Comissão Permanente discute seca na próxima semana. Prioridade é Ucrânia

Mário Cruz / Lusa

A Assembleia da República vai reunir a Comissão Permanente durante o atual processo eleitoral na emigração. Os líderes parlamentares reuniram-se esta manhã para afinar a agenda.

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros, vai ser ouvido na Comissão Permanente na quinta-feira. Em foco estará a situação entre a Ucrânia e a Rússia, confirmou esta quarta-feira a conferência de líderes à Lusa.

Para a próxima semana, na quarta ou na quinta-feira, a Comissão Permanente vai voltar a reunir para discutir a temática da seca, a pedido do PCP, com a presença do Governo.

Segundo Duarte Pacheco, deputado do PSD, ambas as questões foram consideradas “graves e urgentes” e por isso devem ser realizadas as duas reuniões.

Para hoje estava prevista uma reunião da Comissão Permanente apenas para a votação de pareceres de levantamento de imunidade dos deputados. A “agenda diminuta” foi decidida na sexta-feira quando o PS e Eduardo Ferro Rodrigues defenderam que o Parlamento dissolvido não deveria discutir quaisquer assuntos políticos até à investidura da nova composição.

No entanto, explica o jornal Público, perante a escalada do conflito entre a Rússia e a Ucrânia e o anúncio de sanções da comunidade internacional terá sido o próprio ministro Augusto Santos Silva a ter a iniciativa de se dirigir ao Parlamento.

A Comissão Permanente é o órgão que substitui o plenário fora do período de funcionamento efetivo da Assembleia da República.

  ZAP // Lusa

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.