Costa identifica desigualdade salarial como um “combate que não pode parar”

Mário Cruz / Lusa

O primeiro-ministro António Costa identificou a desigualdade salarial como um problema persistente da realidade laboral portuguesa e assumiu que é a sua principal prioridade para as legislativas.

A discursar esta sexta-feira em Viseu, naquela que foi a primeira de quatro convenções do Partido Socialista na preparação para as legislativas, António Costa alertou para as desigualdades salariais existentes e reiterou que o “combate não pode parar“.

“Apesar da diminuição desde 2013, nós continuamos a ter uma desigualdade de rendimentos acima da média europeia e, se queremos convergir, não podemos convergir só quanto às contas certas e ao crescimento. Temos também de convergir em matéria de menor desigualdade”, disse o secretário-geral do PS.

António Costa remeteu para os anos que passaram desde o 25 de abril, mas que apesar disso continua a haver uma grande discrepância nos salários entre homens e mulheres. “É uma desigualdade em que as mulheres ganham menos 18,3% do que os homens para a mesma função e essa desigualdade é maior quando estamos a falar de profissionais mais qualificados ou quadros superiores”, explicou.

O primeiro-ministro corroborou o seu discurso com vários gráficos e ainda contou com as declarações da secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade. Rosa Monteiro anunciou que no dia 27 serão apresentados os primeiros resultados da nova lei que obriga as empresas a não enviesarem as grelhas salariais dos seus trabalhadores “sob o ponto de vista do género”.

Segundo o jornal Público, Costa realçou ainda que o nível de escolaridade tem uma grande influência na diferença salarial. “Em Portugal, o facto de ter ou não ter o ensino secundário completo significa uma diferença de 70% no vencimento, enquanto na União Europeia é 50%”, disse.

Numa retrospetiva da última legislatura, o líder socialista falou das políticas que “permitiram criar mais empregos, mais justiça fiscal e aumentar o salário mínimo”. No entanto, “há sempre novos desafios que ameaçam pôr em causa a igualdade já conquistada”, acrescentou.

“Hoje temos um quadro num cenário macroeconómico que é o que resulta do Programa de Estabilidade e, portanto, não nos podemos comprometer a fazer nada que não tenhamos a certeza de que vamos poder cumprir ao longo dos próximos quatro anos”, concluiu.

Depois de Viseu, as próximas convenções do PS serão em Faro, Portalegre e Braga. As alterações climáticas, a demografia e a sociedade digital serão temas de destaque dos socialistas.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Bengala que guiou bote salva-vidas após o naufrágio do Titanic leiloada por 44 mil euros

Quando o Titanic afundou em águas geladas perto de Newfoundland em 1912, um bote salva-vidas de sobreviventes usou a luz operada por bateria na bengala de uma mulher para iluminar o caminho para a segurança. Essa …

Amostras de sangue de animais de zoológicos ajudam a prever doenças em humanos

Os cientistas querem usar padrões genéticos similares, que estão presentes no sangue de humanos e animais há milhares de anos, para melhorar o prognóstico da doença assistida por computador. Os jardins zoológicos de Saarbrücken e Neunkirchen, …

Encontrado no topo dos Alpes um lago que não devia existir

Um montanhista capturou a formação de um lago "alarmante" no alto dos Alpes franceses depois de a neve glacial ter derretido durante a intensa onda de calor que atingiu a Europa central no final de …

Fogo na Sertã reacendeu e há aldeias cercadas pelas chamas

O incêndio no concelho da Sertã reacendeu à tarde depois de sido dado como dominado durante a madrugada, continuando os fogos no distritos de Castelo Branco a mobilizar mais de mil bombeiros e 15 meios …

Há uma cidade onde o dinheiro cresce das árvores

Morador da remota cidade de Skagway, no Alaska, há cerca de um ano, John Sasfai entra na cervejaria Skagway Brewing Co. e pede uma cerveja artesanal local à base de broto de abeto (árvore conífera …

Os gatos são um problema na Austrália. Matam mais de dois mil milhões de animais selvagens por ano

Quando os gatos vagueiam livremente, pequenos animais selvagens morrem. Na Austrália, a contagem de corpos já excede os dois mil milhões de animais nativos por ano. Na Austrália, investigadores ambientais analisaram centenas de estudos sobre os …

Morreu a antiga apresentadora da RTP Isabel Wolmar

Morreu a antiga apresentadora da RTP Isabel Wolmar. A cara histórica da estação pública tinha 86 anos. A notícia foi avançada pelo amigo Júlio Isidro na sua página oficial de Facebook. No Facebook, o apresentador da …

Cidade americana usa músicas infantis para afastar os sem-abrigo

https://vimeo.com/349252020 A cidade de West Palm Beach, no estado americano da Flórida, está a usar músicas infantis em loop para evitar que os sem-abrigo durmam no parque da cidade durante a noite. Numa tentativa desesperada e bizarra …

Nicolás Maduro acusa EUA de usarem sanções para se apoderarem do petróleo da Venezuela

O Presidente Nicolás Maduro acusou sábado os EUA de usarem as sanções contra a Venezuela como uma maneira de dominar o país para se apoderarem dos recursos petrolíferos venezuelanos. "Os EUA querem dominar-nos para controlar o …

Ministros das Finanças e da Justiça britânicos demitem-se se Boris Johnson for primeiro-ministro

O ministro das Finanças britânico, Philip Hammond, disse este domingo à BBC que se demite se o candidato à liderança do Partido Conservador Boris Johnson se tornar primeiro-ministro, por se opor a um Brexit sem …