Quem duvida de que existe corrupção em Portugal “questiona o inquestionável”

foreignoffice / Flickr

O ex-ministro da Economia, Álvaro Santos Pereira

O antigo ministro da Economia Álvaro Santos Pereira considerou que quem duvida que Portugal é vítima de corrupção “está a questionar o inquestionável”, depois do trabalho que coordenou na OCDE ter sido questionado pelo Governo português.

Questionado pelo deputado do CDS-PP sobre as acusações que tinha feito de “compadrio entre o Estado e privados”, na comissão parlamentar de inquérito às rendas excessivas, Álvaro Santos Pereira lançou: “Quem questiona se o nosso país é vítima de corrupção está a questionar o inquestionável“.

No parlamento, em 16 de janeiro, o ministro Adjunto e da Economia, Pedro Siza Vieira, sublinhou a importância de combater “em todas as circunstâncias” a corrupção.

No entanto, disse que “identificar o problema da corrupção como fator de degradação da economia portuguesa é desviar a atenção de coisas importantes” como as dificuldades de acesso ao capital e de qualificação de recursos humanos e as baixas taxas de poupanças.

“E fico bastante desapontado que o contributo que a OCDE tem para dar à economia portuguesa é pôr o combate ao problema da corrupção como uma coisa mais importante, por exemplo, que a qualificação dos portugueses e dar um sinal ao mundo que estamos ao mesmo nível que a Nigéria ou do que o Iraque”, afirmou na altura.

No início do mês de janeiro, o Expresso indicou que a corrupção é destacada, pela primeira vez, num relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) sobre a economia nacional, que é publicado a cada dois anos.

O jornal referiu que, na base desta conclusão, está o trabalho da equipa do antigo ministro Álvaro Santos Pereira, o Economic Survey, um radar da OCDE sobre a economia portuguesa.

De acordo com o Observador, o esboço de relatório da OCDE sobre as perspetivas económicas para Portugal – o Economic Survey -, inclui referências a casos mediáticos de corrupção na política e nos negócios, com referência ao envolvimento de José Sócrates na Operação Marquês, e apresenta propostas de alteração legislativa e a reformulação do sistema de recursos de forma a impedir manobras dilatórias por parte das defesas.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Federer sente falta de Wimbledon. "Deu-me tudo"

Roger Federer admitiu sentir a falta de Wimbledon, o torneio do "Grand Slam" que, se não tivesse sido cancelado devido à pandemia de covid-19, estaria a decorrer em Londres. O tenista suíço Roger Federer admitiu, esta …

Vanessa Guillen foi espancada até à morte. Jovem soldado tinha dito à mãe que era vítima de assédio

Vanessa Guillen foi vista pela última vez a 22 de abril, pouco tempo depois de confessar à mãe que estava a ser assediada por um sargento. O principal suspeito da morte da jovem suicidou-se e …

Presidente da Câmara do Funchal envia carta a Boris Johnson a defender a Madeira

O presidente da Câmara do Funchal escreveu uma carta a Boris Johnson, na qual realça "alguns argumentos fortes" a favor da Madeira como destino de férias para os cidadãos do Reino Unido. O presidente da Câmara …

Livros pró-democracia desapareceram das bibliotecas de Hong Kong

Livros escritos por importantes ativistas da democracia de Hong Kong começaram a desaparecer das bibliotecas da cidade, avança a agência noticiosa francesa AFP, citando registos online destes espaços. Os livros pró-democracia desapareceram das prateleiras da …

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal

Lito Vidigal é o novo treinador do Vitória de Setúbal. O ex-treinador do Boavista, que já tinha passado pelo Bonfim em 2018/2019, vai suceder a Júlio Velázquez no comando técnico dos sadinos. Esta segunda-feira, Lito Vidigal, …

Estados Unidos confirmam rara infeção provocada por parasita que destrói o cérebro

Foi detetada, no cérebro de uma pessoa no condado de Hillsborough, uma ameba rara que destrói o cérebro. O parasita chama-se Naegleria Fowleri. Uma ameba rara que destrói o cérebro, conhecida como Naegleria Fowleri, foi detetada numa …

IKEA devolve a Portugal 500 mil euros em apoios do lay-off

A IKEA já reuniu com o Governo e diz estar a estudar a melhor forma de proceder à devolução do montante recebido pelo Estado.  Segundo o Dinheiro Vivo, a IKEA Portugal vai devolver cerca de 500 …

Isabel dos Santos diz-se "contactável e disponível" para colaborar com a justiça

Isabel dos Santos negou, esta segunda-feira, que a justiça desconheça o seu paradeiro e que não a consiga contactar, depois de o procurador-geral de Angola ter vindo a público denunciar a ausência de respostas da …

"Não estamos a dar a resposta suficientemente eficaz nesta fase", diz bastonário dos médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos (OM), Miguel Guimarães, defendeu esta segunda-feira que enquanto faltar uma "resposta suficientemente eficaz" à covid-19 na fase de desconfinamento, a recuperação económica também será mais lenta. O responsável falava aos …

Bolsonaro alarga veto para uso de máscaras no Brasil

Jair Bolsonaro vetou, esta segunda-feira, a obrigatoriedade do uso de máscaras em prisões durante a pandemia, segundo informações divulgadas no Diário Oficial da União. A decisão do Presidente brasileiro incluiu também o fim da obrigatoriedade de …