Erro da Segurança Social está a prejudicar pensionistas

Manuel de Almeida / Lusa

O ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, José António Vieira da Silva

A Segurança Social está a calcular de forma errada as reformas de alguns pensionistas, pagando valores inferiores ao devido, por causa de uma má interpretação da legislação, como alerta o Tribunal de Contas.

O parecer do Tribunal de Contas (TdC) à Conta Geral do Estado de 2017 e da Segurança Social, divulgado quarta-feira, aponta que as pensões de invalidez do regime especial e as pensões antecipadas, em situações de desemprego de longa duração, estão a ser pagas abaixo dos valores devidos, conforme dá nota a Rádio Renascença.

No caso das pensões de invalidez do regime especial, o erro da Segurança Social (SS) verifica-se “sempre que a pensão ultrapasse 12 vezes o Indexante de Apoios Sociais (IAS)”, refere a Rádio. Em causa está uma má interpretação da legislação, segundo o TdC.

Relativamente às pensões antecipadas, a SS “reconhece o erro e garante que vai corrigir os cálculos”, nota a Renascença.

Já no caso das pensões mínimas garantidas, o problema prende-se com o facto de a SS estar a fazer as contas do Estado por baixo. O TdC alerta que os cálculos devem ser feitos de modo a favorecer o beneficiário.

“É necessário estar vigilante”

Durante a apresentação do parecer sobre a Conta Geral do Estado de 2017, o presidente do TdC, Vítor Caldeira, alertou também para riscos na sustentabilidade das Finanças Públicas associados “ao volume da dívida pública” e ao peso das pensões.

“É necessário estar vigilante pelas expectativas estarem altas” sobre um possível excedente primário e devido à possível “subida das taxas de juro” e à “conjuntura externa”, sublinhou Vítor Caldeira.

Em 2017, a receita efectiva “atingiu mais de 74 mil milhões de euros e a despesa efectiva os 77 mil milhões“, o que fez com que a redução do défice, de 2,8 mil milhões de euros, se traduzisse numa redução “na ordem dos 40%”, disse o presidente do TdC.

Relativamente à SS, Vítor Caldeira salientou o desempenho “também positivo”, com receitas superiores a 32 mil milhões de euros e “custos efectivos suportados na ordem dos 29 mil milhões”.

Em termos de encargos com responsabilidades contingentes relativos a medidas de resolução, foram de 3,8 mil milhões de euros, “sendo que os apoios públicos ao sector financeiro atingiram 2,9 mil milhões de euros”, disse.

A dívida pública consolidada, “apesar de ter descido” em termos de percentagem do Produto Interno Bruto (PIB), “em termos nominais cresceu 235,7 mil milhões de euros”, afirmou ainda.

A Conta Geral do Estado apresenta “um número significativo de omissões”, já que “não reflecte todo o universo de informação financeira que deveria”, realçou Vítor Caldeira, salientando as necessidades de “todas as unidades do perímetro” do Estado serem tidas em conta, bem como “todo o ‘stock‘ da dívida”, e de ser feito um “inventário do património do Estado”.

O parecer do TdC emite “um juízo com reservas ao nível da legalidade, da correcção financeira e do controlo interno”, formulando 60 recomendações para “suprir deficiências”, 18 das quais são novas para 2017 e as restantes 42 reiteradas.

O Tribunal analisou ainda que o Orçamento do Estado de 2017 foi alterado significativamente ao longo do ano, o que agravou o défice da administração central em 972 milhões de euros.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

8 COMENTÁRIOS

  1. estou farto desta geringonça, é tudo mas tudo ao deus dará, fora com esta gente que não sabem o que andam a fazer, a não ser para ganhar votos fazem tudo, vão para a venezuela que é onde pertençem.

    • Não sei se a resposta era para mim, mas “Portugal” escreve-se com letra maiúscula e “pertencem” não leva cedilha!!
      Mais respeito pela Língua Portuguesa que também faz parte do património do país!

RESPONDER

Sporting vai avançar com ação de despejo das claques

A SAD leonina vai avançar com uma ação de despejo para que as claques Juventude Leonina e Directivo Ultras XXI deixem os espaços que ocupam no Estádio José Alvalade, avança A Bola esta quarta-feira. De …

"Ninguém quer trabalhar" na Casa Pia. Pais em protesto devido à falta de pessoal

Os pais e encarregados de educação do Centro Educativo e Desenvolvimento D. Maria Pia, em Lisboa, vão entregar na segunda-feira um abaixo-assinado à tutela para pedir a abertura de concursos externos para reforço de pessoal …

Trump elogiou Erdogan, depois de uma reunião que descreveu como "maravilhosa e produtiva"

O Presidente norte-americano, Donald Trump, elogiou na quarta-feira o seu relacionamento com o homólogo turco, Recep Tayyip Erdogan. Os dois líderes encontraram-se para tentar superar várias diferenças, incluindo a situação na Síria e a compra …

MH17. Novas provas revelam contactos frequentes entre a Rússia e separatistas ucranianos

A equipa internacional que conduziu a investigação sobre a queda do voo MH17 em 2014 no leste da Ucrânia divulgou novas provas que apontam para contactos muito frequentes entre a Rússia e os rebeldes separatistas …

Imunidade diplomática deixa em liberdade suspeito de tentar matar com ácido sulfúrico

O suspeito de homicídio, na forma tentada, ficou em liberdade depois de ter apresentado o passaporte diplomático às autoridades, que impede que seja detido ou constituído arguido. De acordo com a TVI24, um alto responsável da …

Zivkovic quer rescindir contrato com o Benfica

O extremo sérvio quer chegar a acordo com o Benfica para ficar livre a ano e meio do final do seu contrato mas, pelos vistos, a SAD encarnada nem quer ouvir falar dessa hipótese. De acordo …

Cigarros eletrónicos. Primeiro duplo transplante de pulmões feito em jovem de 17 anos em situação de "morte iminente"

Em risco de "morte iminente" por lesões causadas pelo uso de cigarros eletrónicos, um jovem de 17 anos foi submetido a um duplo transplante de pulmões, no estado norte-americano do Michigan. Este caso é considerado …

Parlamento Europeu levanta imunidade do eurodeputado José Manuel Fernandes

O Parlamento Europeu decidiu levantar a imunidade ao eurodeputado do PSD José Manuel Fernandes, após um pedido feito pela justiça e pelo próprio, relativo a uma eventual ação judicial por um alegado crime de prevaricação. Em …

"Agiu de forma premeditada". Mãe que deixou bebé no lixo vai continuar presa

O Supremo Tribunal de Justiça rejeitou esta quinta-feira o pedido de habeas corpus para a libertação da jovem de 22 anos que terá deixado o seu filho recém-nascido num caixote do lixo em Lisboa. A …

Mau tempo nas próximas 48h. Proteção Civil alerta para cheias e quedas de árvores

A Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil alertou para a possibilidade de lençóis de água e de gelo nas estradas, cheias rápidas e queda de árvores, devido ao mau tempo nas próximas 48 horas …