Estado paga 15 milhões de euros por ano a advogados

Teresa Alves de Azevedo / Facebook

Dia do Advogado 2016. Ao centro, o presidente do Conselho Regional de Lisboa da Ordem dos Advogados, António Jaime Martins

Os gastos do Estado com advogados quase que duplicaram nos últimos seis anos. Entre 2014 e 2016, os cofres públicos desembolsaram uma média de 15,2 milhões de euros por ano em contratos de assessoria jurídica.

Estes dados são avançados pelo Jornal de Notícias e pelo Dinheiro Vivo e assentam em dados do portal de contratos públicos Base, revelando que os gastos do Estado com advogados têm vindo a aumentar desde o triénio 2008/2010.

Entre 2014 e 2016, o Estado pagou 15,2 milhões de euros por ano, em média, em contratos de assessoria jurídica. Um valor que representa mais 4,9 milhões de euros do que no triénio anterior e que é quase o dobro do que se verificou entre 2008 e 2010, segundo o JN.

Entre 2014 e 2016, o Estado assinou uma média de 891 contratos com advogados, mais 168 do que entre 2011 e 2013, e mais 264 do que entre 2008 e 2010, segundo a mesma publicação.

E estes números podem não ilustrar a realidade completa, uma vez que alguns contratos podem não estar contabilizados, já que a análise teve em conta, apenas, as principais sociedades de advogados. Além disso, alguns serviços públicos não publicam os procedimentos contratuais no portal Base.

2015 e 2016 terão sido os anos em que o Estado mais gastou com advogados, respectivamente 18,4 milhões de euros em 300 contratos e 17,7 milhões em 358. Segundo o Dinheiro Vivo, para estes números contribuíram em grande parte o Banco de Portugal, o Metropolitano de Lisboa e várias empresas do Grupo Águas de Portugal.

Neste ano, até ao passado dia 17 de Novembro, já tinham sido “celebrados 270 contratos de aquisição de serviços externos de assessoria jurídica no valor global de 10,4 milhões de euros”, segundo o Dinheiro Vivo.

Em termos individuais, o destaque vai, de novo, para o Banco de Portugal que assinou um contrato de 1,5 milhões de euros com a Vieira de Almeida & Associados, aponta a publicação económica.

Esta sociedade de advogados surgirá à cabeça das que mais têm ganho em contratos com organismos públicos. Segundo o Dinheiro Vivo, só em 2015 é que foi ultrapassada nos ganhos pela Lipman Karas que auferiu três milhões de euros pela defesa da Metro de Lisboa na acção movida pelo banco Santander Totta.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. E não é por acaso que boa parte dos políticos são advogados!… essa praga de advogados mafiosos sempre mais preocupados em defender os interesses do seus (outros) clientes, é um dos maiores problemas da nossa classe politica!!

RESPONDER

Cerca sanitária em Odemira revela lacunas na ligação entre entidades

O resultado da intervenção da GNR no controlo dos que pretendem trabalhar nas explorações agrícolas sem ter realizado teste à covid-19 não é comunicada à ACT. O porta-voz do Comando Territorial de Beja da GNR disse …

Jorge Costa responde a Pepe: "Deve ter-se esquecido de quem eu sou"

O treinador do Farense e ex-jogador do FC Porto respondeu a Pepe na flash interview, depois da troca de palavras entre ambos no final do jogo desta segunda-feira no Estádio do Dragão (5-1). "O Pepe deve …

Salgado começa a ser julgado em junho. Defesa recorre da decisão de separar processos

O antigo presidente do BES começa a ser julgado a 7 de junho por três crimes de abuso de confiança, no âmbito da Operação Marquês, mas a sua defesa já entregou um recurso por …

Onda de violência em Jerusalém não tem fim. UE considera ataques "inaceitáveis"

A situação continua a ser preocupante em Israel e a comunidade internacional já tem deixado alguns alertas para que seja posto fim à violência. Na noite desta segunda-feira, um incêndio rompeu na zona da Esplanada das …

Sporting já tem autocarro decorado e reclama 23.º título. A FPF só reconhece 18

A apenas uma vitória do título, o Sporting já tem o autocarro decorado para celebrar a conquista. Os 'leões' reclamam 23 títulos, embora a FPF só reconheça 18. O Sporting CP está a uma vitória de …

Descoberta vila da Idade do Bronze submersa num lago suíço

A descoberta de uma vila da Idade do Bronze, submersa num lago suíço, redefine a história da cidade de Lucerna e sugere que a área foi colonizada 2.000 anos antes do que se pensava. O lago …

"Já vimos este filme". Catarina Martins receia austeridade pós-bazuca (e está preocupada com a TAP)

A coordenadora do Bloco de Esquerda disse temer a austeridade que possa surgir após a prometida bazuca de fundos europeus e confessou estar “muito preocupada” com a TAP. Em entrevista à TVI na noite de segunda-feira, …

Portugal continental atinge 4 milhões de doses administradas. Processo está a ser mais rápido do que o previsto

Portugal Continental vai atingir esta terça-feira as quatro milhões de doses de vacinas administradas. Segundo a task force, o processo está a acontecer mais rapidamente do que o previsto. De acordo com um fonte da task …

Descoberta nova espécie de tartaruga que viveu no final do Cretáceo

Em 2015, paleontólogos descobriram em Madagáscar um fóssil excecionalmente bem preservado, que agora se confirma ser de uma nova espécie de tartaruga, que remonta ao final do Cretáceo. A antiga tartaruga era uma espécie de água …

Pelo menos onze mortos na sequência de um tiroteio numa escola da Rússia

Dois indivíduos não identificados efetuaram esta terça-feira disparos numa escola na cidade de Kazan, no centro da Rússia, informaram agências de notícias, que citam fontes oficiais. Pelo menos onze pessoas morreram, avança a AFP, que cita …