Descoberto um planeta semelhante à Terra na estrela mais próxima do Sol

M. Kornmesser / European Southern Observatory

Conceito artístico do planeta Próxima b em órbita da sua estrela, Próxima Centauri

Conceito artístico do planeta Próxima b em órbita da sua estrela, Próxima Centauri

Astrónomos descobriram um planeta extrassolar a orbitar a estrela mais próxima do Sol, com condições favoráveis para ter na sua superfície água líquida, elemento fundamental para a vida, anunciou esta quarta-feira o OES – Observatório Europeu do Sul.

A apenas uma estrela de distância, um planeta pode ser outra Terra. O exoplaneta chama-se Proxima b e orbita a sua estrela, Proxima de Centauro, uma anã vermelha, a cada 11 dias.

A estrela, localizada na constelação de Centauro, a 4,22 anos-luz da Terra, é invisível a olho nu, por ser pequena e pouco brilhante, e é relativamente fria.

De acordo com um comunicado do OES, o Proxima b tem uma massa semelhante à da Terra, apenas 1,3 vezes superior à do ‘planeta azul’, sendo um possível candidato a albergar vida, uma vez que tem uma “temperatura adequada para a água líquida existir na sua superfície”.

Com efeito, Proxima b está na zona habitável da sua estrela: à distância certa, nem demasiado perto, que tornaria a sua temperatura demasiado alta, nem demasiado afastado, o que faria dele uma rocha gelada.

Os resultados da descoberta são publicados esta quinta-feira na revista científica Nature.

O planeta, que se encontra muito perto da sua estrela, a uma distância inferior à que separa a Terra do Sol, foi detetado a partir de vários telescópios, incluindo os do OES, organização da qual Portugal faz parte, no Chile.

A equipa internacional de astrónomos, liderada por Guillem Anglada-Escudé, astrónomo da universidade britânica Queen Mary, em Londres, crê que, a existir água líquida no Próxima b, tal seria nas regiões mais quentes do planeta.

A rotação do Proxima b, a forte radiação emitida pela sua estrela e a história da formação do planeta tornam, segundo os cientistas, o seu clima muito diferente do da Terra, sendo pouco provável que o exoplaneta tenha estações.

Para os astrónomos, o planeta Proxima b poderá servir de alavanca para a procura de evidências de vida noutros sítios do Universo, para lá da Terra.

Um dos cientistas envolvidos na descoberta, James Jenkins, da Universidade do Chile, disse à Lusa que a equipa pretende “procurar evidências da atmosfera” de Proxima b e, a confirmar-se a sua existência, estudar a sua composição, “procurar água ou outras moléculas, e finalmente vida“.

“Encontrar este planeta foi como descobrir um terreno de primeira classe mesmo no nosso bairro”, disse ao New York Nimes o astrónomo Avi Loeb, da Universidade de Harvard.

Viajar até Proxima b, o planeta habitável mais próximo de nós, é infelizmente ainda impossível. Mas este pode ser o planeta que um dia vai acolher os primeiros terráqueos a viver fora da sua Terra.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Depois da polémica, Hank Azaria deixa de dar voz a Apu dos "Simpsons"

O ator que dá voz à personagem indiana Apu Nahasapeemapetilon, da série "Os Simpsons", anunciou que vai deixar de o fazer, depois de vários anos de polémica. Segundo a BBC, Hank Azaria anunciou, este fim-de-semana, que …

"Parasite" vence prémio principal do Sindicato dos Atores dos EUA

O filme do realizador sul-coreano Bong Joon-ho venceu, no domingo, o prémio mais importante do Sindicato dos Atores dos Estados Unidos (SAG), tornando-se o primeiro filme em língua estrangeira a receber tal distinção. A comédia negra …

Cientistas criam método inovador para tratamento de lesões agudas da pele

Investigadores do Centro de Neurociências e Biologia Celular (CNC) de Coimbra desenvolveram um método “inovador e sensível à luz”, que poderá ser útil no tratamento de lesões agudas da pele. Um grupo de investigadores do CNC …

Elon Musk quer enviar 10 mil pessoas a Marte até 2050

O CEO da Space X, Elon Musk, quer construir cem naves por ano e levar pelo menos dez mil pessoas a Marte até 2050, embora os protótipos das naves espaciais Starship ainda estejam sujeitos a …

Como será um iPhone daqui a um milhão de anos? Artista mostra o impacto de lixo eletrónico

https://vimeo.com/386000590 A exposição The World After Us: Imaging techno-aestethic futures tem instalações onde se pode ver a natureza a tomar conta de telemóveis, computadores, tablets e outros dispositivos, mostrando que dificilmente se desintegrarão nos próximos anos. Os …

Marca japonesa acusada de apropriação cultural por perucas de modelos

A marca japonesa Comme Des Garçons foi acusada de apropriação cultural devido às perucas usadas pelos seus modelos caucasianos num desfile na Paris Fashion Week, em França. De acordo com a BBC, as perucas com tranças …

Índia suspende a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop

As autoridades estatais do estado indiano de Maharashtra decidiram suspender a construção da primeira linha do comboio ultra-rápido Hyperloop, que iria ligar as movimentadas cidades de Bombaim e Pune. O Governo local decidiu não avançar para …

Regina Duarte inicia "período de testes" na Secretaria da Cultura do Brasil

A atriz brasileira afirmou, esta segunda-feira, que iniciou um "período de testes" na Secretaria Especial da Cultura, pasta que foi convidada a liderar após a exoneração de um governante que parafraseou um discurso nazi. "Nós vamos …

Malásia devolve 150 contentores ilegais de lixo a países desenvolvidos

As autoridades da Malásia anunciaram, esta segunda-feira, que devolveram 150 contentores ilegais de lixo para os seus países de origem e afirmaram que não se querem tornar num "aterro sanitário" dos países desenvolvidos. Os países da …

Vietname contorna Huawei ao desenvolver tecnologia própria para o 5G

O maior grupo de telecomunicações do Vietname vai implementar este ano o 5G com recurso à sua própria tecnologia, contornando os chineses da Huawei, num sinal das implicações geopolíticas da rede de quinta geração. A empresa …