China vai encerrar empresas norte-coreanas no país

United Nations / Flickr

O presidente da China, Xi Jinping

A China anunciou esta quinta-feira o encerramento das empresas norte-coreanas com presença neste país, e das empresas mistas (com capital chinês e norte-coreano) num prazo de 120 dias, na sequência da última ronda de sanções impostas pelo Conselho de Segurança da ONU.

O Ministério de Comércio anunciou a decisão, cujo objectivo é pressionar Pyongyang a cancelar os seus programas de armas nucleares e mísseis, através de um comunicado no seu site. A nota do ministério chinês acrescenta que as empresas sem grande lucros ficam isentas desta medida, tal como os projectos de infraestruturas.

Além das companhias em solo chinês, também serão encerradas as empresas com capital chinês e norte-coreano estabelecidas no estrangeiro, precisou o comunicado ministerial.

As autoridades chinesas justificaram esta decisão de acordo com a resolução Nº 2375das Nações Unidas, adoptada por unanimidade pelo Conselho de Segurança da ONU a 12 de setembro.

No âmbito desta resolução, a China tinha já anunciado há uma semana a restrição do fornecimento de petróleo ao país vizinho, bem como a proibição geral das importações de têxteis norte-coreanos, com o objectivo de pressionar o regime de Kim Jong-un.

A República Popular da China é o principal parceiro comercial da Coreia do Norte e, tradicionalmente, seu principal aliado político, mas nos últimos meses o país aceitou a aprovação de duras sanções contra Pyongyang por parte do Conselho de Segurança.

Desde Pequim, as autoridades continuam a falar da necessidade de prosseguir com o diálogo para baixar as tensões na região e insistem que o uso da força militar não deve ser uma opção.

Os Estados Unidos e outros protagonistas da comunidade internacional continuam a pedir à China que aumente a sua pressão sobre o regime de Pyongyang, tanto diplomática como económica.

// EFE

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. uma salva de palmas para o governo Chinês. Afinal de contas também de salvaguardar as suas relações comerciais e evitar um embargo por incumprimento. Teria muito a perder.

    • tudo conversa de papel. vai continuar tudo na mesma. a sabedoria milenar dos chineses passa por um principio muito antigo: honesto pela frente e corrupto por trás, mas tudo na base do silencio.
      isto é tudo conversa para adormecer bebés

RESPONDER

Demissão em bloco dos chefes de equipa de urgência do hospital D. Estefânia

Os chefes de equipa de urgência do hospital D. Estefânia, em Lisboa, consideram que houve "quebra do compromisso" feito pela instituição de contratar mais médicos. O anúncio, feito esta quarta-feira, refere que os médicos consideram que …

Lidl aumenta salário mínimo para 670 euros

O Lidl decidiu aumentar “para 670 euros o valor do ordenado de entrada” no primeiro ano na empresa, acima do salário mínimo nacional, que é de 600 euros. O Lidl Portugal anunciou esta terça-feira que …

Sindicato dos estivadores prolonga greve até 2019

O Sindicato Nacional dos Estivadores e Atividade Logística (SEAL) vai avançar com o pré-aviso para que a greve às horas extraordinárias dos estivadores do Porto de Setúbal continue em 2019 por tempo indeterminado. A greve às …

Time elege Khashoggi e outros jornalistas "guardiões da verdade" como personalidades do ano

O jornalista saudita Jamal Khashoggi, assassinado a 2 de outubro deste ano no consulado da Arábia Saudita em Istambul, é uma das personalidades do ano eleitas pela revista norte-americana Time. O colunista do Washington Post, voz …

Função Pública: Nova modalidade pré-reforma propõe 25% a 100% do salário-base

O Governo quer avançar com uma nova modalidade de pré-reforma na Função Pública, permitindo assim que os funcionários com 55 anos ou mais possam deixar de trabalhar, mantendo parte do salário. O Governo quer avançar com …

Trump ameaça paralisar Governo caso não consiga fundos para o muro. Norte-americanos preferem que desista

O Presidente norte-americano, Donald Trump, ameaçou nesta terça-feira paralisar o próprio Governo caso não consiga fundos suficiente para a construção do muro na fronteira com o México, iniciativa contestada pelos democratas.  “Se não conseguir o que …

"Coletes Amarelos" chegam a Portugal a 21 de dezembro e querem parar o país

O evento, marcado para o dia 21 de dezembro e inspirado nos "Coletes Amarelos" franceses, ganha cada vez mais dimensão nas redes sociais: mais de 13 mil pessoas confirmaram presença. Depois de França, é a vez …

Ministério Público abre inquérito às incongruências no currículo de candidata à JS

O Ministério Público de Lisboa abriu um inquérito ao casos dos erros e incongruências no currículo de Maria Begonha, candidata à liderança da Juventude Socialista. O Ministério Público abriu um inquérito ao caso dos erros e …

"Agora, só falo de anos aos 100". Ninguém sabe como Marcelo vai celebrar os 70

Marcelo Rebelo de Sousa cumpre hoje 70 anos de vida e, como não é nada habitual, não tem agenda oficial, deixando de lado os compromissos como Presidente da República, e até recusou dar entrevistas, afastando-se …

Atentado em Estrasburgo faz três mortos. Atirador ainda em fuga

A França está em estado de "Alerta Atentado", depois do tiroteio em Estrasburgo. O atirador que matou 3 pessoas estava sinalizado por radicalização e continua em fuga. O movimento "Coletes Amarelos" lança no ar uma …