Cortes levam docentes universitários a pagar material escolar

Photoxpress

foto: Photoxpress

foto: Photoxpress

O presidente do Sindicato Nacional do Ensino Superior denunciou este sábado o caso de vários professores que pagam do próprio bolso o material escolar ou levam de casa o papel higiénico, numa demonstração do impacto dos cortes orçamentais.

Cerca de 50 professores e investigadores do ensino superior estiveram hoje concentrados frente ao Ministério da Educação, em Lisboa, numa ação de protesto contra os cortes previstos no próximo Orçamento do Estado, já que temem que estes cortes agudizem ainda mais a sustentabilidade do ensino superior.

Em declarações aos jornalistas, o presidente do Sindicato Nacional do Ensino Superior (SNESup) revelou ter conhecimento de vários professores que já chegaram ao ponto de terem que ser eles a pagar o material que usam nas aulas.

“É verdade que neste momento há muitos docentes a terem que pagar dos seu próprio bolso materiais para as aulas, para lecionar, até para darem aos seus próprios alunos fotocópias de materiais para eles poderem trabalhar”, revelou António Vicente.

Acrescentou que os cortes orçamentais já fizeram com que alguns docentes tivessem de levar papel higiénico de casa, uma vez que “não há papel higiénico nas próprias instituições”.

“Quando se chega a uma situação destas no ensino superior, que supostamente estará a preparar a formação das próximas gerações e que tem que ter o mínimo de condições para poder funcionar com dignidade, é porque algo está muito mal no nosso país”, criticou o dirigente sindical.

Lembrou que os cortes previstos no Orçamento do Estado para 2014 “vêm agravar ainda mais as condições das instituições do ensino superior”, estando em causa uma redução que atinge já os 40% nos últimos cinco anos.

“Temos que traçar um limite a partir do qual não podemos ir e neste momento cortar ainda mais terá inevitavelmente consequências ao nível da qualidade do trabalho que se consegue fazer”, advertiu.

Cathy Besson tem 40 anos e está há 15 em Portugal com contratos renovados de três em três anos. É atualmente investigadora na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e aproveitou para chamar a atenção para a precariedade em que vive a maior parte dos investigadores em Portugal.

“Há despedidas para professores reformados que se vão embora, mas não há condições para criar novos empregos. Os empregos são tão poucos que tenho muitos colegas com montes de publicações que ainda andam na rua à procura de trabalho”, revelou.

Pedro Rodrigues, por outro lado, explicou que foi à manifestação não pela sua situação pessoal, mas pelo “estrangulamento” a que estão a sujeitos politécnicos e universidades de todo o país, defendendo que isso põe em causa o futuro do país.

A manifestação contou com o apoio do historiador, professor universitário e político Fernando Rosas, que aproveitou para lembrar que o próximo Orçamento do Estado corta 30 milhões de euros à educação.

“Neste momento há faculdades onde há jovens a dar aulas de graça, o que viola a lei fundamental do trabalho e portanto é altura, no que diz respeito ao ensino superior, da indignação se manifestar”, defendeu, acusando o ministro Nuno Crato de ser um “malfeitor político”.

O SNESup planeia organizar até ao final do ano nova reunião do conselho nacional, prevendo-se que seja nessa altura que sejam definidas novas formas de luta.

“Passam no limite por greves às avaliações no final do primeiro semestre que decorrerão no mês de janeiro”, adiantou António Vicente.

O Sindicato Nacional do Ensino Superior reúne mais de 5 mil associados, num universo de cerca de 23 mil docentes e investigadores.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Pizza para Itália e salmão para a Noruega. Emissora pede desculpa por imagens usadas nos Jogos Olímpicos

O canal de televisão sul-coreano MBC pediu desculpa publicamente após usar imagens para representar países durante a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Fotos de pizza para a comitiva italiana, de salmão para a …

"Quanto mais cedo, melhor". A dona da Marlboro apoia a proibição dos cigarros até 2030

O CEO da Philip Morris Internacional, dona da Marlboro, apoia a proibição da venda de cigarros, mas os activistas anti-tabaco já acusaram a empresa de hipocrisia por tentar comprar uma farmacêutica enquanto lucra com o …

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …

Jogos Olímpicos. Ouro e prata para atletas de...13 anos

Pódio muito jovem na estreia do skate feminino. A espreitar o pódio ficou uma norte-americana com quase o triplo da idade. O skate está a "viver" os seus primeiros dias na história dos Jogos Olímpicos. Inserido …

SEF e PSP reforçam fiscalização às regras aplicáveis nas viagens de avião

O SEF e a PSP reforçaram a fiscalização nos aeroportos às regras do tráfego aéreo devido às variantes de covid-19 e ao aumento do número de voos previsto para as próximas semanas, segundo um despacho …