Factor Cristina. 12 anos depois, a SIC ultrapassou a TVI nas audiências

Ao cabo de 12 longos anos, a SIC subiu ao primeiro lugar das audiências televisivas nas contas mensais, algo que não acontecia desde Julho de 2006. Foi apenas por uma décima que o canal de Francisco Pinto Balsemão foi o mais visto em Fevereiro, mas é um dado revelador que não pode ser dissociado do factor Cristina Ferreira.

A apresentadora Cristina Ferreira, que trocou a TVI pela SIC, começou a fazer estragos nas contas do Canal onde se tornou famosa ainda em Janeiro, mas Fevereiro foi decisivo para que a mossa se tornasse visível.

A TVI ainda contra-atacou na última semana do mês, com várias mudanças de programação, mas a SIC conseguiu, por uma unha negra, roubar o primeiro lugar que lhe fugia há mais de uma década: 18,6% de share, contra 18,5% da TVI. É preciso recuar quase 20 anos para encontrar um mês com uma quota de mercado tão baixa da TVI.

Entre os principais destaques dos programas mais vistos do mês, pontificam a predominância do futebol nos primeiros lugares e ainda o domínio da TVI ao nível do top 10, onde ocupa seis dos lugares, o que confirma a hegemonia que ainda mantém no horário nobre.

Mas a SIC recuperou terreno e junta à liderança do mercado publicitário, que já detinha, o primeiro lugar em número de espectadores, alcançando a sua primeira vitória mensal em quase 13 anos. Contudo, foi uma vitória por uma margem muito reduzida, não estando garantido que o canal possa manter a liderança nos próximos meses.

A Impresa, na apresentação das contas de 2018, sublinha que o universo de canais concentrou 45% do investimento do mercado publicitário em televisão. A holding que detém a SIC, o Expresso e a Blitz registou lucros de 3,1 milhões de euros no ano transacto, após um 2017 que tinha sido de prejuízos. O bom resultado foi conseguido do lado da despesa, com as receitas a descerem 2,2%.

A batuta de Daniel Oliveira

Esta recuperação da SIC está directamente associada à contratação de Cristina Ferreira que, logo no arranque de 2019, provocou um verdadeiro terramoto nas manhãs televisivas nacionais, com a estreia de “O Programa da Cristina” a revelar-se um enorme sucesso. Não só destronou a TVI na faixa matinal, como levou a SIC para números acima dos 30%, o que ajudou igualmente a dar embalo ao Primeiro Jornal e ao arranque da tarde.

A aposta de Daniel Oliveira, nomeado Director de Entretenimento da Impresa a 28 de Junho de 2018, surtiu os efeitos desejados, dando novo alento à SIC.

Daniel Oliveira só precisou de oito meses no cargo para conseguir o que pode ser uma reviravolta no panorama televisivo nacional.

Ele começou por remodelar a equipa de direcção de entretenimento, com as saídas de Gabriela Sobral e Luís Proença. Depois entregou a direcção da SIC Mulher e da SIC Caras a Júlia Pinheiro que deixou a apresentação do programa das manhãs, “Querida Júlia”, para passar a conduzir as tardes, onde a aposta também tem sido ganha, com bom desempenho nas audiências.

Daniel Oliveira apostou ainda no reality show “Casados à Primeira Vista” que foi um sucesso para a SIC nas noites de domingo, fazendo sombra aos programas concorrentes da TVI.

Além disso, com a introdução dos diários do programa na faixa das 19 horas dos dias úteis e dos compactos aos sábados à noite, Daniel Oliveira não só deu energia a vários horários fragilizados, como impulsionou uma linha de reality shows centrada nos relacionamentos amorosos, que ainda agora se mantém muito presente e com bons resultados.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Hahahaaaa… gostei da observação e concordo!!
      A audiência podem ser velhotes, mas não são (assim tão) parvos – só o suficiente para comprar Calcitrim e outras “banhas da cobra”!…

RESPONDER

Molly bate recorde ao nascer de um embrião congelado há 27 anos

No início deste ano, um embrião que foi congelado em 1992 foi implantado no útero de uma mulher. Agora, 27 anos depois, nasceu Molly Gibson. A bebé nasceu do mais antigo embrião do mundo que resultou …

Apareceu um terceiro monólito metálico. Agora, foi numa montanha da Califórnia

Um monólito metálico, semelhante aos encontrados há pouco tempo no deserto de Utah, nos Estados Unidos, e na cidade romena de Piatra Neamt, surgiu agora no estado norte-americano da Califórnia. A estrutura foi encontra na …

AEK 2 - 4 Braga | “Guerreiros” saqueiam Atenas e apuram-se

O SC de Braga garantiu esta quinta-feira o apuramento para os 16 avos-de-final da Liga Europa. Os minhotos foram à Grécia bater o AEK por 4-2, graças a uma exibição personalizada, num jogo em que …

Ciclone mortal deixou uma praia da Índia coberta de ouro

Centenas de pescadores, mulheres e crianças no distrito de East Godavari, no estado de Andhra Pradesh, no sul da Índia, passaram o fim de semana a vasculhar a praia local em busca de ouro. Após o …

O Flamengo de Jorge Jesus foi "um mero acidente de percurso"

2019 foi uma exceção para a equipa brasileira que, depois de ter vencido (quase) tudo, neste ano já foi afastado da Taça do Brasil e da Libertadores: "O português foi embora e com ele toda …

Concorrência condena MEO a pagar 84 milhões por combinar preços com a NOWO

A Autoridade da Concorrência (AdC) aplicou uma coima de 84 milhões de euros à MEO por combinar preços e repartir mercados com a operadora NOWO nos serviços de comunicações móveis e fixas. “A Autoridade da Concorrência …

PEV quer reverter privatização dos CTT. PS admite todos os cenários

O Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV) defendeu hoje, no parlamento, a “reversão da nacionalização” dos CTT, e ouviu o PS admitir “todos os cenários”. Numa declaração política no parlamento, o deputado José Luís Ferreira afirmou que, …

Voltar à normalidade "não está longe, mas não é já", avisa Pfizer

O administrador executivo da Pfizer, Albert Bourla, apelou na quarta-feira para que os governos de todo o mundo não reabram as suas economias demasiado depressa devido ao otimismo gerado pelas vacinas de covid-19. Bourla, de 59 …

Biden quer retomar acordo nuclear com o Irão, embora reconheça que será "difícil"

O vencedor das eleições presidenciais norte-americanas, Joe Biden, pretende retomar o acordo nuclear com Irão antes mesmo de novas negociações, assumiu o democrata numa entrevista ao New York Times. Joe Biden afirmou, durante a campanha eleitoral, …

Processo de reprivaticação da Efacec atrasado devido à discussão do OE2021

Apesar de as avaliações no âmbito do processo de nacionalização e futura reprivatização da Efacec já estarem concluídas, o processo esteve condicionado pela discussão do Orçamento de Estado para 2021 (OE2021). De acordo com o Jornal …