Cavaco elogia o país real e verdadeiro na sua última mensagem de Ano Novo

presidencia.pt

O Presidente da República, Cavaco SIlva, na sua última mensagem de Ano Novo

O Presidente da República, Cavaco SIlva, na sua última mensagem de Ano Novo

O Presidente da República elogiou esta sexta-feira “o país real” que disse ter conhecido de perto nos últimos dez anos, mas que considerou ser desconhecido por muitos políticos e subvalorizado, e declarou-se confiante na “ambição patriótica” dos portugueses.

Na sua última mensagem de Ano Novo como Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva falou dos roteiros que fez pelo país nos seus dois mandatos, disse ter encontrado uma sociedade civil portuguesa dinâmica em tempos difíceis e deixou o seu “mais profundo agradecimento” aos “portugueses que hoje estão a construir Portugal”, na ciência, nas empresas e nas artes.

“Este não é um país imaginário. Este é o Portugal do presente, que encontramos bem vivo de Norte a Sul, no litoral e no interior, nas regiões insulares, nas comunidades da diáspora”, disse Cavaco Silva.

Este é o país real, o país verdadeiro, que muitos agentes políticos desconhecem, que a comunicação social tantas vezes ignora e que conheci de perto durante os meus mandatos”, continuou.

“Os portugueses que estão a fazer Portugal nem sempre são reconhecidos ou valorizados como merecem”, acrescentou.

Segundo o Presidente da República, todos os portugueses com que contactou estão unidos por um “profundo amor a Portugal”, por uma “ambição patriótica” que permitirá construir “um país melhor, solidário e com mais justiça social”, precisando para isso da colaboração do Estado.

“Os portugueses que estão a fazer Portugal não exigem o impossível nem pedem muito ao seu país. Pedem apenas que o Estado crie condições para que possam desenvolver o seu trabalho e, depois, que os poderes públicos não estabeleçam entraves à sua atividade, desde a criação de emprego e riqueza até à defesa do património e do ambiente, passando pela inovação social e tecnológica”, defendeu.

A dois meses do fim do mandato, Cavaco Silva aproveitou esta mensagem de Ano Novo para falar dos seus dez anos como Presidente da República.

O chefe de Estado recordou que o seu primeiro roteiro, em 2006, foi dedicado à inclusão social, referiu que procurou “acima de tudo, valorizar os bons exemplos” e que percorreu “o país inteiro”, esteve “com as comunidades da diáspora” e contactou com “milhares de portugueses”.

“São esses portugueses – todos vós, todos os portugueses – o nosso grande motivo de esperança num tempo de incerteza”, acrescentou.

“Jovens cientistas e investigadores de excelência, empreendedores económicos, sociais e culturais, dirigentes associativos, instituições de solidariedade e voluntários, artistas e criativos talentosos, é este imenso Portugal que se afirma no presente e se projeta no futuro de uma forma extraordinária”, reforçou.

Bom Dia

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Domingo invulgar: 17 grandes jogos para ver, em poucas horas

A ementa começa em França, ao meio-dia, e acaba no Chile, já depois das oito da noite. Não estamos perto do Carnaval mas vem aí um "domingo gordo" no futebol. Vários jogos grandes, uns mais mediáticos …

Sporting 1-0 Moreirense | Capitão Coates embala leão

O Sporting igualou hoje o FC Porto na liderança provisória da I Liga portuguesa de futebol, ao vencer em casa o Moreirense, por 1-0, em jogo da nona jornada. O capitão Sebastián Coates marcou, aos …

Relatório médico indica que jovem chinês morreu após beber uma garrafa de Coca-Cola em dez minutos

Um homem chinês morreu depois de beber uma garrafa de 1,5 litros de Coca-Cola em dez minutos, informaram os médicos num relatório. O jovem de 22 anos, que não tinha doenças subjacentes, dirigiu às urgências do …

Universidade no Reino Unido tem arquivo de "casas assombradas"

A Universidade de Sheffield, no Reino Unido, tem um arquivo aberto ao público com quase 80 mil fotografias de "casas assombradas" de várias feiras populares. Para muitos, o medo é parte integrante da experiência de uma …

J&J acusada de usar manobra para impedir processos judiciais relativos à venda de pó de talco com propriedades cancerígenas

A Johnson & Johnson está a ser criticada por usar uma manobra para impedir cerca de 38 mil processos judiciais que alegam que o famoso baby powder da marca causa cancro. De acordo com a NPR, …

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …

Chamam-lhe "Lady Trump". A candidata a governadora do Nevada que está a gerar polémica

Conhecida como "Lady Trump", Michele Fiore anunciou a sua candidatura a governadora do estado do Nevada em estilo, gerando polémica nos Estados Unidos. Michele Fiore, vereadora de Las Vegas, anunciou esta terça-feira a sua candidatura a …

Benfica abre inquérito a envolvimento de colaboradores em negócio de ações da SAD

O Benfica abriu um inquérito interno para averiguar o possível envolvimento de dois colaboradores num eventual negócio de transação de ações da SAD ‘encarnada’, informou hoje o clube, em comunicado. “Tendo em conta as recentes notícias …

Um hipopótamo na água

Tribunal norte-americano reconhece hipopótamos de Pablo Escobar como pessoas jurídicas

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do legado deixado na Colômbia por Pablo Escobar, recebeu o estatuto de "pessoas jurídicas". Um tribunal federal dos Estados Unidos defendeu que os descendentes dos hipopótamos do barão da …

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalaria da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …