Cidades europeias terão mais secas, inundações e ondas de calor

holgerrings / Flickr

Um estudo concluiu que em todas as cidades europeias haverá um aumento das condições de seca, particularmente na região sul, de inundações, sobretudo no noroeste, e agravamento das ondas de calor.

Selma Guerreiro, especialista em hidrologia e alterações climáticas, faz parte de uma equipa de investigadores da universidade de Newcastle que analisou pela primeira vez mudanças no impacto de cheias, secas e ondas de calor em todas as cidades europeias utilizando modelos climáticos.

A capital portuguesa está no top das capitais com um aumento da frequência e magnitude de episódios de seca. Para Braga e Barcelos é estimado um acréscimo de mais de 80% no pico dos fluxos dos rios.

De acordo com o estudo, publicado recentemente na Environmental Research Letters, o impacto de cheias, secas e ondas de calor excederá no período 2050-2100 as previsões anteriores, refere a universidade britânica em comunicado divulgado no site.

Através de projeções de todos os modelos climáticos disponíveis, associadas a um aumento global da temperatura entre 2,6ºC e 4,8ºC (decorrente de altas emissões de gases com efeito de estufa), os cientistas foram capazes de estabelecer três cenários de impacto – baixo, médio e alto.

No entanto, mesmo no cenário mais otimista, o baixo impacto, todas as cidades europeias terão um aumento do número de dias de onda de calor e do valor da temperatura máxima. No período 2051-2100, cidades espanholas como Málaga e Almería terão mais do dobro dos episódios de seca registados em 1951-2000.

No cenário mais pessimista, 98% das cidades europeias terão situações de seca mais graves e cidades da região sul poderão sofrer secas 14 vezes piores.

Face aos resultados preocupantes obtidos na investigação, os cientistas realçam a necessidade urgente de projetar e adaptar as cidades europeias para as condições meteorológicas que se podem vir a verificar no futuro.

O sul da Europa terá, segundo consta no estudo, o maior aumento no número de dias de ondas de calor, enquanto as cidades da Europa central a maior subida de valores da temperatura máxima, entre 2ºC e 7ºC, para o cenário mais otimista, e entre 8ºC e 14ºC, para o cenário mais pessimista.

Ainda assim, num cenário menos pessimista, as condições de seca só se intensificam em cidades do sul da Europa, ao passo que as cheias só pioram na região noroeste.

Lisboa e Madrid figuram na lista das principais capitais europeias com um aumento estimado da frequência e magnitude dos episódios de seca, enquanto Atenas, Nicósia, Valetta e Sofia poderão ter os piores aumentos de ondas de calor e seca.

No cenário mais grave, em diversas cidades, incluindo Braga e Barcelos, haverá um aumento de mais de 80% no pico do fluxo dos rios.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Polícia Judiciária ajudou a evitar dois ataques em França

As informações partilhadas pela Polícia Judiciária (PJ) com a Europol foram cruciais para alcançar a detenção do jihadista marroquino que viveu em Portugal. Hicham El-Hanafi foi condenado a 30 anos de prisão em França, na semana …

Duque de Edimburgo foi transferido para outro hospital

O Palácio de Buckingham anunciou esta segunda-feira que o príncipe Filipe, marido da rainha do Reino Unido, Isabel II, foi transferido para outro hospital de Londres para continuar o tratamento de uma infeção. O Palácio disse …

Presidência da UE. Governo trabalha para encontro com Biden durante "semestre português"

A presidência portuguesa do Conselho da União Europeia quer um encontro com o Presidente Joe Biden ainda durante o primeiro semestre. A presidência portuguesa do Conselho da União Europeia (UE) está a trabalhar na realização de …

Vacina da Pfizer. Intervalo entre doses aumenta para 28 dias (e lista de prioritários vai incluir pessoas com trissomia-21)

O intervalo entre a toma das duas doses da vacina da Pfizer/BioNtech contra a covid-19 foi alargado de 21 para 28 dias, anunciou esta segunda-feira o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, António Lacerda …

Caso do avião com cocaína. PJ vai vigiar Aérodromo de Tires 24 horas por dia

A Polícia Judiciária (PJ) vai vigiar as movimentações de aeronaves e passageiros que chegam e saem do Aeródromo de Tires 24 horas por dia. A informação foi adiantada pelo Correio da Manhã, que falou com …

Facebook paga 650 milhões para encerrar litígio sobre vida privada nos EUA

O juiz federal norte-americano James Donato aprovou a indemnização de 650 milhões de dólares (540 milhões de euros) a 1,6 milhões de utilizadores do estado norte-americano do Illinois por parte do Facebook. Este acordo, assinado na …

"Retoma da normalidade". Bruxelas propõe este mês livre-trânsito digital para vacinados e recuperados

A Comissão Europeia vai apresentar este mês uma proposta legislativa para criar um livre-trânsito digital que permita retomar as viagens em altura de pandemia de covid-19, comprovando a vacinação ou a recuperação dos cidadãos. A informação …

Noiva de Khashoggi pede "punição imediata" de Mohammed bin Salman

As declarações da noiva de Jamal Khashoggi surgem depois de as autoridades norte-americanas terem publicado um relatório em que Mohammed bin Salman é acusado de ter ordenado o assassínio do jornalista. Joe Biden está a ser …

Covax permite que países mais pobres comecem a receber a vacina (mas só garante 20% da vacinação)

A Covax visa fornecer vacinas contra a covid-19 a 20% da população de 200 países e territórios que estão incluídos no sistema através de um sistema de financiamento que permite a 92 economias de baixo …

Reino Unido vacinou 20 milhões com 1.ª dose. País deteta casos de variante de Manaus

O ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, anunciou no domingo que mais de 20 milhões de pessoas no Reino Unido já receberam a primeira dose da vacina contra covid-19. "Estou absolutamente encantado por informar que mais …