“Escapar da pandemia no paraíso”. Ilhas Fiji abrem as fronteiras aos bilionários

A indústria do turismo está a reabrir gradualmente em todo o mundo. Nas ilhas Fiji, compostas por 300 ilhas no Pacífico Sul, cuja economia depende em 40% do turismo, os alvos são os bilionários.

De acordo com a CNN, como forma de retomar o turismo, as ilhas Fiji estão a fazer um apelo a um público muito específico: os bilionários que procuram um retiro durante a pandemia.

Depois dem na semana passada, dizer no Parlamento das Ilhas Fiji que a sua visão para uma “sociedade pós-covid-19” incluía uma retomada gradual do setor de viagens, o primeiro-ministro Josaia “Frank” Voreqe Bainimarama ofereceu um convite aberto aos bilionários que desejam visitar o país.

Numa declaração na rede social Twitter, o primeiro-ministro das Ilhas Fiji escreveu: Então, digamos que é um bilionário que quer pilotar o seu próprio jato, alugar a sua própria ilha e investir milhões de dólares em Fiji no processo – se estiver a tomar todas as precauções de saúde necessárias e a suportar todos os custos associados, pode ter um novo lar para escapar da pandemia no paraíso“.

O procurador-geral do país, Aiyaz Sayed-Khaiyum, confirmou que um grupo de indivíduos teve permissão para viajar para Fiji. Sayed-Khaiyum disse que cerca de 30 pessoas de “uma empresa muito conhecida” chegariam ao país em aviões particulares, antes de ir de hidroavião para o seu destino final, onde permaneceriam durante três meses.

“Na nossa perspectiva, este é um equilíbrio entre gerir os nossos riscos de saúde e também abrir os caminhos económicos. É extremamente importante fazer isto”, acrescentou.

As Ilhas Fiji também iniciou uma iniciativa chamada “Blue Lanes” para receber turistas que chegam de iate. Os viajantes podem cumprir o período de quarentena de 14 dias a bordo dos seus navios particulares antes da chegada ou aportados nas Ilhas Fiji. Depois do resultado negativo no teste para covid-19, os visitantes estariam livres para “vaguear” pelo país.

As Ilhas Fiji também poderão acolher equipas de de cinema e televisão, desde que sigam as medidas de quarentena.

Na semana passada, o primeiro-ministro de Fiji anunciou que o país estava a trabalhar num plano de viagem chamado Bula Bubble entre si, Nova Zelândia e Austrália.

As Ilhas Fiji confirmaram 18 infecções por coronavírus, de acordo com a Organização Mundial da Saúde. Não houve mortes pelo vírus e nenhum novo caso foi diagnosticado desde meados de abril.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Zara, 19 anos, quer ser a mulher mais nova de sempre a voar sozinha à volta do mundo

Uma jovem, de 19 anos, pôs mãos à obra para levar a cabo um "gap year" (o chamado ano sabático) com um propósito muito fora do comum: tornar-se a mulher mais nova de sempre a …

Francês diz ter usado método matemático para ganhar o Euromilhões

O francês, que não quis revelar a sua fórmula à imprensa, ganhou, no dia 11 de junho, 30 milhões de euros com a combinação com a qual jogava há um mês. A história foi contada, esta …

Mais de metade da população portuguesa já tem a vacinação completa

Mais de metade da população residente em Portugal (52%) já tem a vacinação completa contra a covid-19, revela o relatório semanal de vacinação divulgado esta terça-feira pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último relatório semanal …

Campeão olímpico criou problemas no seu país natal

Richard Carapaz, medalha de ouro no ciclismo, foi direto: "O país nunca acreditou em mim". Presidente do Equador, ministro e Comité Olímpico reagiram. Poucos dias depois de ter subido ao pódio final da Volta a França …

Jovens preocupados com fertilidade e efeitos secundários das vacinas contra a covid-19

Com o avanço das campanhas de vacinação, um grande número de pessoas das faixas etárias baixo dos 30 anos mostra-se relutante em tomar a vacina contra a covid-19. Os jovens falam de preocupações com fertilidade …

Clarisse: dois gestos que ficam para a memória olímpica

Clarisse Agbégnénou foi campeã olímpica no judo, pela primeira vez - mas a atitude que demonstrou, mal venceu a final, ficará também para os registos. Campeã mundial cinco vezes, mais duas medalhas de prata. Cinco medalhas …

Sindicatos avançam com ações legais para travar despedimento coletivo na TAP

Os sindicatos que representam os trabalhadores da TAP vão avançar com ações legais para travar o despedimento coletivo que a empresa iniciou na segunda-feira, que abrange 124 profissionais. "Até agora houve conversa, a partir de agora …

Ginastas alemãs usam fato integral para combater sexualização da modalidade

Ao contrário do que acontece com os ginastas masculinos, que podem optar por calções ou calças, as mulheres competem, desde o início da modalidade, de bodies que expõem grande parte do seu corpo. Quando, no último …

Tribunal europeu dá razão à SIC e condena Estado por violar liberdade de expressão

Portugal foi condenado pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem (TEDH) por violação da liberdade de expressão num caso em que a SIC foi obrigada a indemnizar um ex-deputado do PS por ofensa à sua …

Misturar doses da AstraZeneca e da Pfizer aumenta até seis vezes as defesas contra covid-19

Um novo estudo realizado na Coreia do Sul concluiu que o número de anticorpos contra a covid-19 aumentou seis vezes em quem misturou as doses da AstraZeneca e da Pfizer em relação a quem tomou …