Como é que ninguém se tinha lembrado de construir coisas reais com Legos gigantes?

Os adultos que já brincaram com Legos (e quem é que nunca o fez?), inevitavelmente olharam para os pequenos pedaços de plástico na sua mão e pensaram: “Caramba, estas coisas são pequenas”. Foi o que pensou Arnon Rosan, um “empreendedor em série” com sonhos de criança.

“Nós vamos ficando mais velhos”, diz Arnon Rosan, “pegamos naquelas peçazinhas, e vamos ficando com a sensação de que gostaríamos de ter uma versão em tamanho real daquilo”.

A maioria das pessoas fica-se pela fantasia – mas não Rosan, empreendedor nova-iorquino, fundador de start-ups e investidor especializado nas indústrias criativas.

Rosan desenhou blocos de construção em tamanho real, semelhantes a peças de Lego gigantes – um sistema modular de blocos de plástico em grande escala que, como as peças originais, são colocados em cima uns dos outros, encaixados para ganhar solidez – e fundou a EverBlock.

Mas a EverBlock é mais uma ferramenta do que um brinquedo.

Os blocos, fabricados em polipropileno, um termoplástico reciclável derivado do propileno, podem ser usados para construir móveis e estruturas plenamente funcionais.

Os blocos vêm em 14 cores e três tamanhos: inteiro (30cm de comprimento), metade (15 centímetros) e um quarto (7.6 centímetros). O seu peso varia entre as 100 e as 900 gramas.

Mais difícil do que parece

Os Everblocks são montados mais ou menos como quaisquer outros blocos de construção modulares, mas numa escala maior.

everblocksystems.com

 Arnon Rosan, empreeendedor em série, investidor em start-ups, criança em ponto grande, junto aos seus Everblocks

Arnon Rosan, empreeendedor em série, investidor em start-ups, criança em ponto grande, junto aos seus Everblocks

À medida que os blocos aumentam de tamanho, construir com eles fica mais complicado.

“Quando começámos, pensávamos que as pessoas saberiam instintivamente como construir com eles”, explica Rosan à Wired.

Não foi o caso. Em miniatura, é fácil ter uma perspectiva de como os blocos se encaixam. Mas em tamanho natural, o processo torna-se um desafio.

“As pessoas começam a preocupar-se com a estabilidade”, diz Rosen.

Não é um grande problema se a sua parede de 5 centímetros cai, mas não é bem assim quando ela tem 5 metros.

O segredo está em tirar lições das brincadeiras com os Legos, e empilhar os blocos como tijolos, para que eles se equilibrem.

Além dos característicos encaixes semelhantes aos dos Legos, cada Everblock tem também pelo menos uma entrada para cabos de força, cavilhas de madeira ou luzes LED, para ajudar a estabilizar ou iluminar estruturas maiores.

Rosan concebeu os EverBlocks como uma forma de construir facilmente móveis como sofás e mesas de café, mas rapidamente percebeu que os grandes blocos têm aplicações muito para lá da sala de estar.

Quando começaram a experimentar os Everblocks, as pessoas começaram a experimentar(são Legos, não é?) e construíram estruturas parecidas com casas, divisórias, e até arte.

No site da Everblock está disponível uma aplicação de “construção virtual” que as pessoas podem usar para criar desenhos e saber quantos tijolos vão ser necessários.

Uma nova indústria a nascer

Quando Rosan descreve o seu desejo de expandir o conceito do EverBlock para incluir janelas e portas, é fácil adivinhar que podemos estar perante um novo tipo de construção.

Como todos os sistemas modulares, o benefício real das peças de Lego gigantes está na sua eficiência.

Mas com apenas três versões de blocos, há para já grandes limitações para o que se pode construir.

Ainda assim, quando precisamos de construir alguma coisa rapidamente, esta pode ser já uma solução inteligente e muito rápida.

Por exemplo, em situações de emergência em zonas de calamidade.

“Enviamos um par de helicópteros com paletes de blocos para uma zona de catástrofe – e de repente, temos abrigos de emergência montados, com uma estrutura sólida, a ajudar as pessoas”, diz Rosan.

ZAP / HypeScience

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. A noticia está errada. Nos anos 60 uma criança teve essa ideia quando visitava a fábrica “LEGO”. Os donos acharam a ideia interessante e a nova fábrica Lego foi construída com “LEGOS” gigantes…

Responder a José Cancelar resposta

Web Summit: Câmara de Lisboa terá que pagar mais 4,7 milhões de euros para assegurar edição deste ano

A Câmara de Lisboa vai discutir na quinta-feira alterações ao acordo para a realização da Web Summit, entre as quais o pagamento de mais 4,7 milhões de euros e o adiamento da expansão da Feira …

Business Insider: "Lisboa foi feita para o Instagram"

"Lisboa é cool." Hillary Hoffower, jornalista do Business Insider, apaixonou-se e descreveu a capital portuguesa num artigo em que diz entender porque é que Lisboa se tornou no "destino mais popular entre millenials em 2019". Hillary …

Bolsonaro prestes a deixar PSL. Partido da IURD na corrida para o receber

Em rota de colisão com o seu atual partido, o Partido Social Liberal (PSL), o Presidente brasileiro Jair Bolsonaro equaciona romper e já recebeu cinco convites de partidos de pequeno e médio porte, admitiu a …

Antigo ministro Pedro Mota Soares assume liderança da Apritel

O ex-ministro e ex-deputado do CDS foi o escolhido para liderar a Apritel, a associação que representa as principais operadoras de telecomunicações, como a Meo, a Nos e a Vodafone. O novo secretário-geral da associação …

E depois de Cristas? CDS atira congresso de sucessão para 2020

A direção nacional do partido vai propor que o Congresso, que decidirá a liderança do CDS, seja apenas em janeiro, apesar de Assunção Cristas ter manifestado vontade de que fosse ainda este ano. O CDS-PP reúne …

Hong Kong. Deputados pró-democracia forçam Carrie Lam a discursar à porta fechada

A chefe do Executivo de Hong Kong foi esta quarta-feira obrigada a discursar à porta fechada, depois ter sido impedida de falar no parlamento por deputados pró-democracia, que exibiram cartazes e projetaram um vídeo. O discurso …

CP recebeu injeções de 1800 milhões de euros do Estado nos últimos três anos

Nos últimos três anos, o Estado fez 17 operações de reforço de capital na CP, na ordem dos 1,8 mil milhões de euros. Estes serviram principalmente para pagar dívidas da empresa a privados e ao …

Imposto Mortágua foi aplicado a 75 mil contribuintes

O novo escalão do Adicional ao IMI, que prevê a aplicação de uma taxa de 1,5% sobre o valor patrimonial dos imóveis que ultrapasse os dois milhões, chegou a 331 contribuintes. Ao todo, o imposto …

Preço da luz vai descer 18 cêntimos no mercado regulado

Os preços da eletricidade no mercado regulado vão voltar a descer em 2020, segundo a proposta avançada esta terça-feira pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE). Esta terça-feira, a ERSE propôs uma atualização em baixa de …

Portugal teve perdas fiscais de 900 milhões de euros por menor tributação do gasóleo

A tributação ao gasóleo é mais baixa do que os impostos à gasolina. A diferença entre os dois combustíveis leva a perdas de 900 milhões de euros ao Estado. Quem abastece um carro a gasóleo na …