Descoberto buraco negro 12 mil milhões de vezes maior do que o Sol

NASA / JPL-Caltech

Conceito artístico de um buraco negro supermassivo, com biliões de vezes a massa do nosso Sol, a ejectar um fluxo de partículas energéticas propulsionadas pela rotação do buraco negro.

Conceito artístico de um buraco negro supermassivo, com biliões de vezes a massa do nosso Sol, a ejectar um fluxo de partículas energéticas propulsionadas pela rotação do buraco negro.

Uma equipa internacional de astrónomos descobriu um gigantesco buraco negro, com uma massa cerca de 12 mil milhões de vezes maior do que a do Sol, do tempo em que o Universo era uma criança.

Os cientistas responsáveis pela descoberta admitem que o buraco negro terá surgido há 12.8 mil milhões de anos, cerca de 900 milhões de anos depois do Big Bang – algo que consideraram “particularmente surpreendente”. É o buraco negro mais antigo que se conhece.

O descomunal objecto descoberto é na realidade um quasar – uma enorme massa de matéria ultra-luminosa, que emite uma energia colossal, acelerada por um buraco negro supermassivo no seu centro.

Segundo o líder da equipa de cientistas, o astrofísico Xue-Bing Wum, da Universidade de Pequim, “este quasar é único”. Até agora, apenas se conheciam 40 quasars com mais de 12.7 mil milhões de anos.

Um quasar com estas características terá sido “o mais potente farol do Universo primordial“, numa altura em que quase toda a massa do Universo se encontrava totalmente às escuras, defende Wum.

A descoberta, publicada na revista “Nature”, poderá colocar em causa certas teorias correntes acerca da formação e crescimento do Universo, dos buracos negros e das galáxias.

Antxón Alberdi, investigador do Instituto de Astrofísica da Andaluzia especialista em buracos negros, citado pelo El Pais, destaca que a descoberta sugere que os buracos negros supermassivos no Universo primordial cresceram muito mais rapidamente do que as suas galáxias de origem, colocando em contradição os actuais modelos de evolução do Universo.

Bram Venemans, astrónomo do Instituto Max Planck, na Alemanha, realça por seu turno a utilidade desta descoberta.

“Num futuro próximo, poderemos descobrir mais corpos como este, talvez até mais antigos”, diz Venemans, “mas este gigante já fez luz sobre detalhes anteriormente desconhecidos acerca de como era o Universo – apenas algumas centenas de milhões de anos após o Big Bang”-

AJB, ZAP

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Este artigo confunde milhões com mil milhões. O universo tem uma idade estimada na ordem dos 13,8 mil milhões de anos. Em vez de milhões não quererão dizer mil milhões?

Responder a ACC Cancelar resposta

Jovem de 19 anos morre atingido por disparos durante protesto pela morte de George Floyd

Um jovem de 19 anos morreu depois de alguém que seguia num carro ter disparado sobre uma multidão de pessoas que protestavam contra o homicídio do afro-americano George Floyd, indicou uma porta-voz da polícia de …

O campo magnético da Terra está a enfraquecer misteriosamente

Novos dados de satélite da Agência Espacial Europeia (ESA) mostram que o campo magnético da Terra está a enfraquecer entre África e a América do Sul. O enfraquecimento do campo magnético da Terra está relacionado com …

Morreram os primeiros dois capacetes azuis vítimas da covid-19

Dois militares da força de manutenção da paz das Nações Unidas no Mali morreram devido à covid-19, os primeiros entre cerca de 100.000 soldados e polícias destacados em 15 missões no mundo. "Infelizmente, ontem [quinta-feira] e …

Asteróide que dizimou os dinossauros atingiu a Terra no "mais mortífero ângulo possível"

O asteróide que dizimou os asteróides e 75% de todas espécies à face da Terra há 65 milhões de anos atingiu a Terra no "mais mortífero ângulo possível", concluiu uma investigação do Imperial College de …

O Sol pode ser fruto de um acidente galáctico entre a Via Láctea e uma galáxia anã

Uma pequena galáxia, chamada Sagitário, moldou a Via Láctea há milhares de milhões de anos: cada vez que passou perto da nossa galáxia, causou fortes explosões de formação estelar que podem até ter originado o …

Se diplomacia falhar, China admite uso de força militar para controlar Taiwan

A China vai atacar Taiwan se não houver outra maneira de impedir que este Estado se torne independente, disse Li Zuocheng, um dos mais importantes generais do país, esta sexta-feira. Esta será uma opção de …

Encontrada canábis e incenso em templo bíblico de Israel. Foram usados em ritos religiosos antigos

A análise do material em dois altares da Idade do Ferro descobertos na entrada do santuário "santo dos santos" em Tel Arad, no vale de Beer-sheba, Israel, contém canábis e incenso. Escavações anteriores revelaram duas fortalezas …

Funerárias de Nova Iorque processadas por guardarem cadáveres em camiões

Devido ao elevado número de mortes causadas pela covid-19, as agências Andrew T. Cleckley, DeKalb e Armistead Burial armazenavam os corpos nos camiões frigoríficos até ser possível realizar os funerais. Três processos foram movidos por, pelo …

"Never again". Estudantes nos EUA vão aprender mais sobre o Holocausto

Estudantes norte-americanos vão passar a aprender mais coisas sobre o Holocausto, numa altura em que os Estados Unidos enfrentam níveis cada vez mais altos de antissemitismo. De acordo com a revista Newsweek, o Presidente norte-americano, Donald …

Polónia vai ser o primeiro país a voltar a ter adeptos nas bancadas

A Polónia vai ser o primeiro país a voltar a ter adeptos nas bancadas. Os estádios vão poder ter 25% da sua capacidade preenchida, anunciou o primeiro-ministro. De acordo com o jornal online Observador, a liga …