Casal indiano “banido” do Nepal depois de falsa subida ao Evereste

O casal indiano foi proibido de escalar as montanhas do Nepal durante dez anos, depois das autoridades determinarem que a subida ao Evereste não passou de uma mentira.

Dinesh e Tarakeshwari Rathod, um casal de polícias de nacionalidade indiana, afirmaram ter chegado ao topo do Evereste a 23 de maio deste ano.

Os dois diziam ser o primeiro casal da Índia a escalar a montanha mais famosa do mundo e tiveram até direito a um certificado de escalada oferecido pelo Governo do Nepal.

Mas a história levantou várias suspeitas e agora, segundo o The Guardian, o veredicto final já foi conhecido: foram banidos durante dez anos de escalar qualquer montanha nepalesa.

“A nossa investigação mostra que o casal falsificou a subida. Por isso, ficam proibidos de escalar qualquer montanha do Nepal durante dez anos”, afirmou Sudarshan Prasad Dhakal, diretor do Departamento de Turismo do Nepal, citado pelo jornal britânico.

As dúvidas começaram a surgir quando outros montanhistas alegaram que o casal aparecia com roupas e botas diferentes nas fotografias da escalada das que apresentaram como prova da chegada ao topo da montanha.

Além disso, o montanhista Satyarup Sidhantha afirmou que as fotografias apresentadas pelos Rathod são, na verdade, imagens que ele próprio registou quando subiu ao Evereste e que foram alteradas.

Rashmi Shukla, comissário da polícia da cidade indiana de Pune, onde os dois trabalhavam, disse estar “chocado” com esta fraude e que este incidente “não só estraga a imagem da polícia indiana como também de todo o país”.

O agente diz que os dois funcionários desapareceram depois de terem sido entrevistados e que continuam desaparecidos. De acordo com as autoridades nepalesas, os dois guias sharpas que os ajudaram também estão em fuga.

E para piorar ainda mais a credibilidade deste casal, sabe-se agora que esta não é a primeira vez que os dois são apanhados.

Em novembro de 2014, Dinesh e Tarakeshwari também viram ser-lhes recusado um certificado por terem escalado os dez picos mais altos da Austrália.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Alec Baldwin

Assistente que entregou arma a Alec Baldwin já teria tido práticas inseguras

Uma fabricante de adereços disse que, no passado, já tinha mostrado preocupação com o facto de o assistente de realização ter protagonizado situações inseguras. No fim-de-semana, um documento judicial obtido pela CNN mostrou que a arma …

Metade dos chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se em bloco

Uma dezena de chefes de equipa da Urgência do Hospital de Braga demitiu-se esta segunda-feira, em protesto contra a falta de condições de trabalho e o "desinvestimento" no Serviço Nacional de Saúde. Contactada pela agência Lusa, …

Primeiro-ministro da Polónia acusa UE de ter "arma apontada à cabeça" do país

O primeiro-ministro polaco acusou a União Europeia (UE), esta segunda-feira, de "ter uma arma pontada à cabeça" da Polónia, ao exigir que Varsóvia reveja as reformas judiciais, ameaçando-a com sanções. Numa entrevista publicada pelo Financial Times, …

Carlos César acusa BE e PCP de terem preferido "jogos de poder"

O presidente do PS acusou, esta segunda-feira, os partidos de esquerda de terem preferido "os jogos de poder", no seguimento do anúncio de ambos do voto contra o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022). "BE e …

O dirigente do PSD Paulo Mota Pinto

Mota Pinto aponta "irresponsabilidade" de marcar diretas. Rangel reforça importância de ter líder "fortemente legitimado"

O dirigente do PSD defendeu, esta segunda-feira, que o partido "está preparado" para legislativas antecipadas, defendendo que estas devem ocorrer "o mais rapidamente possível". Em declarações à agência Lusa, o presidente da Mesa do Congresso e …

EMA aprova terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) deu luz verde, esta segunda-feira, à administração da terceira dose da vacina da Moderna a partir dos 18 anos. Em comunicado, a agência refere que os dados apontam que uma …

Câmara do Porto aprova sistema de videovigilância no centro histórico

Esta segunda-feira, na reunião do Executivo portuense, foi aprovado, com o voto contra da CDU e do BE, o protocolo a celebrar com a PSP para implementação da videovigilância na Baixa do Porto. O presidente da …

Conselho das Finanças Públicas alerta para riscos na TAP e falta de orçamentação para Novo Banco

O Conselho das Finanças Públicas (CFP) alertou esta segunda-feira, numa análise à proposta do Governo para o Orçamento do Estado de 2022 (OE2022), para a possibilidade de se injetar mais dinheiro na TAP e no …

O presidente executivo do Novo Banco, António Ramalho

Novo Banco apresenta nova imagem. "Agora é o renascimento", diz Ramalho

O presidente do Novo Banco disse, esta segunda-feira, que a nova imagem representa o "renascimento" da instituição financeira, que está numa "rota de lucro e rendibilidade". Na apresentação da nova imagem de marca do Novo Banco, …

Governo disponível para suspender caducidade de convenções coletivas "sem limite de tempo"

O Governo está disponível para avançar com a suspensão dos prazos da caducidade das convenções coletivas "sem limite de tempo", disse, esta segunda-feira, no Parlamento a ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social. A medida foi …