A Casa Branca contratou para a NOAA cientistas que defendem que as mudanças climáticas “são uma mentira”

Funcionários do governo norte-americano terão abordado cientistas com historial de críticas regulares sobre as mudanças climáticas causadas pelo homem, aos quais foram propostos cargos de gestão na NOAA. Segundo especialistas citados pela E&E News, esta é uma estratégia da Casa Branca para “minar a ciência” numa das principais agências climáticas do mundo.

Depois de os candidatos iniciais terem recusado os cargos na NOAA, a Casa Branca acabou por escolher David Legates, professor de geografia da Universidade de Delaware, que rejeita as principais teorias acerca do clima aceites pela comunidade científica mundial.

Legates, atualmente assistente de observação e previsão na NOAA, defende que um aumento dos níveis de dióxido de carbono tornaria a Terra um sítio melhor para os seres humanos.

John Christy, professor de ciência atmosférica da Universidade do Alabama e um dos cientistas convidados pelo governo americano, referiu ao E&E News que um funcionário da Casa Branca lhe prometeu “carta branca” para mudar a forma como a NOAA aborda as suas pesquisas climáticas.

Além de Legates, a Casa Branca nomeou também para a NOOA Ryan Maue, ex-funcionário do Cato Institute, e Erik Noble, que trabalhou como analista de dados para a campanha do presidente Donald Trump.

Estas mudanças representam um esforço para remodelar a hierarquia de topo da NOAA no primeiro mandato de Trump. Até agora, a agência permaneceu sem grandes mudanças, apesar das teorias adotadas pelo presidente, e pelos seus súbditos, sobre as mudanças climáticas, diz a Science.

As novas contratações têm fama de minimizar a ciência do clima, e publicaram afirmações em contradição direta com a pesquisa publicada por pares da NOAA. De acordo com a Science, os conselheiros externos da Casa Branca motivaram Legates a influenciar a próxima Avaliação Nacional do Clima.

Numa altura em que as presidenciais estão à porta, alguns funcionários da NOAA estão receosos com o que Trump pode vir a fazer na instituição caso seja eleito para novo mandato. Os cientistas do clima estão com medo que o seu trabalho seja afetado, diz o Science.

Há um ano, a agência esteve envolvida num escândalo quando o seu administrador, Neil Jacobs, e a equipa de gestão, criticaram os meteorologistas da agência do Serviço Meteorológico Nacional, NWS. A polémica começou quando Trump publicou no Twitter, erradamente, que o Alabama estava ameaçado pelo furacão Dorian em setembro de 2019.

Depois de receber várias chamadas de pessoas em pânico, o NWS divulgou um comunicado em que esclarecia que a tempestade não atingiria o Alabama. No entanto, Jacobs criticou os meteorologistas.

O episódio ficou conhecido como “Sharpiegate” depois de Trump se ter recusado a reconhecer o seu erro. Mais tarde, o presidente dos EUA apontou para um mapa da Sala Oval em que este parecia ter sido alterado com uma caneta para mostrar o caminho do furacão que supostamente atingiu o Alabama.

Um documentário apresentado na semana passada por Legates oferece uma perspetiva para as prioridades científicas que quer trazer para a NOAA. Legates aparece com destaque no filme, que compara os que querem uma política climática mais agressiva com o governo autoritário descrito por George Orwell na sua novela “1984”, afirmando que todos os que questionam a ciência do clima devem ser perseguidos e presos.

O filme sustenta que as pessoas que estão preocupadas com a mudança climática querem colocar limites no número de crianças nascidas na América, que os bifes sejam ilegais, e que as crenças sobre o ambiente são uma “igreja” que visa os hereges.

Legates defende que reduzir as emissões de carbono implicaria que os países desenvolvidos “iriam em direção a um mundo subdesenvolvido”, e acrescenta que ensinar aos jovens assuntos relacionados com as alterações climáticas causadas pelo homem, é incentivá-los a acreditar numa “mentira”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Em abril, o vírus matava 6 vezes mais do que agora. Mas estes números podem mudar em breve

O número de infetados já bateu recordes durante o mês de outubro, mas o mesmo não de pode dizer em relação ao número de mortos. O dia com mais óbitos em Portugal ocorreu a 3 …

Orçamento não reflete "trabalho notável" dos profissionais de saúde, diz bastonário

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, considera que a proposta de Orçamento do Estado para 2021 não corresponde às "expectativas dos profissionais de saúde e dos portugueses" nem investe no Serviço Nacional …

Trump tem uma conta bancária na China (e andou uma década a tentar investir no país)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é detentor de uma conta num banco chinês, e há vários anos que tenta implementar negócios no país. Donald Trump passou uma década a tentar investir na China, onde …

Ricardo Pereira revela segredo para o FC Porto derrotar o City

A jogar em Inglaterra há três anos, Ricardo Pereira conhece bem o próximo adversário do FC Porto na Liga dos Campeões. O internacional português deu alguns conselhos à equipa portista. Ricardo Pereira está a cumprir a …

OE em duodécimos deixa 2.700 milhões de estímulo orçamental em suspenso

A hipótese de haver um Orçamento em duodécimos em 2021 está em cima da mesa. Se tal acontecer, há pelo menos 2.700 milhões de estímulo orçamental que não chegarão à economia. Se o Orçamento do Estado …

Grupo Luz Saúde foi o que mais faturou com a pandemia

O Grupo Luz Saúde faturou quase 40 milhões de euros com a venda de material à Direção-Geral da Saúde (DGS), a hospitais e até a autarquias. A GLSMed Trade, do grupo Luz Saúde, foi a empresa …

Pinto da Costa: "Varandas fará um grande serviço quando se dedicar à medicina"

Manchester City, Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas foram alguns dos temas abordados por Pinto da Costa numa recente entrevista ao Porto Canal. Em entrevista ao Porto Canal, Pinto da Costa fez a antevisão ao encontro …

Espanha pondera recolher obrigatório em todo o país. Esperam-se semanas "muito difíceis"

Salvador Illa, ministro da saúde de Espanha, referiu que o governo está a estudar um recolhimento obrigatário no país, como forma de travar a propagação do novo coronavírus que nos últimos dias tem feito infetado …

Algarve pode consagrar Lewis Hamilton como piloto mais vitorioso de sempre

O Autódromo Internacional do Algarve está a caminho de ver a consagração do piloto britânico Lewis Hamilton (Mercedes) como o piloto mais vitorioso de sempre da Fórmula 1, no domingo, no Grande Prémio de Portugal. Depois …

Antigo túmulo siberiano contém casal de guerreiros (e um enorme stock de armas)

Uma equipa de arqueólogos desenterrou um túmulo com 2.500 anos que continha os restos mortais de quatro pessoas da antiga cultura Tagar. Arqueólogos da Universidade Estadual de Novosibirsk, na Rússia, desterraram um túmulo com 2.500 anos …