DGS vai recomendar uso de máscara no exterior quando não houver distanciamento

Mário Cruz / Lusa

A DGS vai recomendar o uso de máscara em espaços exteriores movimentados quando não for possível garantir o distanciamento social, disse esta segunda-feira a Diretora-Geral da Saúde, Graça Freitas, em conferência de imprensa.

“Vai sair nos próximos dias uma orientação”, disse Graça Freitas, referindo-se ao uso de máscaras no exterior, frisando que a “utilização de máscaras ao ar livre fará sentido se formos para locais onde não conseguimos ficar isolados uns dos outros”.

Ainda sobre o uso de máscaras Graça Freitas considerou que não houve uma mudança de opinião, mas antes uma posição “evolutiva” em função do que é a avaliação do risco.

“Até já preconizamos a utilização de máscaras em determinadas circunstâncias ao ar livre, quando não for possível garantir distância física entre as pessoas. Aí sim faz sentido o uso de máscara ao ar livre, se não for possível mantermos as distâncias”, disse.

Sobre o regresso às aulas, afirmou que a primeira semana do novo letivo “correu bastante bem”, reconhecendo, contudo, que há “ajustes e aprendizagens a fazer”.

“Foram identificados alguns casos, mas do ponto de vista da saúde pública nenhum destes casos levou ao encerramento das escolas”, disse, acrescentando que os casos em que as aulas foram suspensas deveram-se à falta de pessoal.

Na mesma conferência de imprensa, o Secretário de Estado da Saúde afirmou que Governo não quer “garantidamente” voltar ao confinamento geral ou parcial. António Lacerda Sales, quando questionado sobre um eventual confinamento obrigatório, disse ser importante “desmistificar os medos da população”.

“Hoje sabemos mais da doença, hoje estamos melhor preparados para responder, portanto o confinamento parcial ou geral é uma resposta que garantidamente não queremos voltar a acionar”, disse ainda o governante.

‘Task-force’ para dar resposta a doentes não-covid

Também nesta segunda-feira, o Ministério da Saúde anunciou a criação de uma ‘task-force’ para dar resposta aos doentes não covid-19, uma medida que faz parte do Plano da Saúde para o Outono-Inverno.

A ‘task-force’, segundo publicado no portal no SNS, funcionará na dependência do Ministério  e baseia-se numa “aposta na resposta maximizada nos cuidados de saúde primários, com atendimento presencial, não-presencial e domiciliário, bem como nas respostas de proximidade, incluindo dispensa de medicamentos”.

Relativamente à pandemia de covid-19, o plano prevê um reforço da resposta em saúde pública, especialmente em situações de surtos; adapta as atuais Áreas Dedicadas à covid-19 em Áreas Dedicadas aos Doentes Respiratórios e os circuitos de internamento hospitalar para diferentes fases da resposta.

O Plano da Saúde para o Outono-Inverno 2020-21 foi apresentado esta segunda-feira pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda Sales, na conferência de imprensa de atualização de informação relativa à infeção pelo novo coronavírus.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Não é de descartar, esta medida deveria desde já ser implementada sobretudo nas imediações de Estabelecimentos de Ensino. O que se passa fora dos portões das Escolas , é de lamentar, o desrespeito das regras de Segurança é evidente. A PSP en termos do programa Escola Segura, deveria presenciar as entradas e saídas e fazer respeitar as normas estabelecidas !

Nasceu o SeeArch, uma espécie de colete salva-vidas para resgates em mar aberto

Se uma pessoa se separar da sua embarcação em mar aberto, permanecer à tona não é o único desafio. Ser visto pelos salvadores é uma missão importante que o novo SeeArch, usável e insuflável, vai …

Há 127 concelhos que vão manter os limites no fim de semana. Saiba quais

Os concelhos que mantém risco muito elevado e extremamente elevado terão de manter até dia 23 deste mês as atuais restrições, incluindo de limitação de circulação ao fim de semana. Houve 27 concelhos que saíram …

Piscina mais profunda do mundo inaugurada na Polónia

Com 45 metros de profundidade, a piscina Deepspot foi recentemente inaugurada na Polónia. Vai servir de zona de treino para mergulhadores, bombeiros e forças armadas. A piscina mais profunda do mundo foi inaugurada esta semana em …

Mais 6087 novos casos de covid-19 em Portugal. Este é o maior número da semana

Portugal registou este sábado 6087 novos casos e 73 mortes por covid-19. No total, mais de 318 mil pessoas já foram infetadas com o novo coronavírus e 4876 morreram. Nas últimas 24 horas, mais 6165 …

Sedada e com um capuz sobre os olhos, a girafa Asiwa foi resgatada de uma ilha no Quénia

Conservacionistas, autoridades do Governo e membros da comunidade local uniram-se para resgatar oito girafas numa ilha no Quénia. A população de girafas em África tem diminuído nas últimas décadas devido à perda de habitat e à …

Governo mantém restrições. Exceções no Natal, mas no Ano Novo volta a ser proibida a circulação entre concelhos

António Costa falou hoje ao país para anunciar as novas medidas para a quadra festiva. O primeiro-ministro revelou que no Natal as medidas serão aliviadas, como já se esperava, porém voltam a apertar no Ano …

Joe Biden está a planear uma tomada de posse em versão reduzida. Trump pode não marcar presença

A pouco mais de um mês de tomar posse como Presidente dos EUA, Joe Biden anunciou que está a planear reduzir a dimensão da cerimónia para garantir a segurança devido à pandemia. Segundo o Público, Joe …

O Peru enfrenta o maior desafio político desde a ditadura de Fujimori. A responsabilidade está nas mãos de Sagasti

O novo presidente do Peru assumiu o cargo em 17 de novembro em circunstâncias nada desejáveis. O país, que até ao ano passado vinha a ser apontado como um exemplo na área económica, enfrenta agora …

Três anti-histamínicos mostram eficácia a inibir infeção pelo coronavírus

Três medicamentos anti-histamínicos mostraram alguma eficácia a inibir a infeção de células pelo novo coronavírus responsável pela covid-19, segundo os resultados preliminares de um estudo da Universidade da Florida divulgado na sexta-feira. As descobertas sobre os …

"Criminoso, cruel e traiçoeiro”. Sobrinha de Donald Trump diz que tio devia ser preso

A sobrinha do atual Presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, referiu que o tio é “criminoso, cruel e traiçoeiro”, por isso, deveria enfrentar a justiça norte-americana, depois de todos os escândalos que o …