Miguel salvou vidas no Mediterrâneo. Agora é ele quem precisa de ajuda

(dr) PPL

Miguel Duarte, 26 anos, está a ser acusado pela justiça italiana por ter resgatado migrantes no Mediterrâneo

O jovem português está a ser acusado pela justiça italiana de auxílio à imigração ilegal e pode vir a enfrentar 20 anos de prisão por ter salvo vidas.

Miguel Duarte, português de 26 anos, começou a ser notícia em agosto de 2018, quando foi acusado pelo Ministério Público italiano de auxílio à imigração ilegal. O jovem fazia parte da ONG Solidarity at Sea, cujo trabalho passa por fazer missões de salvamento de refugiados no mar Mediterrâneo.

Juntamente com outros nove colegas, que trabalharam a bordo do Iuventa – um dos navios que foram impedidos de circular em águas italianas – Miguel está a ser investigado pela Procuradoria de Trapani e arrisca uma pena de 20 anos de prisão e milhares de euros em coimas.

De acordo com a Humans Before Borders, associação portuguesa em que o português se encontra, Miguel está a ser apoiado por uma equipa de advogados, liderada por Nicola Canestrini, que estima que os custos legais do processo cheguem aos 500 mil euros. Além disso, a defesa acresce ainda as deslocações para reuniões entre tripulantes, com a equipa legal e para as audiências judiciais.

Por isso, a organização decidiu criar uma campanha de crowdfunding, cujo objetivo é angariar dez mil euros para ajudar o jovem, que está a completar o doutoramento em Matemática, no Instituto Superior Técnico de Lisboa.

“Esta campanha visa angariar não o total necessário para cobrir os custos, mas aquilo que nos parece realista tendo em conta o número de pessoas a que conseguimos chegar. É uma campanha direcionada para Portugal, mas faz parte de um esforço coordenado de muitas pessoas em vários países europeus”, lê-se na página da iniciativa.

“Os voluntários sob investigação são cidadãos da Alemanha, Escócia, Espanha e Portugal. Tanto estes como os advogados são obrigados a viajar de vários países europeus para Bruxelas, Sevilha, sul de Itália, Lisboa frequentemente para construir uma estratégia de defesa e comparecer em tribunal. A duração de todo este processo é impossível de prever mas os advogados estimam que se vá arrastar durante vários anos”, continuam.

Em 2018, 2.262 refugiados morreram no Mediterrâneo e, graças a missões como as da Solidarity at Sea, foi possível “salvar 14 mil pessoas”, recorda Miguel no vídeo da iniciativa.

“Precisamos da tua ajuda para que o Miguel permaneça em liberdade e para que atos de solidariedade não se tornem um crime. O Miguel podia ser qualquer um de nós. O Miguel podia ter salvo qualquer um de nós”, conclui a organização.

ZAP //

PARTILHAR

26 COMENTÁRIOS

  1. Uma ajudinha do senhor ministro dos negocios estrangeiros seria bem milagrosa …mas por vezes o esquecimento e grande e lembro me que temos um governo de familias que não querem saber do povo…

  2. Aonde está o Ministro dos Negócios Estrangeiros!!!! que não vê este grave problema!! será que o Miguel não tem Pátria???

      • Lá tinha que vir o idiota do EU! questionar os comentários alheios.
        .
        Oh pá se não tens nada a crescentar, rasteja em silêncio para o teu buraco.
        .
        Já mete nojo a tua insolência, impertinência e prepotência!
        .
        F!”$%&/()= pá és cá uma melga.
        .
        Que é que este assunto tem a ver com ignorância?!
        .
        Ah, já sei. Só se for com a tua, que a cada vez se confirma amior e imensurável

        • Ui… oh cao dando, hoje estás mesmo danado!…
          Tem calma e respira fundo, porque isso faz-te mal…
          Achas mesmo que alguém (nomeadamente eu) está minimamente preocupado com a tua triste e desajeitada opinião?!
          Pois…
          .
          “Lá tinha que vir o idiota do EU! questionar os comentários alheios.”
          Claro, até porque nem foi PRECISAMENTE isso mesmo que tu fizeste!…
          Enfim…
          Se “mete nojo”, tens bom remédio: passa ao lado; porque ninguém anda aqui para te agradar!…
          Se não fosse tão “lento” já saberias que quem comenta num fórum público (ainda por cima, para disparatar, com é normalmente o teu caso!), está sempre sujeito à critica de quem o lê!
          Se não aguentam o escrutínio, não se metam no “barulho”!..
          .
          Tu é que não acrescentas-te absolutamente NADA e, caso não tenhas percebido à 1ª, a ignorância tem a ver como facto de alguém achar que o Ministro dos Negócios Estrangeiros pode fazer alguma coisa – como se a Itália não fosse um Estado de Direito e que a Procuradoria de Trapani fosse influenciável por um qualquer Ministro (ainda por cima, de outro país)!!
          Pensar antes de debitar disparates na Internet, evitaria muitas confusões e, mais uma vez: a ignorância não pode ser desculpa para tudo!…
          Percebido?

