Concluídas obras de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame em Paris

Yoan Valat / EPA

A fase de segurança e consolidação da catedral de Notre-Dame, em Paris, quase destruída num incêndio há mais de dois anos, terminou, dando lugar à etapa de restauro, anunciaram este sábado as autoridades.

Em 15 de abril de 2019, um incêndio devastou a estrutura de madeira da Catedral de Notre-Dame, um dos monumentos mais visitados da Europa.

A torre desabou e grande parte do telhado ficou reduzido a cinzas, criando uma onda de emoção mundial, recorda a agência de notícias France Presse (AFP).

Os trabalhos de segurança e consolidação da Catedral, que se iniciaram no dia seguinte ao incêndio, foram concluídos de acordo com o calendário definido, refere em comunicado a instituição pública responsável pela sua conservação.

“A catedral está agora totalmente segura” após esta fase que incluiu o desmantelamento do andaime que estava instalado durante o incêndio, “a remoção do grande órgão, a limpeza dos locais de ensaio em duas capelas, a instalação de cabides de madeira sob os contrafortes voadores ou a clareira e triagem dos restos mortais e assegurar a travessia transepto”.

Ao mesmo tempo, “a fase de restauro foi ativamente preparada e está agora resolutamente em curso para lançar as primeiras obras de restauro neste inverno”, anunciou a instituição.

O Presidente francês, Emmanuel Macron, tinha prometido que a catedral seria reconstruida dentro de cinco anos, mas o projeto não estará concluído dentro deste período.

O monumento deve ser devolvido ao culto até 16 de abril de 2024, dia em que uma missa será novamente celebrada na nave, anunciou em dezembro de 2020 o presidente da instituição pública responsável pela reconstrução da catedral, General Georgelin.

Está a ser preparado o lançamento de concursos para obras de seleção das empresas que vão participar no projeto de restauro e “começa este mês uma campanha de limpeza exaustiva das paredes e pisos interiores da catedral”, acrescentou.

A catedral encontrava-se em obras de restauro no seu exterior quando, em abril do ano passado, deflagrou um violento incêndio que demorou cerca de 15 horas a ser extinto.

A origem acidental do incêndio, um curto-circuito, continua a ser privilegiada, embora a causa do fogo não esteja esclarecida, e os resíduos calcinados deverão ser analisados ao pormenor para detetar o menor indício.

As obras de Notre-Dame têm enfrentado vários imprevistos, desde a necessidade de adotar medidas contra a contaminação por chumbo até à crise do novo coronavírus, passando pelo mau tempo no final de 2019, mas foram retomadas no final de abril.

  // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Sem surpresas, CDS, IL e Chega saíram de Belém a reafirmar o seu voto contra

No final das audiências com o Presidente da República, sem surpresas, os partidos de direita deixaram críticas à proposta do Orçamento do Estado e mantiveram a sua intenção de votar contra. "Este primeiro-ministro sempre sustentou a …

"Viagra dos Himalaias", o fungo mais caro do que ouro, mostra potencial contra cancro

Uma molécula produzida pelo chamado "fungo de lagarta", também conhecido por "Viagra dos Himalaias", pode fornecer uma base para tratamentos de cancro mais eficazes. Em ensaios clínicos recentes, o composto chamado cordicepina mostrou ser bem-sucedido a …

Bloco quer acordo escrito e Costa não diz que não. PCP diz que não houve avanços

O primeiro-ministro defendeu, esta sexta-feira, que a aprovação do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) não se prende em questões formais, mas sem excluir um "acordo escrito", tal como pediram os bloquistas. "Se quiserem um acordo …

Mulher de Rendeiro tem cinco dias para entregar obras de arte em falta

A mulher do ex-banqueiro será interrogada pelo tribunal na próxima sexta-feira e tem até quarta-feira para entregar à Polícia Judiciária (PJ) 15 obras de arte apreendidas em 2010 e que em recente diligência não foram …

Vacinação simultânea contra gripe e covid-19 arranca na segunda-feira

A vacinação em simultâneo contra a covid-19 e a gripe inicia-se na segunda-feira, abrangendo cerca de dois milhões de pessoas com 65 ou mais anos, adiantou à agência Lusa a diretora-geral da Saúde. "A norma vai …

Dois caranguejos à beira-mar

Os caranguejos são "hipnotizados" pelos campos eletromagnéticos dos cabos submarinos

Um novo estudo mostrou que os cabos submarinos podem estar a ter um "efeito hipnotizante" nos caranguejos castanhos. Mais preocupante: o campo eletromagnético produzido pelos cabos pode causar alterações celulares nos caranguejos comestíveis, tornando-os mais …

Método usa "capa de invisibilidade sonora" para fazer desaparecer objetos

Uma equipa de investigadores do Instituto de Geofísica de Zurique, na Suíça, desenvolveu um método que usa a acústica para ocultar objetos.  Quando ouvimos música, não ouvimos apenas as notas produzidas pelos instrumentos: estamos também imersos …

O planeta Vénus

Vénus já teve oceanos? De maneira nenhuma, dizem astrofísicos

Vénus já teve oceanos? Não, segundo o novo estudo de uma equipa de astrofísicos da Universidade de Genebra e da NCCR PlanetS, na Suíça. Nos últimos anos, vários estudos têm sugerido que Vénus pode já ter …

Cientistas estão a plantar mesas de xadrez de corais para restaurar recifes - e contam com a ajuda de garrafas de Coca-Cola

Nas últimas três décadas, os recifes de coral têm sofrido uma grande tensão e consequente destruição, devido ao impacto das alterações climáticas. Agora, os cientistas querem minimizar os danos e já encontraram uma solução. O objetivo …

Belenenses 0-4 Sporting | Melhor o resultado que a lesão

O Sporting, da I Liga, venceu hoje o Belenenses, do Campeonato de Portugal, por 4-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal de futebol, garantindo o apuramento para a próxima fase da competição. No …