Debandada de ingleses não fez baixar os preços no Algarve (que até podem subir)

Os preços dos alojamentos no Algarve não baixaram, apesar da debandada de turistas ingleses após Portugal ter saído da lista verde do Reino Unido.

Ainda assim, a taxa de ocupação chegou mesmo aos 85% em vários hotéis no fim de semana passado.

O aluguer de uma vivenda no interior que ofereça segurança e conforto, por exemplo, pode custar 2.500 euros por semana, escreve o Público.

O administrador dos hotéis Tivoli, Jorge Beldade, diz que nas unidades de cinco estrelas na segunda quinzena de julho e em agosto a ocupação é “superior aos 80%”. A procura leva a que os preços aumentem face a 2020, com os valores a regressarem aos níveis de 2019.

“Nas unidades de cinco estrelas, estamos com uma ocupação superior a 80%”, disse o administrador hoteleiro. Os preços médios, em junho, são de 245 euros por dia, mais 20% do que no ano passado no período homólogo.

Apesar de Portugal já não estar na lista verde do Reino Unido, “todos os dias continuam a chegar britânicos”, sublinha Jorge Beldade.

João Fernandes, presidente da Região de Turismo do Algarve, diz que no mês de agosto já há “bons índices de reservas”, apesar do golpe que foi a passagem à “lista âmbar” do Reino Unido.

O presidente da Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve (AHETA), Elidérico Viegas, sugere que se olhe para os números com “alguma reflexão” para não cair em exageros. Nos meses de abril e maio, a taxa de ocupação na hotelaria tradicional foi de apenas 14%.

ZAP //

PARTILHAR

21 COMENTÁRIOS

  1. Mas alguma vez o Português baixa o preço do que quer que seja?

    Portugal:

    – Das electricidades mais caras da zona Euro. Mas com ordenados dos mais baixos da zona Euro.
    – Gasolina mais cara e gás ao dobro do preço de Espanha. Mas com ordenado mínimo metade do de Espanha.
    – Carros até mesmo em segunda mão, custam quase 10 vezes mais em Portugal do que no Reino Unido ou na Alemanha. Mas com ordenados dos mais baixos da zona Euro.
    – Em Portugal para ir de Lisboa ao Porto em autoestrada, pago 50 euros de portagem por 320 Km. No Reino Unido pago zero para atravessar o país em auto-estrada de Edimburgo a Brighton. Há uma única auto-estrada (M6) em que se paga portagem mas é apenas uma portagem e são 8 Euros… OITO!.. Por 720km (mais do dobro de Lisboa-Porto).
    – Os preços de supermercado são mais baratos em muitos países ricos como Reino Unido e Alemanha, do que em Portugal, que tem dos ordenados mais baixos da zona Euro.

    Portugal e os Portugueses têm um lema: “Saca o mais que puderes, dá o menos que conseguires” – e não falha!.. O Português tem a tacanhez e a saloiice de vistas curtas de querer sempre ganhar mundos e fundos a correr. Não pensa de forma sistematizada nem tem uma visão planificada a longo prazo nem uma visão social de conjunto. Para o Tuga é sempre sacar depressa e à custa de tudo e de todos. Por isso é que os políticos, sendo farinha do mesmo saco, são como são. E depois o povinho fica todo enxofrado… Pudera! Quem é assim não gosta de que os outros sejam.

    • Eh pá!!! Não percebo o que ainda fazes em Portugal. Pira-te para esses paraísos na terra.
      Talvez consigas um emprego a lavar latrinas no Reino Unido, já que eles correram com os estrangeiros que lhes “roubavam os empregos”!!!
      E sempre podes ir fazer um biscate A Edimburgo, já que podes ir lá de borla, pela autoestrada.

      • Que oportunidade tão boa que perdeste de estar calado. No Reino Unido já eu vivo há muitos anos ou achas que ficava a fazer alguma coisa num país como Portugal? E olha que não é a lavar latrinas, como tu. Sou até muito bem pago e comparado com Portugal enfim… Sem comentários.