  3. GOVERNOS EM QUEM VOTAMOS ONDE ESTÃO? EXISTEM? SE ISTO FOSSE NOUTRO PAÍS A COISA MUDAVA DE FIGURA. A PREOCUPAÇÃO E AUXÍLIO AOS VENEZUELANOS JÁ VAI EM QUINZE MILHÕES!
    ENTÃO SR. PR SABE QUE ESTE RAPAZ SALVOU VIDAS . ATÉ MERECIA UMA CONDECORAÇÃO .
    SR MINISTRO DO MNE E SECRETÁRIO DO MNE ESTE RAPAZ PRECISA DE UMA PROTEÇÃO QUE LHE PERMITA TER UMA VIDA DIGNA E LIVRE.
    UM CIDADÃO PORTUGUÊS NÃO PODE SER DEIXADO AO ABANDONO NEM AMESQUINHADO POR UM GOVERNO ESTRANGEIRO. MERECE ESTIMA E RECONHECIMENTO PELOS RELEVANTES SERVIÇOS PRESTADOS PELAS
    VIDAS QUE SALVOU .

  4. É preciso também assegurarmo-nos-nos que na prática da solidariedade não se comete um crime. A Justiça Italiana levou mias de dois anos a investigar o Iuventus, começando antes do arresto e depois deste em Agosto de 2017. Note-se, é o único navio privado arrestado nesse âmbito. O processo passa gora para a fase de julgamento pois os Italianos acham que o navio fazia uma espécie de serviço de táxi em moldes explicados na acusação.

  5. Pode ser bom rapaz, e boas intenções, mas ao invés de resgatarem pessoas, estas ONG’s andaram a fazer serviço de táxi no mediterrâneo, em cooperação com os traficantes. Para além disso, muitos dos ‘resgatados’ não encaixavam no estatuto de ‘refugiado’. Eram sim migrantes económicos. Infelizmente, parece que se teima em chamar de ‘refugiado’ a qualquer pessoa num barco rumo à Europa.
    O senhor agora acusado afirmou em entrevista que o direito internacional os obriga a levar as pessoas para terra. No entanto, esqueceu-se convenientemente de explicar que o direito internacional também os obriga a levar os ‘resgatados’ para o porto mais próximo, o que com frequência não acontecia. Ao invés, completavam a viagem dos ‘resgatados’ para portos europeus, ao invés do porto mais próximo, conforme eram obrigados. Junta-se a isto as enormes somas de dinheiro que recebiam de fontes diversas, desde donativos a algumas de agenda duvidosa. Ser português ou paquistanês pouco importa. À luz do direito internacional são todos criminosos, e dificilmente se escapam se a acusação for bem preparada.

    • George Soros é um dos “financiadores anónimos” que de todo não tem uma agenda política por de trás de tudo aquilo que ele faz… Ha ha ha
      Já se percebe porque é que produtos derivados de soja estão tão acessíveis, exponencialmente quantos mais se consumir, maior vai ser o nível de subscrição a políticas emocionais por parte destas “pessoas”. Vivem uma ilusão muito bem planejada e executada, pena que são demasiado densos para compreender a situação.

  6. Só espero que nunca nenhum de nós tenha de fugir das tragédias que estes povos sofrem… é caso para perguntar e se fosse contigo? Se calhar gostavas que alguém te ajudasse… pensem nisso ou se calhar é melhor não.

  7. Salvar pessoas é traze-las para a Europa?
    Sure. Não confundam agenda politica com humanitarismo.
    Ajuda humanitária seria regasta-los do Mediterrâneo, e deixa-los na costa Africana.
    Obviamente que a Europa (nem qualquer local) não tem capacidade de acolher toda a gente que queria entrar. Daí existirem processos.

  8. Eu mesmo, então diga-me o que fazia se fosse você que estivesse no lugar do Miguel Duarte.. Passava ao lado, ia ver se podia deixa-los numa fronteira qualquer longe de Europa, ia perguntar se estão mesmo a fugir ou se são uns malandros que só nos querem vir chatear, sim o que fazia…. mas não demore muito tempo a pensar, porque entretanto com tanto excesso de zelo, com tanta falta de caridade, só já haveria corpos para contar história …. Eu sinceramente espero que nunca me encontre na situação de ter que fugir do meu País.
    Eu também penso que estes problemas têm que ser resolvidos nos País de origem .A Europa não comporta tanta gente…Mas entretanto, enquanto os esforços se unem e talvez um dia “eles”, consigam viver em Paz nos seus Países, vamos ser Solidários uns com os outros, porque no fim Somos Todos Humanos, Todos Habitantes desde Planeta tão maltratado a que chamamos Terra. Hoje por uns, amanhã por outros…

