Noiva adolescente leiloada no Facebook. Rede social só reparou depois do casamento

unamid / Flickr

Uma jovem de 16 anos do Sudão do Sul foi leiloada para casamento no Facebook. Quando a rede social reparou, a jovem já tinha sido comprada e estava casada.

De acordo com a organização pelos Direitos das Crianças Plan International, que sugeriu que a rede social pode estar a servir como um mercado negro moderno, a venda rendeu ao pai da jovem 500 vacas, três carros e cerca de 8500 euros.

O grupo informou ainda que cinco homens, incluindo membros do governo do Sudão, terão participado no leilão.

Segundo um porta-voz do Facebook, a publicação foi apagada logo após a sua descoberta, no dia 9 de novembro. Contudo, de acordo com a CNN, quando a plataforma se apercebeu do leilão, já passavam 15 dias desde o anúncio da venda e alguns dias do casamento da adolescente com o seu comprador.

George Otim, o diretor nacional do Plan International do Sudão do Sul, condenou o leilão e pediu uma investigação pelo governo do Sudão do Sul.

“Este uso bárbaro de tecnologia é o que resta dos mercados de escravos dos últimos tempos. O facto de uma adolesceste poder ser vendida para casamento no maior site de relacionamento social do mundo nos dias de hoje é inacreditável “, disse Otim.

“As meninas que se casam correm um alto risco de engravidar precocemente, podem morrer no parto e muitas vezes são socialmente isoladas – isoladas da família e dos amigos e outras fontes de apoio”, acrescentou. “Encorajamos todas as jovens que se encontram em situações de casamentos forçados e prematuros a denunciá-las à polícia”.

O porta-voz do Facebook também condenou o incidente, que viola as políticas da empresa que proíbem o tráfico de seres humanos. A empresa informou que tomou medidas contra a conta que criou o leilão.

“Qualquer forma de tráfico humano – seja por publicações, páginas, anúncios ou grupos – não é permitida no Facebook. Removemos a publicação e desativamos permanentemente a conta da pessoa. Estamos sempre a melhorar os métodos para identificar conteúdo que viola as nossas políticas, incluindo duplicar a equipa de segurança para mais de 30 mil pessoas e investir em tecnologia“, disse o porta-voz.

Não se sabe como é que a publicação foi detetada pelo Facebook e porque demorou duas semanas a ser apagada. O porta-voz disse que a empresa revê o conteúdo, em busca de violações das Normas da Comunidade em todos os fusos horários, 24 horas por dia e em mais de 50 idiomas.

O casamento infantil é proibido pelo direito internacional, embora ainda ocorra em todo o mundo.

Na África Subsariana, onde a prática é mais comum, 38% das adolescentes casam, formal ou informalmente, antes do 18º aniversário. O sul da Ásia tem o segundo maior nível, com 30%, enquanto a América Latina e as Caraíbas estão em terceiro lugar, com 25%. O Médio Oriente ocupa o quarto lugar, com 17%. No Sudão do Sul, 52% das jovens casam antes dos 18 anos.

As crianças são casadas por diversos motivos, como a pobreza, religião, proteção à criança e honra da família. O povo do Sudão do Sul, que se separou do Sudão em 2011, luta contra a fome, a seca, a guerra civil e a corrupção no governo.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. “O casamento infantil é proibido pelo direito internacional, embora ainda ocorra em todo o mundo.”

    Convém notar que casamentos aos 16 anos são perfeitamente legais pela lei portuguesa (se isto ocorresse em Portugal, a ilegalidade teria apenas na venda e no provavelmente ela não ter tido escolha, não no casamento em si).

    Acho que nesta conversa de “casamentos infantis” faz-se uma grande salganhada entre casamentos aos 11-12 anos (ou até menos) e casamentos aos 16-17 anos, como se estivéssemos a falar da mesma coisa.

    • Completamente de acordo com a sua opinião e pelos vistos colaboram em grandes patifarias que se vão fazendo pelo mundo fora, em vez de sermos bloqueados pelo facebook o melhor talvez sejamos nós a bloqueá-los a eles!

RESPONDER

Museu de Nova Iorque devolve ao Egito "caixão dourado" roubado em 2011

O Museu Metropolitan (MET) de Nova Iorque vai devolver ao Egito um sarcófago roubado em 2011, durante as manifestações da chamada "Primavera Árabe", anunciou este domingo a instituição nova-iorquina. Construído em ouro para o sacerdote Nedjemankh, …

Quase um terço da população chinesa terá mais de 65 anos em 2050

Trinta por cento da população chinesa terá mais de 65 anos, dentro de três décadas, informou hoje um jornal chinês, ilustrando o rápido envelhecimento do país, apesar de ter abolido a política de filho único. “O …

Trump pede à Europa que julgue os seus "jihadistas" (ou os EUA terão de os libertar)

O presidente dos Estados Unidos apelou aos países europeus, nomeadamente o Reino Unido, a França e a Alemanha, para repatriarem e julgarem os seus combatentes do Estado Islâmico feitos prisioneiros na Síria. Caso contrário, aponta …

Depois de 11 mortes e 1800 condenações, franceses querem o fim dos Coletes Amarelos

A maioria dos franceses defende que devem parar os protestos nas ruas dos “coletes amarelos”, três meses após o início das primeiras manifestações que fizeram 11 vítimas mortais, noticia esta segunda-feira a agência France Presse. Uma …

Uma tese de doutoramento levou Marcelo à capa do El País

A tese de doutoramento sobre Marcelo Rebelo de Sousa é de autoria de uma professora universitária e jornalista da RTP. O tema já chegou ao jornal espanhol El País. O jornal percorre as provas de popularidade …

Seguros de saúde sobem para 2,6 milhões com crise no SNS

No primeiro semestre de 2018 o número de contratos de seguros de saúde aumentou 3%, em termos homólogos, para 2,6 milhões, escreve esta segunda-feira o Jornal de Notícias na sua edição impressa. Os dados, da Autoridade …

PSP usa critérios étnicos para avaliar risco de bairros problemáticos

Apesar de a recolha de dados étnico-raciais não ser permitida em Portugal, a PSP utiliza ainda critérios étnicos na avaliação do grau de risco de zonas urbanas sensíveis (ZUS), avança o jornal Público esta segunda-feira. Segundo …

Pyongyang fala em “momento decisivo” em vésperas de nova cimeira com Washington

O principal diário norte-coreano, Rodong Sinmun, escreve esta segunda-feira que o país enfrenta "um momento decisivo", em termos de desenvolvimento económico, a pouco mais de uma semana da cimeira entre o líder norte-coreano e dos …

OCDE quer tribunais especiais para julgar a corrupção

Portugal precisa de fortalecer os mecanismos de prevenção da corrupção, defende a OCDE, que sugere a criação de tribunais especializados e a redução das possibilidades de recurso dos arguidos.  O retrato da análise da corrupção …

Costa "está a colocar todos os potenciais sucessores no palco”

No seu habitual espaço de comentário político semanal na SIC, Luís Marques Mendes falou sobre as recentes alterações no Governo, a moção de censura do CDS que "não faz sentido" e a "crise anunciada" da …