre matérias fundamentais e prontos para a admissão, no imediato, de mais 18 trabalhadores para o setor, tenha essa direção sindical decidido dinamitar novamente esse entendimento. Só interpretamos tal atitude como uma manifesta e inconfessável forma de não quererem uma paz social no porto de Lisboa”, consideram a A-ETPL – Associação–Empresa de Trabalho Portuário (ETP) Lisboa, a AOP – Associação Marítima e Portuária e a AOPL – Associação de Operadores do Porto de Lisboa.

Os operadores dizem também que estas greves pretendem “defender o interesse de apenas alguns”, além de que consideram que põem em causa “milhares de postos de trabalho” dependentes das operações dos portos e a “inversão do ciclo económico”, assim como o “abastecimento regular das Regiões Autónomas”.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Teresa Morais acusa Rui Rio de estar “a definhar” o PSD

A antiga vice-presidente do PSD Teresa Morais anunciou esta terça-feira que se retira “da linha da frente” dos sociais-democratas, acusando Rui Rio de estar “a definhar” o partido, tornando-o num “partido mediano e ideologicamente puro” …

As penas surgiram milhões de anos antes dos pássaros

A velha questão do ovo e da galinha estende-se agora aos pássaros e às penas. Quem surgiu primeiro? As penas, sugere uma recente investigação. Os pássaros são famosos pela sua imensa variedade de penas que usam …

Muro, fake news e Obamacare. Trump anuncia oficialmente a recandidatura à Casa Branca

O Presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou a sua recandidatura à Casa Branca, num comício em Orlando, Flórida, e voltou a acusar os jornalistas de serem "fake news" e disse que o país tem a …

Platini saiu em liberdade depois de muitas horas de interrogatório

O antigo presidente da UEFA Michel Platini saiu esta quarta-feira em liberdade, depois de várias horas a ser ouvido, no âmbito da atribuição da organização do Mundial de futebol de 2022 ao Qatar. ”A custódia é …

Descoberta bactéria que pode ajudar a criar uma vacina para o stress. Estava escondida na terra

Cientistas isolaram um padrão molecular único que pode, um dia, permitir a criação de uma vacina para o stress. Este padrão estava escondida dentro de uma bactéria que vive na terra. O Mycobacterium vaccae é uma …

Cientistas descobrem uma família de partículas imortais

Desafiando as leis que regem o universo da Física, uma equipa de cientistas acaba de descobrir uma família de partículas (quasipartículas) que, em sistemas quânticos, é capaz de se desintegrar e voltar a renascer numa …

A Via Láctea pode já ter colidido com outra galáxia

Astrónomos predizem que a Via Láctea está em rota de colisão com a Andrómeda e teremos apenas uns milhares de milhões de anos para nos prepararmos para esse impacto. Por outro lado, a nossa galáxia pode …

Teegarden B e C. Descobertos mais dois planetas que podem albergar vida

Cientistas de vários países identificaram mais dois planetas que consideram poder albergar vida, com climas temperados, semelhantes à Terra e que podem conter água líquida à superfície. A equipa da universidade alemã de Göttingen utilizou vários …

Ministério Público abre investigação a Juan Guaidó por corrupção

O Ministério Público da Venezuela anunciou a abertura de uma investigação penal contra Juan Guaidó por suspeita de corrupção relacionada com fundos para assistência a cidadãos venezuelanos na Colômbia. O anúncio foi pelo procurador-geral designado pela …

Cientistas descobrem no veneno de escorpião antibiótico contra tuberculose

Químicos no veneno podem combater estirpes resistentes da tuberculose e a bactéria causadora da pneumonia e septicemia. Veneno pode ainda travar o crescimento de células cancerígenas. Cientistas descobriram no veneno de escorpião antibióticos contra a tuberculose …