Chega diz que não é racista e que atual Governo é “uma extrema-esquerda”

André Ventura fala numa “extrema-esquerda que não cabe na cabeça de ninguém” e garante que o seu partido vai eleger deputados. Ventura diz ainda que, no futuro, vai “engolir o CDS”.

O líder do Chega garantiu na noite de quinta-feira que o partido não é racista e não tem “nada contra ninguém”, deixando várias críticas ao atual Governo, considerando-o “uma extrema-esquerda que não cabe na cabeça de ninguém”.

Nós não somos racistas, porque não temos nada contra ninguém, não temos nada contra raças ou etnias. Nós queremos é que todos cumpram as mesmas leis que todos temos de cumprir e todas as regras”, realçou André Ventura.

O presidente do Chega discursava numa festa-comício no Mercado da Vila, em Cascais, no distrito de Lisboa, perante várias dezenas de pessoas.

“O único país que estava imune pode agora cair nas garras de extrema-direita”, ironizou André Ventura, acrescentando que “quando a esquerda venceu em Portugal, uma extrema-esquerda que não cabe na cabeça de ninguém, a Europa se importou em ter uma esquerda miserável no Governo”.

Para o líder do Chega, o partido criado há cerca de cinco meses vai eleger deputados à Assembleia da República.

“Tivemos hoje uma nova sondagem da Pitagórica que nos mantém como um dos partidos novos com mais votos e com maior possibilidade de eleger [deputado] para o parlamento. Não é sondagem que nos move, as sondagens só no mostram a força que nós temos. Vamos ter mais do que aquilo que dizem, porque o nosso voto está enraizado”, frisou.

No palco montado no parque de estacionamento do mercado, André Ventura voltou a atacar Assunção Cristas, dizendo que a líder do CDS-PP tem feito uma campanha contra o Chega.

“Pensava que os partidos trabalhavam para apresentar programas ao país, para apresentar propostas, para melhorar a vida das pessoas, mas aparentemente o CDS trabalha para que o Chega não eleja deputados”, acusou.

Revelando confiança, o líder do Chega disse ainda que o partido “vai fazer a diferença na próxima legislatura”, caso eleja deputados, e, se acontecer, irá “engolir” o CDS-PP e o PSD.

“Quero prometer isto aqui. Em quatro anos, se entrarmos na Assembleia da República, vamos engolir o CDS, e em oito anos vamos engolir o PSD. Vamos ser o maior partido de Portugal”, concluiu.

Antes do discurso de André Ventura, foi lida uma carta de apoio do presidente do partido populista espanhol Vox, Santiago Abascal.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Parlamento aprova alargamento de apoios a todos os sócios-gerentes afetados pela pandemia

O parlamento aprovou hoje, em votação final global, um texto final que alarga os apoios no âmbito do `layoff´ aos sócios-gerentes das micro e pequenas empresas afetadas pela pandemia covid-19, independentemente do volume de faturação. Com …

Pandemia de covid-19 alimenta corrupção na América Latina

A propagação da Covid-19 na América Latina está a alimentar a corrupção nos vários países que a integram, que vai desde a inflação dos preços a situações de aproveitamento económico e de ligações entre políticos …

Mais de 500 católicos portugueses contra proibição de comunhão na boca

Mais de 500 católicos portugueses, entre leigos e sacerdotes, apelaram à Conferência Episcopal Portuguesa para revogar a proibição de os fiéis receberem a comunhão na boca, por causa da pandemia de covid-19, informou na quarta-feira …

Adeptos recusam devolução dos bilhetes. Bayern distribui dinheiro por clubes amadores

Os adeptos do Bayern renunciaram ao direito de serem reembolsados pelos bilhetes comprados para os jogos até ao final da temporada. O clube decidiu distribuir o dinheiro pelos emblemas amadores da região da Baviera. Tal como …

Trabalhadores acusam TAP de pagar abaixo do salário mínimo a tripulantes em lay-off

O Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) acusou hoje a TAP de não estar a pagar o previsto na lei do ‘lay-off’, indicando vários casos em que a remuneração é inferior …

Tesla baixa preço de quase todos os modelos nos Estados Unidos

A empresa de carros elétricos Tesla baixou o preço dos Modelos 3, S e X no mercado norte-americano, visando estimular as vendas que estão em declínio durante a pandemia, avança a agência Reuters. O semanário …

Assessor de Boris cometeu infração ao confinamento, conclui polícia

A polícia britânica concluiu que Dominic Cummings, assessor do primeiro-ministro, Boris Johnson, cometeu uma violação "menor" das regras de confinamento introduzidas para combater o novo coronavírus, mas não pretende abrir um processo. Cummings admitiu ter conduzido …

Infarmed suspende hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19

O Infarmed suspendeu o uso de hidroxicloroquina no tratamento de pacientes com covid-19. Para além da OMS, outros países já tomaram a mesma decisão que Portugal. A decisão vem no mesmo sentido da Organização Mundial de …

PCP mantém festa do Avante! e pede calma às "almas mais inquietas"

O secretário-geral do PCP admitiu hoje que “não seria um drama”, devido à pandemia de covid-19, cancelar a festa do Avante, e garantiu que não é por dinheiro que os comunistas estão empenhados em realizá-la …

Futebol inglês aponta regresso para dia 17 de junho

A Liga inglesa de futebol, suspensa desde 13 de março devido à pandemia da covid-19, vai regressar em 17 de junho, com a realização de dois encontros em atraso, de acordo com BBC e Sky …