Carlos César pede mobilização dos socialistas para que o PS alcance maioria absoluta

Luís Forra / Lusa

O presidente do Grupo Parlamentar do Partido Socialista, Carlos César

No congresso da JS, o Presidente dos socialistas apelou à mobilização dos militantes para “dar mais força ao PS” para que se consiga “uma grande vitória” na próximas eleições.

O presidente do PS, Carlos César, apelou este domingo à mobilização dos socialistas para os desafios eleitorais do próximo ano no encerramento do congresso que elegeu Maria Begonha para a liderança Juventude Socialista, realizado no Complexo Municipal de Desportos de Almada, Setúbal.

“O nosso país está melhor, melhora dia a dia, mas estamos a fazer um caminho que ainda está incompleto. E, por isso, para lá da satisfação, o que importa é mantermos a nossa energia, é mantermos o nosso entusiasmo e é contarmos com mobilização de todos“, disse Carlos César na sessão de encerramento do XXI Congresso da JS.

Lembrando os desafios eleitorais do próximo ano de 2019, nas eleições regionais da Madeira, para o Parlamento Europeu e para a Assembleia da República, Carlos César apelou à mobilização dos socialistas para “uma grande vitória de que o Partido Socialista necessita e do reforço da sua implantação eleitoral no país”, que lhe permita prosseguir o caminho trilhado nestes últimos três anos de governação.

O presidente do PS, que falava perante centenas de jovens socialistas que elegeram Maria Begonha como secretária-geral da JS, começou por dizer que a juventude foi muito penalizada pelo anterior governo PSD/CDS.

A juventude foi dos setores mais penalizados pela governação PSD/CDS. São incontáveis os milhares de jovens que tiveram de ir buscar noutras paragens a sua qualificação ou um emprego condizente com as suas aspirações e a sua vocação”, disse o socialista.

“E é por isso também importante que o governo presidido pelo camarada António Costa tenha tido como prioridade a concessão de incentivos para fazer regressar aqueles que foram compelidos a partir, mas que desejam voltar a dar o seu contributo ao país, entre os quais muitos milhares de jovens. Estamos orgulhosos da mudança que fizemos, desse tempo de desilusão para este tempo em que exercitamos a esperança”, continuou.

“Mas é fundamental que não nos fiquemos pela satisfação, pelo deslumbramento, como se tivéssemos passado do inferno para o céu. Para os mais crentes nessas transições da geografia dos afetos extraterrestres, não passámos ainda do inferno para o paraíso, estamos ainda num purgatório. Mas vê-se, ao longe, uma luz de um tempo melhor“, acrescentou.

Para Carlos César, “essa esperança, essa luz de um tempo melhor, deve-se, sem dúvida, à governação liderada pelo Partido Socialista“.

No discurso que fez no Congresso da JS, Carlos César afirmou-se confiante numa primeira vitória eleitoral do PS nas próximas eleições para a Região Autónoma da Madeira e garantiu que o PS não tem menos ambição do que os parceiros de coligação no Governo da República.

“Nós temos consciência de que os nossos aliados – PCP, BE e PEV – ao longo desta legislatura, deram um contributo para todos estes progressos que alcançámos. Mas há uma coisa que é preciso que se diga: nem o BE, nem o PCP nem o PEV têm mais ambição do que o PS e Juventude Socialista”, concluiu.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Irão ter uma grande derrota, mas nem sequer o sabem , já quanto a jovens à procura de outra paragens, será que não sabe que desde que nos governam(3 anos) já cerca de 300 mil o fizeram, contra 440 mil em 4 anos da troika.

RESPONDER

Operação Marquês. Ex-secretário de Estado de Passos Coelho chamado como testemunha

O juiz de instrução da Operação Marquês, Ivo Rosa, decidiu chamar o ex-secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações Silva Monteiro como testemunha, avança a SIC Notícias. Segundo apurou a estação televisiva, o ex-governante …

Apple e Goldman Sachs acusados de terem criado cartão de crédito sexista

A Apple e o Goldman Sachs estão a ser acusados de terem lançado um cartão de crédito que discrimina os utilizadores em função do género. Um dos últimos a juntar ao rol de críticas ao Apple …

Grimaldo joga consecutivamente há 68 jornadas (só é ultrapassado por um guarda-redes)

Alejandro Grimaldo está há 68 jornadas a jogar consecutivamente a titular na lateral esquerda do Benfica - são dois anos sem descanso. Os números são avançados pelo desportivo A Bola, que dá conta que o lateral-esquerdo …

"Prática comercial enganosa". NOS obrigada a retirar campanha publicitária sobre 5G

A Associação da Auto Regulação Publicitária (ARP) deu razão a uma queixa da Meo e mandou a NOS retirar uma campanha de publicidade sobre um tarifário móvel 5G por considerar que constitui "uma prática comercial …

Eleição autárquica dos EUA pode ser desempatada com moeda ao ar

Um eleição autárquica numa pequena vila no Ohio, nos Estados Unidos, pode vir a ser decidida com o lançamento de uma moeda ao ar, o famoso jogo do "cara ou coroa". De acordo com o The …

Primeiro aniversário dos Coletes Amarelos. França receia novos tumultos

O clima de tensão regressa a França, com os coletes amarelos a anunciarem a preparação de novas ações para assinalar o primeiro aniversário do início do movimento. A 17 de novembro, o movimento Coletes Amarelos assinala …

Violência leva a mais violência, alerta chefe do Governo de Hong Kong

A chefe do Governo de Hong Kong condenou a “extensa violência” que marcou o dia de greve na cidade, realçando que esta “não resolverá nada” nem fará o Governo ceder aos “apelos políticos” dos manifestantes. Carrie …

Morreu Teresa Tarouca, fadista de "Saudade, silêncio e sombra"

A fadista Teresa Tarouca morreu na madrugada desta segunda-feira, no Hospital S. Francisco Xavier, em Lisboa, aos 77 anos, vítima de pneumonia dupla, disse à agência Lusa fonte próxima da família. O corpo de Teresa Tarouca …

Uma queda da varanda. Morreu fundador dos Capacetes Brancos que Rússia acusou de ser espião

O antigo oficial do exército britânico James Le Mesurier, um dos fundadores do movimento humanitário Capacetes Brancos que tem ajudado milhares de pessoas na Síria, foi encontrado morto perto de casa. Terá caído da varanda …

Nuno foi para a Noruega treinar uma equipa de futebol e acabou como vice-presidente da Câmara de Notodden

Nuno Marques emigrou para a Noruega há 15 anos para treinar uma equipa de futebol e acabou eleito vice-presidente da Câmara de Notodden (Leste), funções que jamais aceitaria em Portugal, onde “o principal problema da …