China desloca bombardeiros nucleares para ilhas disputadas

Bombardeiro nuclear H-6K da Força Aérea da China, acompanhado de dois caças SU-32

O jornal estatal China Daily informou na noite de sexta-feira que vários bombardeiros realizaram exercícios de descolagem e aterragem num aeródromo construído nas Ilhas Paracel, no Mar da China Meridional, que são alvo de disputa entre vários países da região.

Entre as aeronaves estão o modelo H-6K, capaz de lançar ataques nucleares de longo alcance. Segundo o jornal, esta é a primeira vez que tal força é deslocada para a região.

Um comunicado do Ministério da Defesa não especificou em que ilha exatamente ocorreu o exercício e limitou-se a apontar que ocorreu numa “área marítima do sul“.



O ministério também disse que vários H-6Ks realizaram ataques simulados contra alvos marítimos durante o exercício.

Wang Mingliang, um especialista militar, foi citado no comunicado dizendo que o exercício no Mar da China Meridional ajudará a força aérea chinesa a “fortalecer a sua capacidade de combate para lidar com ameaças à segurança marítima“.

A Iniciativa de Transparência Marítima da Ásia, sediada em Washington, nos EUA, identificou o local do exercício como a Ilha Woody Island, onde fica a maior base da China nas Ilhas Paracel.

“Acredito que esta é a primeira vez que um bombardeiro pousou no Mar Meridional da China”, disse Bonneih Glaser, especialista em China do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais, um think tank também baseado em Washington.

“Agressão” marítima da China

As tensões no centro do Mar da China Meridional têm aumentado desde que Pequim passou a alegar que praticamente todo o mar faz parte das suas águas territoriais. A reinvindicação é vigorosamente contestada pelo Vietname, Filipinas, Malásia, Taiwan e Brunei, que disputam com a China a posse de várias ilhas na região.

O Mar do Sul da China, ou Mar da China Meridional, é alvo de disputas há anos entre diversos países da região: China, Taiwan, Malásia, Indonésia, Brunei, Vietname e Filipinas. Estima-se que a enorme área, que inclui mar e ilhas, seja rica em petróleo e gás.

(dr) Lindsey Burrows / Civilsdaily

Localização dos territórios em disputa no Mar da China Meridional

É um mar marginal, parte do oceano Pacífico, que compreende a área que vai desde Singapura até ao estreito de Taiwan, num total de cerca de 3 500 000 km². As ilhas do Mar da China Meridional formam um arquipélago de centenas de minúsculas ilhotas.

As Filipinas costumavam ser o país mais crítico em relação às reivindicações territoriais chinesas, mas o presidente filipino Rodrigo Duterte reverteu a política, deixando o Vietname assumir o papel de principal crítico.

O ano passado, Duterte, garantiu que o seu país foi ameaçado com uma guerra pela China, caso tivesse iniciado a extração de petróleo na região marinha que separa os dois países.

Os EUA acusaram a China de militarizar a região e alterar a geografia de ilhas para fortalecer as suas reivindicações. Washington também acredita que a China usará as ilhas e a sua presença militar para controlar o acesso a rotas marítimas estratégicas.

Nas Ilhas Paracel, um novo heliponto, turbinas eólicas e grandes torres de radar foram construídos pelos chineses. Analistas apontam que as torres de radar na Ilha de Triton poderiam ser usadas nas disputas da China com o Vietname e com os EUA sobre a liberdade de operações de navegação.

No começo do mês, o primeiro porta-aviões da China deixou as docas no porto de Dalian, no nordeste do país, para iniciar testes no mar dos seus sistemas de propulsão  e navegação.

Os testes representam um marco no projeto de Pequim para modernizar a sua marinha, ao mesmo tempo que o país tem aumentado a sua presença no disputado Mar Meridional da China e ao redor de Taiwan.

PARTILHAR

RESPONDER

Tal como nos humanos, a cafeína ajuda as abelhas a aumentar o foco e a eficácia

Um novo estudo indica que, tal como em muitos humanos, uma injeção de cafeína ajuda as abelhas a manterem-se mais concentradas e a realizarem o trabalho com mais eficiência. Uma equipa da Universidade de Greenwich percebeu …

Astrónomos detetam, claramente e pela primeira vez, um disco a formar satélites em torno de exoplaneta

Com o auxílio do ALMA, do qual o ESO é um parceiro, os astrónomos detetaram pela primeira vez de forma clara a presença de um disco em torno de um planeta fora do nosso Sistema …

E se a Terra parasse subitamente de girar?

O nosso planeta demora 23 horas e 56 minutos a completar uma volta em torno do seu eixo, movendo-se a cerca de 1.770 quilómetros por hora. Aprendemos estes pormenores sobre o planeta azul na escola, …

Sporting 2 - 1 Braga | Leão entra em 2021/22 a rugir

O Sporting parece querer manter a senda de sucesso da época passada e entrou em 2021/22 com o pé direito. Os “leões” bateram o Sporting de Braga por 2-1, num jogo que valeu, sobretudo, pela primeira …

Ensinar crianças a dizer palavrões? Uma cientista acha que é boa ideia

A auto-intitulada "cientista dos palavrões" acredita que ensinar as crianças a usá-los de forma eficiente ajuda os mais novos a perceber como este palavreado afecta outras pessoas. Já se sabia que dizer palavrões é um sinal …

Fósseis misteriosos podem ser uma das provas mais antigas de vida animal na Terra

Elizabeth Turner, cientista numa universidade do Canadá, poderá ter encontrado a prova mais antiga de vida animal na Terra. Uma cientista encontrou possíveis sinais de vida animal multicelular em restos de recifes microbianos de há 890 …

E se o mundo entrasse em colapso? Cientistas descobrem qual o país onde há maior probabilidade de sobreviver

Caso a civilização entre em colapso - uma possível consequência das alterações climáticas - os cientistas já descobriram qual o lugar do mundo onde há maior probabilidade de sobreviver: é na Nova Zelândia. Numa pesquisa, dois …

"Dança quem está na roda", responde Marcelo sobre ausência de Bolsonaro

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse este sábado que "dança quem está na roda" quando questionado pelos jornalistas sobre a ausência do homólogo brasileiro, Jair Bolsonaro, da cerimónia de reinauguração do Museu …

Todos os anos, esta cidade italiana entrega sal ao Papa em mãos

O Sal de Cervia, também conhecido como "sal do Papa", é-lhe entregue todos os anos em mãos. A tradição sofreu algumas interrupções até ter sido recuperada pelo Bispo Mario Marini, que serviu no Pontificado de …

A colisão secreta entre navios soviéticos e britânicos podia ter tido um desfecho drástico

Colisão aconteceu durante um dos períodos mais quentes da Guerra Fria e foi camuflado pela marinha britânica, que tratou de fazer regressar a sua embarcação à base de Devonport durante a noite para evitar dar …