“O nosso luto foi invadido. É desumano”: PSP recolhe corpos de vítimas de legionella durante o velório

António Cotrim / Lusa

Fachada do hospital de S. Francisco Xavier, Lisboa

Os corpos das vítimas mortais do surto de ‘legionella’ no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, foram recolhidos pela PSP enquanto decorria o velório, por ordem do DIAP, disse à Lusa fonte policial.

Fonte do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa confirmou à Lusa que a recolha dos dois corpos foi feita quando já decorria o velório. “Confirmo essa situação. O Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa ordenou a recolha do corpo para autopsia no Instituto de Medicina Legal”, afirmou. Segundo a mesma fonte, a situação “foi desconfortável”, mas teve que ser cumprida.

Dizer que é uma situação muito sensível é pouco e foi difícil de gerir. Foi desconfortável, mas teve de se cumprir. As pessoas estavam desagradadas com a situação, o que é natural, mas não houve problemas de maior”, disse a PSP.

Fonte do Comando Nacional da PSP também confirmou à Lusa que o corpo foi recolhido durante o velório, explicando que se tratou de cumprir um “procedimento obrigatório“.

O Ministério Público ordenou também a autópsia ao corpo da outra vítima mortal, o que originou que a data das cerimónias fúnebres tivesse de ser alterada e o corpo recolhido quando também já decorria o velório, disse à Lusa fonte da família.

A decisão do MP está relacionada com o facto de ter sido aberto um inquérito às mortes provocada pelo surto de legionela no Hospital São Francisco Xavier identificado a 31 de outubro.

Em comunicado, o MP anunciou que ordenou as autópsias das duas vítimas mortais – que considera “essenciais para a investigação em curso” – por não ter “recebido qualquer comunicação de óbito relacionada com esta matéria, legionella”.

Por isso, teve “necessidade de recolher elementos que permitissem identificar as vítimas, bem como as circunstâncias que rodearam as mortes, designadamente o local onde ocorreram”.

A família agora pede a “devolução” dos corpos: “Quando é que o ministério nos vai dar o corpo da minha avó? O nosso luto foi invadido. Estávamos na nossa dor, a despedir-nos. Queremos ter o nosso tempo de luto”, disse ao Diário de Notícias a neta de uma das vítimas.

Joana Araújo, neta de Maria da Graça Ribeiro, que faleceu no Hospital São Francisco de Xavier, vítima de legionella, disse não contestar as ordens, “mas é desumano. Queriam levar o corpo num saco, como se fosse lixo”. As autoridades acabaram por usar a carrinha funerária, perante a indignação da família.

Já a outra vítima, o jurista de 77 anos, o corpo acabou por ser transportado no saco de plástico, com o consentimento da família.

As autoridades de saúde indicaram que o surto de legionella no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, entrou numa fase descendente, havendo indícios de que as medidas corretivas já estão a surtir efeito.

Em conferência de imprensa, a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, estimou que o surto, que já provocou duas vítimas mortais, esteja a entrar numa fase com menos casos por dia.

Até ao momento, há 38 pessoas infetadas, cinco deles internadas em unidades de cuidados intensivos. Graça Freitas indicou também que os resultados preliminares de análises colhidas após as medidas corretivas aplicadas no sistema de refrigeração indiciam um efeito positivo dessas medidas.

Torre de refrigeração que esteve sem funcionar pode estar na origem do surto

De acordo com o Público, a Direção-Geral de Saúde (DGS) está a investigar se o surto de legionella teve origem numa das torres de refrigeração do Hospital S. Francisco Xavier que esteve sem funcionar e recentemente terá sido reativada.

O ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, afirma apenas que “o que aconteceu aqui foi, seguramente, uma falha técnica”. O Ministério Público, que já estava a recolher elementos, abriu formalmente um inquérito.

A diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, confirmou na terça-feira que a ativação de uma das torres de refrigeração do hospital, nos dias que antecederam o início do surto, é uma das linhas de investigação que está a ser seguida no inquérito interno aberto ao caso.

Só quando tivermos os resultados das culturas que estão a ser feitas e for identificado o genoma das bactérias é que teremos a convicção sobre a origem do surto”, acrescentou Graça Freitas.