  9. tudo não passa de um fraude montada por organizações politicas para angariar fundos.
    é tudo mentira!
    nem as penas vão a 20 anos (obviamente), nem o processo custa 500.000 € (obviamente), nem a acusação é a de “salvar pessoas no mar”
    vão nesta cantiga e um dia acordam a viver num bairro dominado pela xaria

  10. Este senhor não passa de um traficante de pessoas.
    Querem salvar vidas mas vão busca-las à costa da Libia e fazem a viagem toda até à Europa. Isto é trafico.
    Salvar vidas seria pegar nelas e larga-las no porto seguro mais próximo, como a Nigéria.
    Mas claro, a corrupção comunista socialista em Portugal faz constantemente lavagem cerebral através dos canais de propaganda socialista usual RTP, SIC, etc. Que este criminoso vai ser condenado por “salvar vidas”. Não, vai ser condenado por ser traficante de seres humanos. Ponto final-

  11. É tudo muito bonito, ele é boa pessoa e tal, mas fazer filhos em mulher alheia é muito fácil, basta ver que os pretinhos estão fartos de dar á costa em Itália, quando foram acolhidos começaram a exigir tudo e mais alguma coisa, a provocar desacatos e a destruir propriedade pública, os Italianos já não os podem ver…Claro, depois o tugazito pôs-se a jeito… Só acho triste o Marcelo da Selfie vir defender este tuga… claro, os terroristas não aparecem na nossa costa, e, se viessem, pernas para que vos quero!!! São terroristas mas não são burros…

  12. Salvou vidas e auxiliou à imigração ilegal!!! Porque é que quando salvam essas pessoas, não as levam de volta para áfrica? Todos os que têm esse tipo de atitudes devem ser condenados pela justiça dos países para onde os tentam levar! Uma boa ação (salvar vidas), não justifica uma má ação (imigração ilegal) Com 26 anos, já é um homem adulto e deveria saber que existem consequências quando as atitudes violam as leis!

RESPONDER

Boris Johnson quer transformar o Reino Unido "no melhor lugar da Terra"

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, defendeu esta segunda-feira uma economia "com muito comércio e impostos baixos" no Reino Unido depois de o país sair da União Europeia a 31 de outubro. Johnson "aspira a criar …

Duarte Lima vai ser julgado em Portugal pelo alegado homicídio de Rosalina Ribeiro

O Supremo Tribunal brasileiro determinou o trânsito em julgado da decisão de enviar para julgamento em Portugal o processo em que o ex-deputado português Duarte Lima foi acusado de homicídio da sua cliente Rosalina Ribeiro. Numa …

"Prisão não é solução". FC Barcelona reage à condenação dos independentistas catalães

O FC Barcelona criticou esta segunda-feora a decisão do Supremo Tribunal espanhol de condenar a penas de prisão efetiva os principais dirigentes políticos envolvidos na tentativa de independência da Catalunha, apelando ao diálogo. “Do mesmo modo …

CIP muda estatutos e António Saraiva recandidata-se ao quarto mandato

Uma alteração aos estatutos que será apreciada numa assembleia geral agendada para o dia 11 de novembro poderá vir a permitir que António Saraiva, atual presidente da CIP - Confederação Empresarial de Portugal, se recandidate …

PS adia negociações com partidos de esquerda

Os socialistas vão adiar todas as reuniões com os partidos sobre as medidas para o Orçamento do Estado. O encontro com o BE estava marcado para amanhã e foi cancelado. O mesmo acontecerá com o …

Protestos continuam em Londres. Ativistas invadem centro financeiro

Centenas de ativistas pelo clima do grupo Extinction Rebellion invadiram esta segunda-feira o centro financeiro de Londres para manifestarem repúdio por as grandes corporações financiarem os combustíveis fósseis. Muitos manifestantes, protegidos da intensa chuva com lonas …

"Tenho muitas dívidas, muito financiamento por pagar"

Isabel dos Santos explicou em entrevista à Lusa a origem dos seus investimentos, salientando serem totalmente privados, o que a levou a criar muitas dívidas. Disse ainda que os empresários têm dificuldade em trabalhar e …

Estados Unidos autorizados a aplicar taxas sobre produtos europeus

A Organização Mundial do Comércio (OMC) autorizou oficialmente esta segunda-feira os Estados Unidos a aplicar taxas alfandegárias sobre 7500 milhões de dólares de importações oriunda da União Europeia devido aos subsídios dados à Airbus. A OMC …

Tribunal rejeita providência cautelar requerida pela Ordem dos Enfermeiros contra ministério

O Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa rejeitou a providência cautelar pedida pela Ordem dos Enfermeiros (OE) contra o Ministério da Saúde no processo de sindicância à OE, anunciou esta segunda-feira o Governo. Em comunicado, o …

Paraísos fiscais. Portugal transferiu 672 milhões em 2018

Os bancos a operar em Portugal transferiram 672 milhões de euros no ano passado para territórios que constavam das listas de offshores problemáticos da União Europeia. Em 2018, os bancos a operar em Portugal transferiram 672 …