Coreia do Norte bombardeia unidade militar da Coreia do Sul

Rodong Sinmun / YONHAP

Kim-Jong-un, líder da Coreia do Norte

Kim-Jong-un, líder da Coreia do Norte

A Coreia do Norte bombardeou esta quinta-feira uma unidade militar sul-coreana localizada na secção ocidental da fronteira entre as duas Coreias, revelou a agência de notícias South Yonhap, citando fontes militares.

Pouco antes das 16:00 (07:00 em Lisboa), os sul-coreanos detetaram a trajetória de um míssil disparado de território norte-coreano, da secção ocidental da fronteira que divide a península coreana, disse um porta-voz à agência noticiosa francesa AFP.

Em resposta, a Coreia do Sul disparou dezenas de obuses contra a Coreia do Norte.

“Em resposta, o nosso exército disparou dezenas de obuses de 155 mm em direção ao local de onde as tropas norte-coreanas lançaram o míssil”, de acordo com um comunicado do ministério.

“Reforçamos o nosso nível de alerta e vigiamos atentamente os movimentos do exército norte-coreano”, acrescentou o texto.

Até ao momento, desconhece-se qual a unidade sul-coreana visada, ou mesmo se soldados sul-coreanos foram visados, e não foi assinalado qualquer impacto em território da Coreia do Sul.

Um representante das autoridades locais do município de Yeoncheon, a cerca de 60 quilómetros a norte de Seul, disse que os habitantes de várias aldeias fronteiriças receberam ordens para se protegerem em abrigos antiaéreos.

Os dois países atravessam novamente um novo momento de tensão, depois de, no início do mês, dois soldados sul-coreanos terem ficado gravemente feridos na explosão de minas colocadas na zona sul da fronteira coreana.

Após uma investigação, Seul concluiu que as minas foram colocadas por militares norte-coreanos, infiltrados em território sul-coreano, mas Pyongyang negou qualquer implicação no caso.

Na segunda-feira, 50 mil soldados sul-coreanos e três mil norte-americanos iniciaram manobras militares de larga escala, que simulam um ataque da Coreia do Norte.

Pyongyang classificou o exercício, que vai decorrer até 28 de agosto, como uma “declaração de guerra“.

Norte e Sul continuam tecnicamente em guerra, uma vez que a Guerra da Coreia terminou com a assinatura de um armistício que nunca foi substituído por um tratado de paz entre os dois vizinhos.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. DEIXA_MEEEE rirrr vai-la vaiii, quanto +++ em PAZ se fala ,mais gueera vai HAVENDO,começo a a creditar na VERDADEIRA,biblia,que segundo dizem ser a de JOÃO FERREIRA de ALMEIDA,-segundo dizem ,ois..iiii…
    Ocerto é que isto esta a ficar um CAOS ,mas segundo registo BIBLICOS,vai ser de determinada ESCALA,que vai ser rapido.a a GUEERA ,a 3ª,e PIFFF la vem de NOVO a era de NOÈ,que pareçe que vai ser SIMILAR…..
    Mas IDEOLOGIAS POLITICAS ,e de acordo com o comentário do VASCO, estou a aceitar tal INSANIDADE POLITICA E HUMANA de quem quer TOMAR CONTA do MUNDO,do PLANETA TERRA,que segundo dizem que são os.as MAÇONICOS.as,ILLUMINATYS, etcetc que estão a impor a N.O.M. (Nova Ordem Mundial), e dai um ou mais VÌRUS etc etc ja foram lançados.as e dai a INSANIDADE de grande parte de PODERES ,que estão querendo aniquilar este PLANETA,até ja querem CLONAR Humanos em 3D, vai la vai ,até BARRACA KUBATA abana,…..
    Na sei se hei-de rir +++ ou chorar,enfim SINAIS DOS TEMPOS MODENOS…

    a.g

RESPONDER

Como surgiu a vida na Terra? Cientistas acreditam ter descoberto o "elemento-chave"

Uma equipa de investigadores da Ludwig-Maximilians-Universitaet, na Alemanha, mostrou que pequenas alterações nas moléculas de transferência de ARN (tARNs) permitem que se auto-agrupem numa unidade funcional que consegue replicar informações exponencialmente. Uma equipa de biólogos alemães …

Telescópio FAST detetou três misteriosos sinais rádio do ainda jovem Universo

O gigante telescópio chinês FAST (Five Hundred Metre Aperture Spherical Telescope) detetou três misteriosas rajadas rápidas de rádio (FRB) que ocorreram quando o Universo era ainda jovem. As rajadas rápidas de rádio são um dos …

Áustria reitera rejeição de acordo comercial UE-Mercosul

O Governo austríaco, numa carta enviada ao primeiro-ministro, António Costa, reiterou a sua rejeição do acordo comercial UE-Mercosul e apelou a que Portugal, enquanto presidência da União Europeia (UE), “assegure” que a sua votação seja …

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …