Equipas móveis vão percorrer o país para testarem alunos, professores e funcionários de escolas públicas

Robin Van Lonkhuijsen / EPA

Equipas móveis – compostas por enfermeiros, técnicos e administrativos – vão percorrer o país para testarem todas as escolas públicas do continente. Numa primeira fase, o universo de testados rondará as 500 mil pessoas.

O Público avança, este sábado, que o Ministério da Saúde, em conjunto com o Ministério da Educação e com uma rede de laboratórios, vai lançar uma operação que vai testar alunos, professores e funcionários do secundário das escolas públicas do continente.

Numa primeira fase, vão ser testadas cerca de 500 mil pessoas. O objetivo do Executivo é alargar o rastreio a todas as escolas públicas do país à medida que Portugal continental começar a desconfinar.

As equipas móveis de testagem – que vão ser compostas por enfermeiros, técnicos e administrativos – vão permanecer numa escola por concelho e os alunos e professores terão de se deslocar até ao estabelecimento de ensino para serem testados.

Ao que tudo indica, o modelo de realização dos testes será aquele que já se encontra no terreno com a Cruz Vermelha, que desde finais de janeiro já testou cerca de 55 mil pessoas em escolas do continente. No entanto, laboratórios privados serão chamados a colaborar neste projeto.

Gonçalo Órfão, que coordena o programa de testes daquele organismo, explicou ao Público que, em cada concelho, foi selecionado pelos serviços regionais de educação um estabelecimento de ensino onde se concentra a realização dos testes. “As pessoas deslocam-se a essa escola para serem testadas”, disse.

Apesar de a Cruz Vermelha fazer testes rápidos de antigénio, cujo resultado é conhecido em menos de 30 minutos, não deverá ser este o tipo de análise efetuada pela maior parte dos laboratórios privados. Alguns deles indicaram ao diário que farão testes automatizados, ou seja, lidos por uma máquina num laboratório central e comunicados às autoridades de saúde em 24 horas.

Os profissionais de cada escola serão testados pelo menos uma vez e a repetição das análises dependerá da incidência que se registar no seu concelho. Isto significa que só nos municípios que registarem uma incidência cumulativa a 14 dias superior a 120 casos por 100 mil habitantes deverão repetir os exames, de 14 em 14 dias, até o valor baixar.

Após uma primeira testagem, espera-se que a operação vá sendo alargada a todas as escolas públicas do país.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. É bom que se preparem para usar testes através de saliva. Da minha parte não permitirei testes evasivos constantes aos meus filhos por via nasal…

  2. O título desta notícia remete para uma reabertura quase urgente dos estabelecimentos de ensino. Até isto chegar ao Parlamento e ser aprovado, já a galinha terá posto mais ovos.

RESPONDER

Neuralink divulga vídeo de macaco a jogar videojogo com a mente

A Neuralink, empresa de implantes cerebrais do empresário Elon Musk, divulgou na quinta-feira um vídeo que mostra a tecnologia a funcionar em macacos. No vídeo, um cientista da Neuralink explica a forma como a empresa implantou …

Obra de Paula Rego vai a leilão com estimativa de um milhão de libras

A obra “The Aunt (Nada)”, da pintora portuguesa Paula Rego, vai ser leiloada pela Phillips, em Londres, na quinta-feira, com uma estimativa de venda entre 800 mil e 1,2 milhões de libras (922 mil a …

Minerar bitcoin na China vai gerar mais emissões de carbono do que as de toda a República Checa

Um novo estudo estima que o processo de mineração de bitcoin na China poderá gerar em breve 130,50 milhões de toneladas de emissões de carbono por ano (mais do que a produção anual de toda …

Chelsea 0-1 FC Porto | Adeus com sentimento de injustiça

Difícil de lidar. O Porto mostrou capacidade para afastar o poderoso Chelsea nos quartos-de-final da Liga dos Campeões, mas ficou a um golo de levar a eliminatória para prolongamento, acabando afastado. Após a derrota por 2-0 …

Suíça cria a moeda mais pequena do mundo com a imagem de Einstein

Com a famosa imagem de Albert Einstein a mostrar a língua, e com apenas 2,96 mm de diâmetro, é necessário o recurso a uma lupa para conseguir apreciar o objeto. Esta é a  moeda mais …

Citroën apresenta o seu novo topo de gama. O C5 X promete audácia e inovação

A Citroën apresentou o C5 X, uma carrinha sobrelevada ao estilo de crossover, que faz uma maior apologia da tecnologia, do conforto e de um desenho mais irreverente face aos rivais que se encontram no …

J-Lo, H.E.R. e Foo Fighters em concerto para financiar vacinas contra a covid-19

As cantoras Jennifer Lopez e H.E.R. são duas das participantes num espetáculo especial, que será transmitido a nível global, no próximo dia 8 de maio, com o objetivo de angariar fundos para as vacinas contra …

"Indecente e imoral". Paquistão em guerra aberta com o TikTok, a rede social mais popular do país

O TikTok é a rede social mais popular no Paquistão, mas a aplicação mostra um lado do país que não se alinha com a sua imagem conservadora. Em 2019, o TikTok tornou-se a segunda aplicação mais …

Joe Biden promete retirar todas as tropas do Afeganistão até 11 de setembro de 2021

O Presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, vai propor a retirada de todas as tropas do Afeganistão até ao dia 11 de setembro de 2021, no vigésimo aniversário do ataque ao World Trade Center. Segundo o …

120 anos depois, IA ajuda a recriar pintura escondida sob obra-prima de Picasso

A Inteligência Artificial (IA) ajudou a recriar uma obra de arte que esteve escondida sob uma pintura de Pablo Picasso durante quase 120 anos. Uma misteriosa paisagem esconde-se debaixo da superfície visível de La Miséreuse Accroupie …