Depois de duas semanas à espera, Open Arms estuda possibilidade de atracar sem autorização

O fundador da organização não-governamental (ONG) espanhola Open Arms, Óscar Camps, alertou neste domingo para a possibilidade de o barco ter de atracar sem autorização.

Já na segunda semana à espera de cooperação por parte de países costeiros da Europa, o barco que abriga 160 migrantes precisa de reforços de abastecimento.

No último sábado, mais 39 migrantes foram resgatados pela ONG, juntando-se aos 121 já abrigados no barco, que está à espera de autorização italiana para atracar e liberar os migrantes em segurança depois da travessia do Mediterrâneo.

Malta mostrou-se disponível para receber 39 destes migrantes, o que ainda não se concretizou. Já concretizado foi, no domingo, o desembarque por razões de saúde de três dos 160 migrantes, aceite por Malta e Itália

Camps anunciou também que o barco Astral levará nesta segunda-feira suprimentos alimentícios, além de voluntários de apoio psicológico para uma melhoria da convivência. Os voluntários foram chamados para “manter a estabilidade emocional a bordo do Open Arms, o que já começa a tornar-se difícil”, revelou o fundador.

A necessidade de desembarcar passa a ser cada dia mais urgente. Caso não consigam uma autorização o mais rápido possível, Camps alertou que teriam de “atracar por motivos humanitários, com tudo o que isto representa”.

Em alusão aos inconvenientes de desembarcar sem autorização, o espanhol define-as como “dificuldades que trarão, evidentemente, entraves administrativos, burocracias, bloqueios e multas”.

UE não tem solução

A União Europeia (UE) ainda não tem uma solução para os 160 migrantes a bordo da embarcação da organização espanhola Open Arms, anunciou Bruxelas, já que ainda não chegaram manifestações formais dos Estados-membros para receber estas pessoas.

A informação foi divulgada na conferência de imprensa diária do executivo comunitário, em Bruxelas, na qual o porta-voz Christian Wigand informou os jornalistas de que, “no que toca aos migrantes a bordo da Open Arms, a Comissão ainda não iniciou a coordenação da operação de resgate porque não houve um pedido formal pelos Estados-membros“.

Ainda assim, “já contactámos [informalmente] alguns países para mostrarem solidariedade para com as pessoas a bordo e contribuírem para uma solução”, acrescentou o responsável.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Três portugueses morrem em desabamento de escola na Bélgica

O desabamento de uma escola em construção em Antuérpia, na Bélgica, provocou, esta sexta-feira, a morte de três portugueses. As circunstâncias em que o desabamento ocorreu ainda não são conhecidas. Fonte consular portuguesa confirmou à RTP …

António Oliveira desiste de candidatura à Câmara de Gaia

Esta sexta-feira, numa reunião de emergência, António Oliveira, candidato à Câmara de Vila Nova de Gaia, anunciou ao líder do PSD, Rui Rio, a sua desistência da corrida eleitoral. António Oliveira tinha sido a escolha de …

Elemento da comitiva olímpica portuguesa recusou vacina

Todas as outras pessoas que estarão em Tóquio, a representar Portugal, já foram vacinados contra a COVID-19. Quase todos os membros da comitiva olímpica portuguesa, que vão estar nos Jogos Olímpicos de Tóquio, foram vacinados contra …

Os balões incendiários são a mais recente arma nas tensões Israel-Hamas

Durante a noite, forças israelitas voltaram a quebrar o cessar-fogo e lançaram um ataque aéreo na Faixa de Gaza em resposta a balões incendiários lançados pelo Hamas. Ativistas palestinianos lançaram dezenas de balões incendiários por cima …

Croácia 1-1 República Checa | Perisic empata e ninguém se chateia

A República Checa empatou hoje a um golo com a Croácia, em encontro da segunda jornada do Grupo D do Euro2020 de futebol, disputado em Glasgow, colocando-se em boa posição para chegar aos oitavos de …

Rio Ave não vai admitir adeptos nos jogos

Federação confirmou que o público pode voltar ao futebol mas o clube de Vila do Conde considera que a medida anunciada é injusta e tardia. Algumas competições organizadas pela Federação Portuguesa de Futebol estão autorizadas a …

Parlamento levanta imunidade a André Ventura

O levantamento da imunidade parlamentar permite a André Ventura responder perante o Tribunal Judicial da Comarca de Braga sobre o jantar-comício nas presidenciais, que contou com mais de 170 pessoas. O Parlamento levantou, esta sexta-feira, a …

Adeptos do Parma contestam regresso do Buffon "mercenário"

Faixa exibida à porta do estádio do Parma recorda saída para a Juventus, em 2001: "Saíste como mercenário". Gianluigi Buffon está de volta ao Parma, 20 anos depois. Mas nem todos os adeptos do emblema italiano …

Ex-adjunta da ministra da Justiça vai investigar corrupção no Governo

A magistrada Carolina Costa, que foi adjunta da ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, foi escolhida para integrar o Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP). Ora, este órgão, está a investigar vários elementos …

Coro de críticas ao "fecho" da Área Metropolitana de Lisboa aumenta. Governo insiste que medida é constitucional

O Governo insiste que o "fecho" da Área Metropolitana de Lisboa (AML) é uma medida prevista na situação de calamidade, mas o coro de críticas aumenta. Na conferência de imprensa desta quinta-feira, a ministra Mariana Vieira …