        Eu é que te digo: Eh pá!!!.. Fica aí em Portugal! Ainda bem que gostas! Diverte-te, que eu também me divirto!..

        • Quanta frustação… deves ter uma vida tão boa no Reino Unido que, entre mentiras e meias verdades, passas o tempo a vir aqui ao ZAP tentar denegrir Portugal e os portugueses…
          “O Português tem a tacanhez e a saloiice de vistas curtas de querer sempre ganhar mundos e fundos a correr. Não pensa de forma sistematizada nem tem uma visão planificada a longo prazo nem uma visão social de conjunto. Para o Tuga é sempre sacar depressa e à custa de tudo e de todos.”
          Portugal e os portugueses não são apenas a tua família/amigos e tu e, essas generalizações, dizem bastante sobre ti.
          Fracassados revoltados e cobardes há em todo o lado, mas tu exageradas… ainda por cima “fugido” para o RU – como se estivesses em algum paraíso… também seria interessante saber a opinião de ingleses sobre “personagens” como tu…
          É que se nota que te divertes mesmo muito por aí!…

          • Mentiras e meias verdades, ahahah… Devia passar-te pela cabeça que eu não tenho qualquer investimento sobre a tua opinião acerca da minha pessoa. Mas para isso tinha de haver alguma coisa lá dentro dessa cabeça.

            Quanta frustração mas é a tua por viveres em Portugal. Tens razão: de facto os Portugueses não são só eu e a minha família/amigos. Há também pategos como tu, razão pela qual eu me vim embora bem a tempo. Passos Coelho deu o empurrãozinho final com o seu bom conselho. O Português em média é exactamente como acabas de demonstrar: regozija-se e gratifica-se com a infelicidade alheia, mais do que com a própria felicidade, Sofre de “nacional-invejosismo”. O Português médio diz mal do país mas é demasiado comodista para procurar melhor vida noutro lado, e geralmente diz mal de quem o faz, como tu acabaste de fazer, embora tudo o que eu apontei sejam factos e não opiniões. Mas factos que pelos vistos te ofendem.

            Senão veja-se… O que poderia levar alguém a escrever um texto de tão hostil ataque pessoal, quando sabe que tudo o que eu escrevi é verdade? Isto partindo do princípio de que sabes… Mas se não sabes, informa-te que o ZAP não deixa adicionar links. Ou então mantêm os óculos de alcanena e continua a regurgitar o Mantra de que Portugal e os Portugueses são um espectáculo, para depois vires aqui escrever todos os dias críticas a Portugal e aos Portugueses, como sempre fazes. Mas só tu é que o podes fazer!.. Até isso é tão Português.

            • Conclusão: és português e achas que, por seres assim, todos os outros portugueses são como tu!
              Ataque “pessoal” a todos os portugueses fazes tu, quando os medes todos pela tua bitola.
              Aqui, tu foste o único patego a “dizer mal” e, foi logo de tudo e todos!!
              Eu não faço generalizações básicas e NUNCA critiquei Portugal ou os portugueses em geral; quando o faço é a alguém
              em ou a algum grupo em particular; ao contrário de ti que, como se pode ver acima, metes tudo no saco!
              Não “foi a tempo”; já foste tarde! Gente como tu faz cá tanta falta como a fome…
              Imagina o que seria de um qualquer país se todos os habitantes fossem frustrados e cobardes como tu ao ponto de, para justificar a sua emigração, terem que vir ao espaço de comentários de um site português de noticias, insultar constantemente o seu país e todos os seus conterrâneos…
              Deves ter uma vida muito feliz!…

      • O homem disse alguma mentira nas situações que apresenta ?
        Em vez de ficar enxofrado com as verdades o que é preciso é passar à acção e começar a corrigir o que está mal.

    • Algarvios…. Conhecidos por comerem com o prato dentro duma gaveta, para a fecharem depressa se alguma visita vier de repente.

