Casal de jihadistas despede-se das filhas e envia-as para atentado suicida

(dr) Twitter

-

As imagens divulgadas nas redes sociais mostram um casal de jihadistas a despedir-se das filhas, que estavam encarregues de cometer um atentado suicida na capital síria.

Este é o momento em que um casal de jihadistas se despede das suas duas filhas menores, incumbidas de realizar um atentado suicida na Síria, conta o jornal inglês Daily Mail.

No primeiro vídeo, gravado dentro de uma casa, com uma bandeira preta e branca por trás, Islam e Fatimah aparecem vestidas com hijabs ao lado do pai.

Enquanto o árabe dá as últimas indicações às menores, de sete e nove anos respetivamente, uma mulher de burka, presumivelmente a mãe, abraça as crianças.

Um homem atrás da câmara pergunta à mulher porque é que está a fazer isto às suas filhas uma vez que são tão novas.

Ninguém é demasiado novo quando se trata da jihad e é suposto todos os muçulmanos participarem”, respondeu.

No segundo vídeo, as meninas já aparecem vestidas com casacos e gorros. O pai pergunta-lhes “Vocês não vão ter medo porque vão para o céu, certo?”.

Depois de responderem afirmativamente, as duas dizem “Allahu Akbar” (“Deus é grande” em árabe) e o pai começa a ditar algumas preces.

As imagens foram divulgadas nas redes sociais e, de acordo com os media sírios, a menina mais nova foi a responsável pelo atentado, na passada sexta-feira, junto a uma esquadra da polícia em Damasco.

Ainda não é claro qual é o grupo terrorista que está por detrás do ataque. Certo é que a menina morreu e três agentes ficaram feridos.

Em declarações ao jornal Al-Watan, uma fonte da polícia explicou que a criança parecia perdida e pediu para usar a casa-de-banho pouco antes do cinto de explosivos ter sido acionado.

ZAP

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • Tem razão, é animalesco…é o mínimo que se pode dizer disto. Que pais são os muçulmanos que fazem coisas destas? Que amor têm aos filhos? Pq não foram eles no lugar das crianças? Eles é que deviam ter ido. Que moral tem esta escumalha para julgar os outros de infiéis?

    • No reino animal, os progenitores amam e ensinam às crias como caçar, esconder-se, aquecer-se, no fundo, preparam-nos para a vida, neste caso elas são preparadas para a morte, portanto de animalesco isto não tem nada, porque está a dar a um animal uma imagem negativa? Isto é de longe muito pior.

  1. Bichos destes têm que ser exterminados. São piores que animais e não devem ser tolerados. Grandes bestas que usam uma religião deturpada para justificar a morte de inocentes. Acéfalos que precisam de uma religião para terem um sentido de vida. Desprovidos de sentido crítico e de pensamento autónomo ficam ao nível de ratos e como ratos devem ser exterminados.
    Mas o politicamente correto impede-nos de criticar estas atitudes, são fruto do ambiente cultural, dizem…
    As politicas de tolerância e multiculturalidade estão a levar-nos para a toca do lobo e será necessário uma nova Cruzada para ensinar a estes animais que as pessoas pacíficas também conseguem lutar pelo que acreditam: a liberdade. E que, se for preciso, o fazem com a maior das resoluções e não haverá toca onde estes bichos se possam esconder.

RESPONDER

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …