Detidos por ter barba e demasiados filhos. Novo documento revela perseguição à minoria muçulmana na China

Novos documentos divulgados revelam que as autoridades chinesas estão a monitorizar os movimentos e comportamento dos uigures, membros de uma minoria muçulmana. Haverá pessoas a serem enviadas para campos de reeducação por causa da sua barba e por terem demasiados filhos.

De acordo com o documento de 137 páginas enviado ao jornal alemão Deutsche Welle e à emissora britânica BBC, 311 pessoas foram enviadas para campos de “reeducação” no condado de Karakax em 2017 e 2018. As razões dadas para a detenção incluem jejum, barba, solicitação de passaporte, aceder a sites alojados no estrangeiro e violação da política oficial de nascimento por ter muitos filhos.

A lista inclui detalhes pessoais de mais de três mil indivíduos da região oeste de Xinjiang, incluindo o nome completo e o número de identificação de mais de 1.800 membros da família, vizinhos e amigos com relações a essas 311 pessoas enviadas para campos.

“O nível de detalhe é impressionante”, disse Rian Thum, especialista da Universidade de Nottingham, à Deutsche Welle. “Acho interessante imaginar que estas coisas existem em Xinjiang. Os dados que estão por aí devem ser surpreendentes”.

O jornal britânico The Independent dá o exemplo de um caso em que um homem uigur foi enviado para um campo de reeducação pelas autoridades chinesas, que também ficaram a monitorizar 15 dos seus familiares, por ele ter deixado a sua barba crescer. As autoridades concluíram que os pelos faciais do homem e o uso de um véu pela esposa indicavam que estavam “infetados com ideias religiosas e extremistas“.

Embora a maioria dos detidos tenha sido posteriormente aprovada para libertação – embora sob vigilância constante -, dezenas de pessoas foram forçadas a trabalhar em fábricas, de acordo com os documentos.

A BBC afirma que a fonte deste arquivo será a mesma que, em novembro, divulgou documentos que detalham a organização e o quotidiano dos campos de “transformação ideológica” de membros das minorias uigur e cazaque.

Desde 2014, até dois milhões de muçulmanos uigures e outras minorias étnicas foram detidos em campos como parte de uma suposta campanha antiterrorista. A China insistiu que está a administrar o que chama de centros de “treino vocacional” para combater o extremismo na região. No entanto, ex-detidos alegaram que os presos são submetidos a tortura, experiências médicas e violação em grupo

No mês passado, constatou-se que mais de cem cemitérios uigures foram demolidos pelas autoridades. Grupos de direitos humanos descreveram-no como uma escalada da campanha do regime comunista para destruir a cultura da minoria muçulmana.

ZAP ZAP //

 

 

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

A física quântica pode causar mutações no nosso ADN

Simulações de computador e métodos de mecânica quântica têm sido usados ​​para determinar o papel que o tunelamento de protões, um fenómeno puramente quântico, desempenha nas mutações espontâneas no ADN. A biologia quântica é um campo …

Buracos negros minúsculos podem estar a "esconder-se" dentro de estrelas (e a devorá-las por dentro)

Uma equipa de investigadores tem um novo palpite sobre onde procurar a misteriosa matéria escura: esta pode estar a assumir a forma de buracos negros endoparasitários. De acordo com o ScienceAlert, buracos negros primordiais minúsculos, quase …

Maionese está a salvar tartarugas após derrame de petróleo em Israel

Membros do Centro Nacional de Resgate de Tartarugas Marinhas de Israel estão a usar maionese para limpar as vias respiratórias de tartarugas que inalaram petróleo em alto-mar. Israel fechou este domingo as praias mediterrânicas dias após …

Itália investiga empresas de entrega de comida. Há estafetas tratados "como escravos"

Itália está a investigar as empresas de entrega de comida online, com um promotor a lamentar que os estafetas que fazem as entregas, muitos deles imigrantes, são praticamente tratados "como escravos". Procuradores de Milão avançaram que …

O IONIQ 5 é o novo carro elétrico da Hyundai (e é enorme entre eixos)

O ano 2021 vai ser promissor na apresentação e lançamento de carros elétricos no mercado mundial. Algumas marcas, como a Hyundai, têm produtos prontos para serem comercializados. Agora, a marca sul-coreana apresenta o IONIQ 5. Com …

Em Moscovo, qualquer um pode ser vacinado contra a covid-19 (e até ganha um gelado)

Em Moscovo, capital da Rússia, a vacina Sputnik V está disponível gratuitamente a qualquer pessoa que queira ser vacinada desde 18 de janeiro. Os interessados não precisam de agendar a toma e até ganham um …

As abelhas convenceram-nos de que sabiam matemática. Mas mentiram-nos

O novo estudo não significa necessariamente que as abelhas não entendam números, mas sugere que os animais usam propriedades não numéricas para resolver problemas matemáticos. Vários estudos convenceram-nos de que as abelhas são pequenos génios matemáticos: …

Liam Thorpe era prioritário na vacinação contra a covid-19 por ter 6,2 cm. Foi um erro

Liam Thorp, um homem de 32 anos sem comorbilidades, foi incorporado na lista de cidadãos prioritários para a vacinação contra a covid-19 no Reino Unido. Tudo por causa de um erro no sistema, que o registou …

Decisão de Lyon de retirar carne das ementas escolares gera protestos em França

A decisão temporária do presidente da Câmara de Lyon, membro do partido Europa Ecologia - Os Verdes, está a ser recebida com protestos em França. De acordo com o jornal The Guardian, Grégory Doucet decidiu retirar …

Roma 3-1 SC Braga | Minhotos despedem-se na Cidade Eterna

Portugal está sem equipas na Liga Europa 2020/21. O Sporting de Braga deslocou-se a Roma e perdeu por 3-1, terminando a eliminatória dos 16 avos-de-final com um agregado de 5-1, após a derrota por 2-0 …