    • Quem é que aumentou o salário mínimo? E quais as consequências para um setor como o turismo nacional e a sua competitividade com os nossos principais concorrentes? E o preço da eletricidade e da água?
      Para um hotel sobreviver não pode baixar preços. Se o fizer arrisca-se a não conseguir pagar despesas.
      Quanto às reservas, e com a alteração para amarelo por parte do Governo Inglês assistiu-se a uma alteração. Regressaram ao seu país, pais com filhos em idade escolar e adultos em idade ativa que não podem desenvolver a sua atividade em teletrabalho. Em compensação vieram reformados, famílias com filhos em idade não escolar e jovens (16-25 anos).

      • Isso não tem nada a ver; na época baixa os custos também existem e os preços são diferentes. Quem os habituou a trabalhar 3 meses para ganhar para o ano todo é que esteve mal.

    • Certo… Só que para esses há também muito mais destinos turísticos, que não o de um país de Chicos espertos que assim que vêm camone à vista, metem logo os preços fora do alcance dos compatriotas. Mais olhos que barriga à boa maneira Lusa.

      • Boa viagem para ti e para eles!…
        Os outros agradecem:
        “O administrador dos hotéis Tivoli, Jorge Beldade, diz que nas unidades de cinco estrelas na segunda quinzena de julho e em agosto a ocupação é “superior aos 80%””

        • Ainda sobre o tema acima (já que não dá pra responder lá): dos 5 items que eu referi, nenhum é uma “generalização”. São críticas a coisas muito concretas, objectivas e factuais do nosso país. Tu queres é ver se atiças outros leitores, dizendo que eu estou a insultar os Portugueses todos. Depois abaixo refiro que existe uma certa mentalidade entre os Portugueses, mas todos os países têm uma mentalidade e uma cultura dominantes, embora depois cada pessoa seja uma pessoa.

          Mas achar que criticar essa mentalidade é criticar individualmente cada Português é uma distorção demagógica do que foi dito. Desde quando não existem nos países aspectos culturais e de mentalidade dominantes? Inventaste isso agora?.. E de facto basta irmos a um OLX, a um CustoJusto e depois comparar com sites internacionais do eBay, para perceber que os Portugueses pedem sempre mais do que os estrangeiros pelas mesmas coisas usadas. É o “Saca o mais que puderes, dá o menos que conseguires” – e não falha!.. Mas se quiseres para não chorares mais, podes substituir onde eu escrevi “o Português”, por “o Português em média”.

          E já agora, para ficares feliz a viver aí: https://zap.aeiou.pt/fatura-da-luz-vai-aumentar-proximo-mes-409420

    • E felizmente para nós também há mais países com qualidade e preços mais acessíveis, logo a começar pelo vizinho do lado!

  2. Meus amigos os valores cobrados parecem meio salgado para quem mora aqui no Brasil. Mas o bom tem seu valor, vai quem pode, como ainda não posso fico aqui com minhas pescarias no pantanal e de vez em quando uma ida na praia de ponta negra em Natal, Rio Grande do Norte.

RESPONDER

Tal como nos humanos, a cafeína ajuda as abelhas a aumentar o foco e a eficácia

Um novo estudo indica que, tal como em muitos humanos, uma injeção de cafeína ajuda as abelhas a manterem-se mais concentradas e a realizarem o trabalho com mais eficiência. Uma equipa da Universidade de Greenwich percebeu …

Astrónomos detetam, claramente e pela primeira vez, um disco a formar satélites em torno de exoplaneta

Com o auxílio do ALMA, do qual o ESO é um parceiro, os astrónomos detetaram pela primeira vez de forma clara a presença de um disco em torno de um planeta fora do nosso Sistema …

E se a Terra parasse subitamente de girar?

O nosso planeta demora 23 horas e 56 minutos a completar uma volta em torno do seu eixo, movendo-se a cerca de 1.770 quilómetros por hora. Aprendemos estes pormenores sobre o planeta azul na escola, …

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …