/

Uma descoberta desconcertante pode reescrever a história da Terra

7

Este novo estudo fornece uma teoria completamente nova, mas desconhecida, de como os continentes da Terra se formaram há mais de três mil milhões de anos.

Uma nova investigação, levada a cabo por uma equipa da Universidade Curtin, na Austrália, encontrou novas evidências que levam os cientistas a sugerir que os primeiros continentes do nosso planeta não foram formados por subducção num ambiente moderno de placas tectónicas, como se pensava até hoje.

Afinal, podem ter sido criados por um processo totalmente diferente. O artigo científico com as descobertas foi publicado na Geology no dia 19 de junho.

O SciTechDaily explica que os investigadores mediram os isótopos de ferro e zinco nas rochas originárias do centro da Sibéria e da África do Sul, e chegaram o à conclusão que a composição dessas rochas pode ter-se formado num ambiente de não subducção.

O líder da pesquisa, Luc-Serge Doucet, afirmou que os primeiros continentes foram formados no início da história da Terra há mais de três mil milhões de anos, mas a sua composição ainda é uma questão que permanece em aberto.

“Investigações anteriores sugeriram que os primeiros supercontinentes se formaram por meio de subducção e tectónica de placas, que é quando as placas da Terra se movem umas nas outras, moldando as montanhas e os oceanos”, esclareceu o investigador.

Este novo estudo descobriu que a composição química dos fragmentos de rocha “não era consistente com o que normalmente veríamos quando ocorre a subducção”.

“Se os continentes fossem formados por subducção e tectónica de placas, esperaríamos que a proporção de isótopos de ferro e zinco fosse muito alta ou muito baixa, mas as nossas análises revelam que a proporção de isótopos era semelhante à encontrada em rochas sem subducção”, explicou Doucet.

Para alcançar estes resultados, a equipa usou uma técnica relativamente nova – conhecida como o método isótopo estável não tradicional -, que foi usada para identificar os processos que formaram as rochas continentais e o manto.

  ZAP //

7 Comments

  1. O QUE SÃO TRÊS MIL MILHÕES DE ANOS SE COM PARADOS COM A REALIDADE??? Todas as descobertas e estudos são importantes mas a fundamental de todas é conformarmo-nos com ESTA REALIDADE. O
    tempo e o espaço são infinitos sempre existiram e sempre existirão (Platão) – sempre em constantes mudanças. A TERRA, O Sistema Solar como todos os sistemas universais estão em constante mudança desde um simples COVID-19 até ao mais complexo sistema estelar. À luz da ciência atual tudo isto é impossível de decifrar a que uns, comodamente chamam Deus, para outros é a natureza das coisas, outros ainda nem sequer querem saber. Tudo o que imaginamos, o que desejamos o que sonhamos já aconteceu e voltará a acontecer. Alguém referia, que estranhava que nos lembrássemos do passado e não nos lembrássemos do futuro. No tempo e espaço não há passado nem futuro. Tudo é relativo. Nós, a Terra, o Universo comparados ao tempo e espaço somos insignificantes.

    Tudo o que pensamos , desejamos, sonhamos, etc. já aconteceu e voltará a acontecer. Alguém referia, que estranhava que nos lembrássemos do passado e não nos lembrássemos do futuro. No tempo e espaço não há passado nem futuro.

    O que são os sonhos? Porque são frequentemente tão confusos? Misturam- se vivências recentes com outras pouco perceptíveis e longínquas. Passamos de um lugar que nos é familiar para outro que nos é estranho. Passamos do pesadelo à fuga etc. Tudo isto acontece porque são o entrecruzar de vivências de tempos e espaços diferenciados.

  2. Os locais mais antigos da crosta terrestre são chamados cartões que surgiram muito antes da formação dos continentes. De acordo com os compêndios de química, o ferre não tem isótopos sendo um elemento muito estável. Também foi há muito sustentado que o ferro constitui as cinzas das estrelas. Continuo a aceitarr a deriva dos continentes como teoria com com forte evidências a olhos vistos que corroboram outros fenómenos.

  3. ciencia precisa de nova revolucao a todos os niveis…. é evolucao dinamica dos acontecimentos e desafios…precisam se respostas e solucoes nao repetivas…

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.