Declínio da natalidade é bom, defende cientista

A ideia de ser necessário ter muita gente para permitir o crescimento económico ou defender o país é antiquada e potencialmente negativa para as mulheres, defende Sarah Harper, especialista de Oxford.

Desde 2015 que o índice sintético de fecundidade está a aumentar ligeiramente: em 2017, por exemplo, cada mulher em idade fértil em Portugal teve em média 1,37 filhos. No entanto, são muitos os países preocupados com os baixos índices de natalidade.

Sarah Harper, uma perita em mudanças demográficas que trabalha na Universidade de Oxford, Reino Unido, defende, contudo, que a pressão para aumentar a população em vários países é desatualizada e potencialmente negativa para as mulheres.

Para explicar a sua ideia, Harpar elenca três razões: a inteligência artificial, a migração e as melhores condições de saúde da terceira idade. “A ideia de que são necessárias muitas pessoas para defender um país e para fazer com que este cresça economicamente, é muito desatualizada.”

“Um pequeno número de pessoas muito qualificadas na economia do conhecimento da Europa vai ultrapassar a necessidade de aumentar a população porque a automação vai tratar de muitas tarefas.” Além disso, a perita sublinhou que os adultos mais velhos mantêm-se saudáveis por mais tempo: “é muito mais fácil ajudar adultos a manter as suas aptidões atualizadas e saudáveis e no mercado de trabalho do que dizer às mulheres que têm que ter mais filhos”.

Ao The Guardian, a especialista referiu ainda que ter menos filhos é positivo do ponto de vista ambiental. Um estudo recente descobriu que ter menos um filho reduz a pegada de carbono dos pais em 58 toneladas de CO2 por ano.

Os declínios na taxa total de fertilidade têm sido observados várias vezes, sempre que as economias nacionais se desenvolvem, a saúde pública melhora e a mortalidade infantil cai.Contudo, há ainda uma onda de alarmes entre os países onde as taxas totais de fertilidade caíram abaixo dos chamados níveis de reposição – a figura mágica de 2,1.

Segundo o Diário de Notícias, Harper considera que os temores de que a queda na taxa de fecundidade total leve os países a ficarem para trás são infundados.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Aposto que esta senhora já deve de andar nas proximidades da idade considerada sénior, se por um lado é positivo ter menos filhos a nível ambiental ( não tendo em conta provavelmente as alternativas ecológicas para as fraldas por exemplo que diminuem a pegada de carbono ) por outro é bem de longe a ideia de idosos saudáveis, o declínio neste setor é bem amplo, seria preciso mudar mentes e realmente educar as pessoas desde cedo a praticarem exercícios e manter e fazerem uma alimentação adequada, mas claro é mais fácil diminuir as crianças no mundo porque temos de as ensinar…..

RESPONDER

Jesus orientou primeiro treino no Flamengo, pediu compromisso e deu lição

O treinador português Jorge Jesus iniciou hoje a ‘aventura’ na equipa de futebol do Flamengo, pedindo aos jogadores “compromisso” em prol do conjunto do Rio de Janeiro, antes de orientar o primeiro treino dos ‘rubro-negros’. “O …

Maher e Safa deixaram sonhos para trás. Mas reencontraram a paz em Portugal

Os sonhos de Maher e de Safa ficaram adiados com a guerra na Síria, mas reencontraram a paz em Portugal, onde residem há dois anos ao abrigo de um programa de acolhimento de refugiados. É no …

São Francisco poderá ser a primeira cidade a proibir venda de cigarros eletrónicos

Se esta decisão for aprovada pela FDA, São Francisco vai tornar-se a primeira cidade a banir a venda de cigarros eletrónicos. De acordo com o Observador, a Câmara de Supervisores de São Francisco, nos EUA, aprovou uma …

Nunca houve tantos deslocados no mundo. São mais de 70 milhões

Um novo recorde foi quebrado no mundo em 2018, com 70,8 milhões de pessoas deslocadas das suas casas ou dos seus países, devido às guerras ou perseguições, anunciou esta quarta-feira as Nações Unidas. O relatório anual …

A monogamia foi inventada pelas mulheres (e o casamento, pelos homens)

A poligamia é natural no ser humano e a monogamia foi criada por imposição para a mulher, diz o investigador português Rui Diogo, que usa a ciência e a história para explicar a relação entre …

Morreu o DJ Zdar do duo electrónico Cassius. Caiu da janela de um prédio em Paris

O músico, produtor e DJ francês Philippe Cerboneschi, mais conhecido por Zdar, morreu aos 50 anos após ter caído da janela de um apartamento em Paris. O seu agente confirmou a "queda acidental" sem revelar …

PS quer o Estado a pagar licença sabática aos portugueses para voltarem a estudar

A criação de uma licença sabática para qualificar trabalhadores e um sistema de prémios e penalizações para combater a desigualdade salarial são medidas que o PS inclui no seu projecto de programa eleitoral. O director do …

Putin reconhece: as condições de vida dos russos pioraram nos últimos anos

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, admitiu esta quinta-feira que as condições de vida no país pioraram nos últimos anos, mas assegurou que as autoridades russas trabalham para reverter essa tendência, e enumerou os primeiros …

Marcelo, o "verdadeiro professor", é estrela em promo de La Casa de Papel

O novo vídeo promocional de La Casa de Papel tem um protagonista improvável. Marcelo Rebelo de Sousa, ou, na verdade, uma imitação do Presidente da República, faz uma chamada para a inspetora Raquel. Na chamada telefónica, …

Num só dia, derreteu 40% da área superficial da Gronelândia (e há fotografias)

Uma fotografia divulgada no Twitter do climatologista dinamarquês Rasmus Tonboe ilustra o degelo que ocorre na Gronelândia, evidenciando algumas das consequências que podem ser desencadeadas pelo fenómeno.   A imagem, que mostra um trenó a ser …