Chef italiano perdeu quase 50 quilos a comer pizza todos os dias

O chef italiano ficou maravilhado com os doces e fritos norte-americanos, chegando a pesar 170 quilos. Trocou estes alimentos venenosos por pizza caseira e a dieta tem resultado.

Italiano que se preze segue uma dieta mediterrânica e Pasquale Cozzolino não era exceção.

O chef italiano cozinhava com ingredientes frescos e optava por uma alimentação equilibrada, algo que mudou radicalmente quando chegou aos Estados Unidos.

O italiano trocou o país europeu pela ‘terra do fast-food’, lugar onde descobriu coisas tão simples como bolachas Oreo.

“Descobri as Oreo, algo que nunca tinha visto em Itália. Foi como um vício”, afirma Cozzolino ao americano ABC News.

Além das bolachas, o chef converteu-se a um admirável mundo novo de calorias, incluindo fritos e refrigerantes.

Os resultados foram óbvios: em quatro anos a viver nos Estados Unidos, o chef ficou com praticamente 170 quilos e começou a deixar de fazer coisas tão simples como brincar com o filho.

Confrontado com os avisos do seu médico de um possível ataque cardíaco, Cozzolino decidiu que estava na altura de mudar os seus hábitos alimentares.

Agarrou-se ao que melhor conhece e decidiu fazer uma alimentação mais saudável que lhe permitisse não tirar todo o prazer de comer.

Parece quase impossível mas o chef come, todos os dias ao almoço, aquele que é um dos pratos mais tradicionais italianos: a pizza.

-

A partir de uma versão antiga da pizza Margherita, Cozzolino faz a sua própria massa, que leva apenas quatro ingredientes (farinha, água, fermento e uma pitada de sal). Junta-lhe molho de tomate, manjericão e mozzarella fresca e está pronta a comer.

“Esta é uma receita antiga, com 300 anos de existência”, fala o chef da pizza que tem menos de 600 calorias.

“Mistura-se tudo e deixa-se levedar durante 36 horas para que o gluten não seja tão pesado. (…) É mais fácil de digerir”.

Nas outras refeições, o chef passou a comer alimentos mais saudáveis como, por exemplo, ao jantar no qual opta por uma salada, acompanhada de uma proteína e um copo de vinho.

Cozzolino diz ter perdido cerca de 45 quilos em apenas sete meses e assegura que a ‘junk food’ está mais do que enterrada.

ZAP

PARTILHAR

RESPONDER

Governo do Brasil aponta início da vacinação entre janeiro e fevereiro

O ministro da Saúde do Brasil, Eduardo Pazuello, disse que o país vai começar a receber 15 milhões de doses de vacinas para a covid-19 entre janeiro e fevereiro de 2021, com mais cem milhões …

Solução para Novo Banco pode não passar por um OE retificativo, diz João Leão

O ministro de Estado e das Finanças, João Leão, disse que a alternativa à anulação da transferência de 476 milhões de euros para o Novo Banco não tem "necessariamente que passar" por um orçamento retificativo …

Plano de vacinação arranca em janeiro com três fases. 950 mil pessoas no primeiro grupo prioritário

Pessoas com mais de 50 anos com uma patologia frequente nos casos graves de covid-19, residentes e/ou internados em lares e profissionais de saúde integram o primeiro grupo prioritário para a administração da vacina de …

Segunda vaga de moratórias autorizada pela Autoridade Bancária Europeia

A Autoridade Bancária Europeia (EBA) autorizou a reabertura de moratórias de crédito, com efeitos a partir de 01 de outubro até 31 de março de 2021, dois meses após ter suspendido novas adesões. Num comunicado publicado …

Turquia alvo de críticas duras em reunião da NATO e em risco de sanções

A Turquia esteve esta quarta-feira sob um fogo de críticas na reunião virtual dos Ministros dos Negócios Estrangeiros (MNE) da NATO e, com a deceção manifestada pelos Estados Unidos, deve preparar-se para sanções económicas americanas …

O que Neymar mais quer é voltar a jogar com Messi. Só se vier a custo zero, diz o Barça

O internacional brasileiro Neymar, que alinha pelo PSG, confessou esta quarta-feira que o mais deseja é voltar a jogar com o astro argentino Lionel Messi, com quem partilhou balneário entre 2013 e 2017 no Barcelona. …

Ministro da Administração Interna e procuradora-geral da República vão ser ouvidos no Parlamento

Eduardo Cabrita será ouvido sobre o caso do cidadão ucraniano assassinado nas instalações do SEF e Lucília Gago sobre a "recente diretiva sobre os poderes hierárquicos" na magistratura do Ministério Público. A comissão de Assuntos Constitucionais …

Portugal regista mais 79 mortos e 3.772 novos casos de covid-19

Portugal contabiliza esta quinta-feira mais 79 mortos relacionados com o novo coronavírus, que provoca a covid-19, e 3.772 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da …

França investiga 76 mesquitas por suspeita de radicalização islâmica

A França vai investigar nos próximos dias 76 mesquitas por suspeitas de radicalização islâmica, anunciou esta quarta-feira o ministro do Interior do país, Gerald Darmanin. Trata-se de 16 templos na região de Paris e 60 no …

Medidas estão a dar resultados. Novas regras apresentadas sábado vão vigorar até 7 de janeiro

O primeiro-ministro afirmou que as medidas adotadas estão a produzir resultados, havendo uma trajetória descendente de novos casos de covid-19, mas advertiu que janeiro é mês de risco e as restrições não podem ser aliviadas. Esta …