Deputados britânicos proibidos de levar os gatos (e o Parlamento encheu-se de ratos)

Jose M. Vazquez / Flickr

Palácio de Westminster, Londres, sede do Parlamento britânico

O Parlamento do Reino Unido precisou de aumentar o orçamento para combater os ratos que se passeiam pelo Palácio de Westminster, depois de ter decidido que os deputados não podem levar os seus gatos para tratar do problema, revela a imprensa britânica esta quinta-feira.

O Parlamento Britânico destinou uma verba de 142 mil euros para combate aos ratos no Palácio de Westminster, alcançando um valor recorde que contempla a aquisição de mais de 1.700 armadilhas e a contratação de um técnico especializado em desratização, um problema que afecta muitas casas no Reino Unido.

Esta não é a primeira vez que são vistos ratos a passear pelas duas Câmaras do Parlamento Britânico, a Câmara dos Comuns e dos Lordes, e foi aliás a presença dos roedores que inicialmente levou os deputados a decidir levar os seus próprios gatos para o palácio, com a nobre missão de lhes dar caça.

A deputada conservadora Penny Mordaunt foi a primeira a colocar em prática a ideia, tendo começado a levar a sua gata, Titania, para tratar da desagradável situação.

Mas, em 2014, o Parlamento proibiu o acesso de animais ao Palácio, determinando que só seria permitida a presença de cães-guias e dos cães da segurança do Palácio – com o intuito de assegurar o conforto “dos animais, dos membros do Parlamento e dos visitantes do Palácio de Westminster”.

Como consequência inevitável, a existência de diferentes pragas foi aumentando, e, só este ano, já foram contabilizados 217 ratos e mais de 1 milhão de traças. Entre 2015 e 2016, o Parlamento usou 113 mil euros, técnicos especializados e até falcões para tentar acabar com as pragas.

Algo que os gatinhos dos deputados faziam gratuitamente – e com todo o prazer.

// EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Estão só a referir-se aos ratos de 4 patas, aos «mus, muris»! Mas de facto a pior das pragas dos parlamentos são os «muris politicus»! Muito mais vorazes que os de 4 patas e que até legislam a proibição de os gatos lá entrarem!
    Em Portugal eram célebres as ratazanas do convento de Mafra «rattus, rattus»… E à semelhança do que sucede em Westminster, tem havido incontrolável proliferação desta espécie no palácio de S. Bento, em Lisboa…
    Para não ser «politicamente correto», não atendo aos apelos da «igualdade de géneros», não quero falar de RATAS

RESPONDER

Cientistas captam "cantar" de plataformas de gelo na Antártida

A União Americana de Geofísica publicou um vídeo da plataforma de gelo Ross, na Antártica, a "cantar". Os tons sísmicos podem ser usados para monitorizar as alterações nas plataformas de gelo. Exploradores polares registaram sons extraordinários …

Misterioso raio cósmico detetado incrivelmente perto da Terra

Uma estranha rajada de ondas de rádio detetada no espaço foi rastreada até uma galáxia a 120 milhões de anos-luz do nosso planeta - a nível astronómico, esta é uma distância incrivelmente curta da Terra. …

Primeira missão europeia a Mercúrio lançada com cientista e tecnologia portuguesas

A primeira missão europeia que vai estudar Mercúrio, o planeta mais pequeno e mais próximo do Sol, vai ser lançada no sábado, e nela participa uma cientista e uma empresa portuguesas. A astrofísica Joana S. Oliveira …

Sertanense vs Benfica | Águias passam sem dificuldade

O Benfica venceu hoje o Sertanense, do Campeonato de Portugal, por 3-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, em que Jonas voltou a ser titular e a marcar ao fim …

Quase todo o património da UNESCO no Mediterrâneo ameaçado pela subida das águas

O aumento da erosão costeira devido à subida do nível das águas está a pôr em risco quase todos os monumentos reconhecidos como Património da Humanidade que se localizam na zonas baixas da costa do …

Carne podre e cadáveres que explodem por falta de eletricidade na Venezuela

Em Maracaibo, na Venezuela, a energia elétrica falha constantemente. Nos mercados, há carne podre à venda, mas ainda assim a procura aumenta. Porquê? "O que fazer, se é mais barato?" A Venezuela atravessa, desde 2014, uma …

Ministro da Administração Interna não emitiu despacho de alerta para a Leslie

Eduardo Cabrita, Ministro da Administração Interna, não emitiu o despacho de alerta que podia reforçar os meios de proteção e socorro durante a tempestade que atingiu Portugal. A decisão poderia ter tido impacto junto das …

Trump ameaça fechar fronteira com o México

O Presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou esta quinta-feira fechar a fronteira entre os Estados Unidos e o México, numa altura em que milhares de migrantes atravessam a pé vários países da América Central na esperança …

Rendas vão ter duração mínima de um ano

Apresentada pelo PS, a medida já foi aprovada e prevê que contratos de arrendamento tenham um prazo mínimo de um ano e que se renovem por mais três anos, não havendo dados em contrário. O Parlamento …

Mais de 12 mil jovens vão viajar gratuitamente pela Europa

Os jovens escolhidos vão poder viajar de comboio até 30 dias e visitar entre um a quatro destinos. Os requisitos: ter completado 18 anos este ano e ser cidadãos europeus. A Comissão Europeia anunciou, esta quarta-feira, …