Coreia do Norte vai participar nos Jogos Olímpicos na Coreia do Sul

Jung Ui-chel / POOL / EPA

Ministro sul-coreano para a Unificação, Cho Myoung-gyon, e o chefe da delegação norte-coreana, Ri Son-Gwon

A Coreia do Norte vai enviar uma delegação aos Jogos Olímpicos de Inverno que arrancam no próximo mês, na Coreia do Sul.

A Coreia do Norte vai enviar uma delegação, com atletas e dirigentes, aos Jogos Olímpicos de Inverno deste ano, que se realizam em PyeongChang, na Coreia do Sul.

O anúncio foi feito depois da primeira reunião em mais de dois anos entre as duas Coreias, realizada esta terça-feira em Panmunjom, a mesma aldeia onde foi assinado o armistício de 1953 que terminou com os combates da Guerra da Coreia.

“A parte norte-coreana propôs enviar uma delegação de alto nível aos Jogos Olímpicos de Inverno”, disse aos jornalistas Chun Hae-Sung, ministro-adjunto da Unificação da Coreia do Sul.

Além disso, Seul propôs ainda a realização, em fevereiro, de encontros para as famílias separadas pela guerra da Coreia, que terminou em 1953 com a assinatura do armistício. Estas reuniões, segundo o Público, poderão acontecer no feriado do Ano Novo Lunar, a meio dos Jogos Olímpicos que decorrem entre os dias 9 e 25 de fevereiro.

Na reunião desta terça-feira foi também sugerido que os atletas de ambas as Coreias desfilem em conjunto na cerimónia de abertura do evento, uma demonstração de união da península. Contudo, a reposta norte-coreana ainda não é conhecida.

A última vez que atletas das duas Coreias desfilaram juntos aconteceu em 2006, nos Jogos Olímpicos de Inverno.

De acordo com o jornal, depois do encontro, a Coreia do Sul declarou que irá equacionar a suspensão temporária das sanções a Pyongyang, se necessário, para facilitar a entrada de norte-coreanos no país para que possam assistir à competição olímpica.

De acordo com o jornal, a decisão será tomada em conjunto com o Conselho de Segurança das Nações Unidas, detalhou o porta-voz do ministro dos Negócios Estrangeiros sul-coreano, citado pela Reuters.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Atitude sensata a destes Srsº. Não deveriam reduzir, mas por em escala zero a tensão existente. Subiu muitos pontos na minha consideração, tal atitude, de ambos os lados. Estão de parabéns. Que haja paz entre os povos, e se esqueçam do passado, para o bem de toda a humanidade. Façam os Jogos Olimpicos em paz e tranquilidade, e Gloria aos vencedores e Honra aos vencidos. No restante que ameaça o planeta e a vida de quem não tem culpa, bom será que eles empatem. E os outros cães, que se calem.

  2. Podemos criticar o Trump, mas esta é seguramente uma enorme vitória dele. Quer se queira, quer não. Muitos presidentes dos eua tentaram. Apenas este conseguiu. Seja pela estupidez, pela força, pela loucura. Mas conseguiu que as coreias falassem. Mais incrível mesmo era que com as decisões atabalhoadas no médio oriente, conseguisse também aí alcançar algo… mesmo sem saber como.

RESPONDER

Cabeceamentos no futebol podem ser proibidos ou limitados. O problema é o risco de demência

A Federação escocesa de futebol prepara-se para proibir os cabeceamentos nos escalões com menores de 12 anos.  Em Inglaterra, fala-se em limitar este gesto futebolístico que foi associado a doenças neuro-degenerativas em vários estudos científicos. …

Fenómeno cerebral desvenda enigma sobre as casas do Neolítico

O comportamento humano está influenciado por aspetos inconscientes. Um deles é um fenómeno da perceção conhecido entre psicólogos como a negligência espacial cerebral. Este fenómeno refere-se à observação de que as pessoas saudáveis preferem o seu …

Justiça do Mónaco investiga José Eduardo dos Santos e Isabel dos Santos

As autoridades do Mónaco estarão a investigar a empresária angolana, assim como o seu pai e o seu marido, pelo crime de branqueamento de capitais. De acordo com o semanário Expresso, as autoridades judiciais do Mónaco …

Depressão Glória atinge Portugal continental com vento forte

A depressão Glória está a caminho. Segundo o Instituto Português do Mar e Atmosfera, no domingo, esperam-se rajadas de vento que podem atingir os 110 quilómetros por hora nas terras altas. A depressão Glória vai passar …

Governo não renova PPP do Hospital de Loures

O Estado não vai renovar a atual parceria público-privada (PPP) do Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, que é gerido pelo grupo Luz Saúde, anunciou a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo …

Cientistas podem ter descoberto por que Beethoven ficou surdo

Ludwig van Beethoven começou a notar dificuldades de audição em 1798, com 28 anos. Com 44 ou 45, estava totalmente surdo. Aos 56 anos, o músico morreu e, até hoje, ainda não se sabe …

Tochas em Alvalade. Liga pede reunião de urgência ao MAI

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) solicitou, esta sexta-feira, uma reunião de urgência ao ministro da Administração Interna, na sequência dos incidentes no encontro entre Sporting e Benfica. "A Liga Portugal lamenta profundamente …

Moody’s mantém rating de Portugal acima do "lixo"

A agência de rating norte-americana manteve, esta sexta-feira, a notação financeira de Portugal em “Baa3”, acima de lixo, e a perspetiva em positiva. De acordo com um comunicado no site da agência, a Moody's assinala que …

Suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano ficam em prisão preventiva

Os cinco suspeitos da morte do estudante cabo-verdiano vão aguardar julgamento em prisão preventiva, indiciados pelos crimes de homicídio qualificado e três tentativas de homicídio. A decisão, lida aos jornalistas cerca das 23h30 de sexta-feira por …

Cientistas descobriram o ponto fraco dos tardígrados

Os tardígrados, também chamados ursos de água, são conhecidos pela sua resistência. Mas um novo estudo revela agora que estes pequenos organismos também têm um ponto fraco: exposição de longo prazo a altas temperaturas. Em 2018, …