Casas impressas em 3D vão formar uma comunidade sustentável na Califórnia

A empresa Mighty Buildings está a criar uma nova comunidade habitacional na Califórnia, Estados Unidos, adotando uma abordagem pré-fabricada em que os painéis são impressos em 3D e enviados como kits para uma construção mais eficiente.

Com a ajuda da empresa Palari, a Mighty Buildings está a construir uma comunidade impressa em 3D, num terreno com dois hectares em Rancho Mirage, na Califórnia. O empreendimento de 15 milhões de dólares consistirá em 15 casas, que serão cobertas por painéis solares para formar uma comunidade de energia líquida zero.

De acordo com o NewAtlas, estas casas possuem três quartos, duas casas de banho, quintais e piscinas.

Os painéis solares podem ser complementados com baterias Tesla Powerwall opcionais e portas de carregamento de veículos elétricos. Além disso, há outros extras disponíveis, como banheiras de hidromassagem, fogueiras e chuveiros ao ar livre.

Algumas casas também têm configurações com uma residência secundária mais pequena na propriedade, adicionando mais dois quartos e uma casa de banho.

Várias comunidades em todo o mundo já foram construídas com impressão 3D, oferecendo soluções de habitação de baixo custo a pessoas na América Latina e no Texas.

Estas casas podem ser feitas de forma barata e eficiente, sendo que as impressoras 3D são usadas para extrudir uma argamassa de um bico, construindo as estruturas básicas da casa camada a camada. Os humanos apenas adicionam os retoques finais, como é o caso das janelas e portas.

Em vez disso, o Mighty Buildings imprime as peças em 3D para as suas casas nas suas instalações em Oakland. Segundo a empresa, estes painéis pré-fabricados, que combinam estruturas de aço com materiais de isolamento, barreiras de ar, humidade e fogo e acabamentos internos e externos, substituem até oito camadas de materiais de construção convencionais e eliminam 99% dos resíduos típicos.

Em seguida, são enviados como kits e montados no local, onde reduzem as horas de trabalho em 95%.

“Esta será a primeira atualização local da nossa visão para o futuro da habitação – capaz de ser implantada de forma rápida, acessível, sustentável e capaz de aumentar as comunidades vizinhas com uma dinâmica positiva”, disse Alexey Dubov, cofundador e COO da Mighty Buildings.

Com o local garantido, o desenvolvimento está em andamento. As casas estão disponíveis em pré-venda com preços a partir de 595 mil dólares para um modelo básico e até 950 mil dólares para a configuração com duas casas.

Maria Campos, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Marte sobreviveu a super-erupções (que libertaram "oceanos" de poeira e gases tóxicos)

A região de Arabia Terra, situada no norte de Marte, já foi palco de erupções suficientemente potentes para libertar "oceanos" de poeira e gases tóxicos no ar.  A NASA confirmou, recentemente, que uma região do norte …

Vulcão, La Palma

O Cumbre Vieja também tem negacionistas. "É tudo orquestrado"

Nos últimos dias, as redes sociais têm-se tornado o palco dos "negacionistas dos vulcões" que defendem que, por trás da erupção do Cumbre Vieja, há mão humana. Nas redes sociais já há negacionistas do vulcão Cumbre …

Selecção da Lituânia falhou os Mundiais porque...chegou atrasada

Per Strand venceu, António Morgado ficou em sexto, mas os ciclistas da Lituânia acabaram por marcar a prova de estrada de juniores, nos Mundiais em Flandres. Per Strand Hagenes é o novo campeão mundial júnior de …

Gil Vicente 1-2 Porto | Dragão canta de galo com dois golaços

Foi sofrer até ao fim. Sérgio Conceição tinha alertado que não seria fácil bater o Gil Vicente e foi isso que ocorreu na noite desta sexta-feira em Barcelos. O FC Porto apenas a um minuto dos …

Na II Guerra Mundial, um erro "humilhante" destruiu dois imponentes navios de guerra da Marinha Real

No dia 10 de dezembro de 1941, os japoneses afundaram os imponentes Prince of Wales e Repulse. A culpa foi do almirante Thomas Phillips que, na sequência de um "erro humilhante", acabou também por falecer. Winston …

O robô Atlas, da Boston Dynamics, faz parkour (e até dá um mortal para trás)

O Atlas é, sobretudo, um projeto de investigação: um robô que ajuda os engenheiros da Boston Dynamics a trabalhar em melhores sistemas de controlo e perceção. O parkour é um verdadeiro desafio para os seres humanos, …

Na Tailândia, um "cemitério" de táxis foi transformado numa horta sobre rodas

Desde pimentos a pepinos, beringelas e até mangericão. Num parque de estacionamento ao ar livre em Banguecoque, os táxis abandonados transformam-se em hortas para alimentar os trabalhadores. A pandemia de covid-19 obrigou os táxis de Banguecoque …

Morreu o "último nazi" canadiano, aos 97 anos

Um ucraniano que serviu como tradutor no regime nazi morreu na quinta-feira na sua casa, em Ontário, no Canadá, encerrando uma luta de décadas para deportá-lo e acusá-lo de cúmplice no assassinato de dezenas de …

No Sri Lanka, elefantes traficados foram resgatados. Mas voltaram às pessoas que os compraram ilegalmente

Um tribunal do Sri Lanka devolveu elefantes resgatados a pessoas influentes que foram acusadas de os terem comprado ilegalmente. Durante alguns anos, elefantes selvagens permaneceram na corda bamba de uma intensa batalha de custódia judicial entre …

Sporting 1-0 Marítimo | Porro volta a decidir de penálti

Que sofrimento! É normal ver os “grandes” dominarem por completo os seus adversários, mas nesta partida entre Sporting e Marítimo, em Alvalade, praticamente só houve uma equipa a atacar e a procurar o golo. Ainda assim, …