CTT gastam 258 milhões de euros por ano em serviços externos

portugal.gov.pt

Anualmente, os CTT gastam 258 milhões de euros por ano em serviços externos, registando o valor mais elevado para este tipo de despesas – que englobam energia, água, segurança, apoio informático, fornecimento de consumíveis, entre outros serviços – desde 2013.

A notícia, avançada pelo Correio da Manhã esta segunda-feira, dá conta que o agravamento dos custos com serviços externos está relacionado com a aplicação do Plano de Transformação Operacional e deverá ser um dos temas debatidos na Assembleia Geral dos Correios, que se realiza esta terça-feira.

De acordo com o matutino, o plano levou ao aumento do número de postos de Correio para 1.845 em 2018, dos anteriores 1.761 postos.

Entre os maiores gastos em serviços externos está um contrato com a Fujitsu para apoio e manutenção informática. O contrato de três anos celebrado em outubro do ano passado prevê o valor de 8,3 milhões de euros.

O Correio da Manhã observa que este é um dos contratos que está a gerar polémica. O contrato em causa foi assinado em outubro de 2018. A empresa de correios declarou “urgência imperiosa” para avançar para uma contratação por ajuste direto, depois de o resultado do concurso anterior ter sido suspenso por ação de um outro concorrente.

O contrato prevê apoio e manutenção informática para os trabalhadores dos CTT e apoio aos clientes que utilizem as aplicações e plataformas informáticas. Fonte oficial dos explicou ao diário que o novo contrato acaba por “agregar” outros dois já existentes.

A empresa liderada por Francisco de Lacerda revelou, em fevereiro passado, que o resultado líquido em 2018 ficou abaixo dos 20 milhões de euros, uma quebra de 28% face a 2017, explicada com os custos com a reestruturação que tem sido levada a cabo pela companhia, nota ainda o jornal Eco.

“A queda pressionou a administração a abandonar a política de dar todo o lucro em dividendos que era adotada até aqui. Por isso, foi anunciado um corte de mais de 70% na remuneração acionista, com os CTT a proporem distribuir apenas dez cêntimos por ação, contra os 38 cêntimos no período anterior”, recorda o diário de economia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Reconstruções em Pedrógão. Gulbenkian exige indemnização de meio milhão por suspeita de ilegalidades

A Fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de euros por ilegalidades na reconstrução de casas de Pedrógão. Estão em causa cinco habitações. A fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de …

Austrália. Depois dos incêndios, chega o granizo (e já está a provocar estragos)

A Austrália está a recuperar dos enormes incêndios dos últimos meses. No entanto, a costa oriental do país debate-se agora com chuvas intensas que tem provocado inúmeras inundações. As fortes chuvas que caíram esta segunda-feira proporcionaram …

Taxa sobre produtos poluentes rendeu 200 milhões em dois anos

A taxa aplicada sobre produtos poluentes - plástico, cartão, embalagens de vidro, entre outros -, rendeu ao Estado português 199,6 milhões de euros em dois anos, avança o Jornal de Notícias esta segunda-feira. O valor, arrecadado …

"Mito sem sentido". Santos Silva rejeita que Portugal seja "amigo especial" da China

O ministro dos Negócios Estrangeiros rejeitou, em entrevista ao Financial Times, que Portugal esteja a desenvolver uma dependência problemática relativamente à China. É um "mito sem sentido", defendeu Augusto Santos Silva. O governante falou ao …

Justiça espanhola liga ex-ministro a alegado caso de corrupção. António Vitorino nega

A Justiça espanhola diz que o ex-ministro socialista se terá apropriado de 35 milhões de euros da petrolífera estatal venezuelana PDVSA. António Vitorino nega. A justiça espanhola alega que uma sociedade de António Vitorino, antigo ministro …

Há um obstáculo que pode travar a primeira condenação de Salgado

Ricardo Salgado foi condenado a pagar 4 milhões de euros e proibido de ser banqueiro nos próximos dez anos. No entanto, ainda há um último obstáculo que pode travar a sua condenação. O Tribunal Constitucional rejeitou …

Diplomatas portugueses salvaram entre 60 mil e 80 mil vidas durante a II Guerra Mundial

Os diplomatas portugueses terão salvo entre 60 mil a 80 mil refugiados do regime nazi, maioritariamente judeus, durante o período da II Guerra Mundial, estimou a historiadora Irene Flunser Pimentel em entrevista à agência Lusa. Além …

"Absolutamente determinantes." Autárquicas de 2021 vão ser a prova de fogo de Rui Rio

Rui Rio foi reeleito presidente do PSD este sábado, mas tem pela frente vários desafios. O maior deles todos serão as autárquicas de 2021 que vão ditar muito do seu futuro político.  Rui Rio mostrou-se disponível …

Deputados do PS querem reabrir linha do Tâmega

Os deputados do PS do distrito do Porto querem que a linha do Tâmega, que fazia a ligação ferroviária entre Livração, em Marco de Canaveses, e Amarante, como existia até março de 2009, seja reaberta …

Joacine disposta a fazer "cedências necessárias". Livre diz que só por milagre as relações serão retomadas

O Livre decidiu retirar a confiança política a Joacine Katar Moreira. A deputada única do partido admite fazer as cedências necessárias, mas o partido diz que só por milagre as relações entre os dois vão …