Supremacistas ameaçam espancar negros que façam olhinhos a brancas (e “não é um crime”)

O Ku Klux Klan da Florida tem distribuído folhetos no norte e centro do Estado. “Qualquer macaco que for apanhado a fazer olhinhos a uma rapariga branca será espancado com bastões – é uma promessa”. As autoridades norte americanas estão a investigar o assunto como “distribuição de literatura” que, “em si mesmo, não é um crime”.

A descoberta de folhetos com mensagens de ódio e racistas e ameaças contra cidadãos negros e judeus está a ser investigada pela polícia da Florida.

De acordo com o Público, esta não é a primeira vez que são distribuídos estes folhetos, mas o que os distingue é a violência das ameaças, que tem escalado.

Num dos folhetos pode se ler um “aviso a todos os pretos“: “Qualquer macaco que for apanhado a ‘fazer olhinhos’ a uma rapariga branca será espancado com bastões e as vossas mães não vão receber mais bananas – é uma promessa!”

E os judeus também não ficam fora dos alvos de ódio do grupo extremista: “Quem luta contra o Judeu, luta contra o Diabo“. A frase remete para a II Guerra Mundial, sendo da autoria de Julius Streitcher, um dos responsáveis pela propaganda nazi antes e durante a Guerra e fundador do jornal “Der Stürmer”.

Os folhetos foram encontrados na zona de East Arlington, em Jacksonville, enrolados em várias ruas dos bairros em frente à porta de cada moradia e a autoria é reclamada pelos Loyal White Knights, o maior dos vários grupos independentes espalhados pelos Estados Unidos da América que representam a 3ª vaga do Ku Klux Klan.

As autoridades norte americanas disseram estar a investigar o caso, mas não acreditam haver indícios de crime: “Se não houver crime, aproveitamos a oportunidade para explicar aos queixosos que a distribuição de literatura, independentemente do grau de ofensa que tem para para algumas pessoas, não é em si mesmo, um crime“.

Outros folhetos foram encontrados durante o fim de semana, no mesmo Estado, mas desta vez com o objetivo de recrutar. Dentro de um pacote de rebuçado atirado para o chão perto de Orlando no centro de Florida, lia-se “Acabem com a SIDA, apoiem a perseguição de gays”.

Jame Spears, um dos líderes do grupo, disse que o objetivo era recrutar novos membros e “fazer saber os brancos que o Klan está no bairro deles”: “Não vejo diferenças entre os Loyal White Knights, o NAACP (National Association for the Advancement of Colored People, organização que defende e promove os direitos dos negros) e outros grupos de defesa dos direitos civis”.

Grupos como os Loyal White Knights, fundados na última década, apresentam-se como os legítimos herdeiros do Ku Klux Klan original (meados da década de 1860) e da sua segunda vaga (de 1915 até ao fim da II Guerra Mundial).

Ao contrário dos antecessores, dizem que não são racistas e que não defendem o uso de violência. Em vez disso, dizem que estão apenas a defender uma ideologia e que, por isso, têm direito à liberdade de expressão nos Estados Unidos; e que compreendem e respeitam as lutas de cada comunidade, desde que essas comunidades não se misturem – é com esta nova formulação que pretendem equiparar-se a grupos de ativistas como o Black Lives Matter, por exemplo.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. “Qualquer macaco que for apanhado a ‘fazer olhinhos’ a uma rapariga branca será espancado com bastões e as vossas mães não vão receber mais bananas – é uma promessa!”

    Ou seja, isto é tudo um problema alimentar… e nada mais

"DeepNude". Inteligência Artificial "tirou a roupa" a mulheres nas redes sociais

A empresa de informação Sensity alertou que mais de 100 mil imagens foram carregadas para um canal de Telegram onde um bot "tirou a roupa" de mulheres. A empresa de segurança Sensity revelou recentemente que existe …

Poluição atmosférica "custa" a cada citadino europeu 1.276 euros por ano

A poluição atmosférica "custa" 1.276 euros por ano a cada cidadão europeu residente em cidades, de acordo com um estudo da Aliança Europeia de Saúde Pública (EPHA) divulgado esta quarta-feira. O estudo chegou ao valor médio …

"Emergência arqueológica". O degelo dos Alpes está a "libertar" artefactos escondidos há milhares de anos

As alterações climáticas podem estar a ajudar os arqueólogos a encontrar artefactos escondidos nos glaciares do Alpes há milhares de anos. O derretimento dos glaciares dos Alpes está a "liberta" objetos que permaneceram congelados no tempo …

Thermite RS3 é o primeiro robô de combate a incêndios dos EUA (e está pronto a entrar ao serviço)

O Corpo de Bombeiros de Los Angeles, nos Estados Unidos, deu as boas-vindas ao mais recente membro da equipa: um bombeiro robótico. O Thermite RS3 é um rover de controlo remoto capaz de bombear milhares de …

Inventor dinamarquês que matou jornalista no seu submarino escapou da prisão (mas já foi apanhado)

O inventor dinamarquês Peter Madsen, condenado a prisão perpétua por torturar e assassinar a jornalista sueca Kim Wall, fugiu da prisão esta terça-feira.  As autoridades dinamarquesas capturaram-no minutos depois. Peter Madsen, o dinamarquês condenado a prisão …

Molécula descoberta por menina de 14 anos pode levar a uma cura para a covid-19

A jovem norte-americana de 14 anos, Anika Chebrolu, descobriu uma molécula que pode levar a uma potencial cura para a covid-19. Enquanto cientistas dos quatro cantos do mundo trabalham no desenvolvimento de uma vacina para a …

Cerca de 1.300 reclusos fogem de prisão no Congo após ataque do Estado Islâmico

Cerca de 1.300 reclusos escaparam de uma prisão na República Democrática do Congo na manhã de terça-feira, após um ataque reivindicado pelo Estado Islâmico, informou a Organização das Nações Unidas (ONU). Embora as autoridades locais tenham …

Amesterdão vai usar flores para impedir que os ciclistas estacionem bicicletas nas pontes

A cidade conhecida pelo uso de bicicletas, vai agora tomar uma medida em relação ao estacionamento destas nas pontes. Tudo para proteger as vistas para os seus famosos canais. Amesterdão orgulha-se de ser uma das cidades …

Morreu voluntário envolvido no ensaio da vacina de Oxford. Tinha 28 anos e era médico recém-formado

As autoridades de saúde brasileiras divulgaram esta quarta-feira a morte de um voluntário dos testes da vacina contra a covid-19, desenvolvida pelo laboratório AstraZeneca e pela Universidade de Oxford. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), …

Milo, o "comunicador de ação" que permite conversar em grupo durante atividades ao ar livre

Chegou o Milo, o novo aparelho que vai revolucionar as aventuras em grupo. Este pequeno dispositivo permite-lhe conversar com o seu grupo à distancia sem precisar de levar o smartphone para o meio da montanha, …