Resta a dúvida sobre o número de torres de refrigeração existentes no hospital. A presidente do conselho de administração do Centro Hospitalar Lisboa Ocidental, a diretora-geral da Saúde e o presidente dos Serviços de Utilização Comum dos Hospitais dão respostas díspares, entre duas e quatro torres.

Além do inquérito interno, o surto, na sequência do qual morreram duas pessoas e 38 estão infetadas, está a ser investigado pela Inspeção-Geral das Atividades em Saúde, a pedido do Ministério da Saúde, e pelo Ministério Público.

// Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Que se passa com as instituições públicas???
    Estão pejadas de incompetentes a todos os níveis?
    De uma vez por todas, material sensível deve ter um tratamento diferenciado dos assuntos corriqueiros!!!
    Eu não quero, eu exijo responsabilidades.
    Todas as semanas aparecem noticias ou boatos de incompetência parola, que mais uma vez prova que quem lá está, não está por mérito e por ter perfil.
    É um de salve-se quem puder e garantir o meu que é por direito (não porque eu mereci, mas porque bem ou mal tenho direito, repito, direito).

RESPONDER

Manuel Alegre e Agustina Bessa-Luís votados para o Nobel

A Academia de Ciências de Lisboa apontou Manuel Alegre e Agustina Bessa-Luís a possíveis candidatos para receberem o próximo Prémio Nobel da Literatura, após convite do Comité Nobel da Academia Sueca. Ainda faltam alguns meses para …

Sushi e peixe cru podem provocar “anisakiasis”

As infecções por parasitas intestinais estão a aumentar com a popularidade do sushi e os riscos do consumo de peixe cru ficaram novamente ilustrados com um caso insólito. O caso foi relatado pelo médico norte-americano Kenny Banh …

Casa dos Horrores: o pai das crianças já tinha raptado a companheira

O mundo ainda está em choque com a descoberta macabra feita pela polícia da Califórnia no passado domingo. Mas o horror vem de trás. O casal David e Louise Turpin é suspeito de manter os 13 …

Fisco espanhol acusa Shakira de fraude fiscal

O fisco espanhol pediu ao Ministério Público para acusar a cantora colombiana Shakira de fraude fiscal, que terá cometido entre 2011 e 2014, noticiou hoje o jornal espanhol La Vanguardia. A administração fiscal espanhola apresentou este …

A fórmula do plástico mais resistente do mundo continua perdida

Uma invenção revolucionária que poderia deixar o mundo mais seguro. Assim foi definido o starlite, material resistente ao fogo e a altas temperaturas, cuja fórmula permanece desconhecida - e poderá estar perdida. O material foi criado …

Não, ter plantas em casa não é prejudicial para a saúde

Desde sempre que a ideia de que ter plantas em casa é prejudicial para a saúde está enraizada na mente de todos - crença, no entanto, comprovadamente errada. A ideia surgiu pelo facto de, no processo …

Deco registou quatro queixas por dia sobre compras online em 2017

A Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, Deco, recebeu 1.642 reclamações sobre compras feita pela internet em 2017, numa média de quatro queixas por dia, número que sobe para 8.538 no caso da rede …

Vai passar pela Terra um "arranha-céus" a 122 mil quilómetros por hora

Um "asteróide potencialmente perigoso" dirige-se para a Terra a uma velocidade de mais de 122.000 quilómetros por hora, informou a agência espacial norte-americana NASA. O asteróide 2002 AJ129 vai aproximar-se da Terra no próximo dia 4 …

Adepto condenado por morte com very-light detido no Estádio da Luz

O homem condenado há 20 anos por causar uma morte com um very-light foi detido no sábado pela PSP no Estádio da Luz, onde estava proibido de entrar na sequência de uma condenação por posse …

Condutor bêbado adormeceu ao volante... e o seu Tesla parou sozinho

Talvez no futuro os automóveis autónomos consigam levar passageiros bêbedos até casa sem colocar outras pessoas em risco, mas por agora não se pode esperar que nem mesmo um Tesla faça isso. Já é muito …