Camponês vietnamita garante que não dorme há mais de 40 anos

Segundo a ciência, é impossível o corpo humano aguentar mais do que alguns dias sem dormir, mas o camponês vietnamita Hai Ngoc, de 75 anos, afirma que não dorme há 42 anos.

A vida de Hai Ngoc, cuja história foi divulgada várias vezes na imprensa vietnamita e internacional, quase não mudou desde que, num dia de 1975, deixou de conseguir dormir para sempre.

“Não me lembro da data porque não dei importância. Achava que era passageiro, mas os dias foram-se passando e eu continuava sem conseguir dormir“, contou à EFE na sua casa humilde na remota aldeia de Que Trung, no centro do Vietname.

A agricultura e a venda de um licor de arroz que ele mesmo produz são o seu principal sustento e, aos 75 anos, mantém uma saúde invejável que lhe permite sair para trabalhar quase diariamente.

“Quando era mais jovem, aproveitava as noites para trabalhar no campo ou para melhorar o caminho que leva à minha casa. Agora que sou mais velho, já não faço isso tão frequentemente, fico em casa  a ver televisão ou faço passeios e fumo“, contou.

A incapacidade de dormir tem outras utilidades na sua pacata vida rural, como ser o único que aguenta vários dias seguidos nos velórios ou despertar os vizinhos quando estes precisam de ir para o campo antes de amanhecer.

Ngoc recebeu equipas de televisão do Reino Unido, da Tailândia e do Japão que ficaram assombrados com a sua incapacidade de dormir.

“Os tailandeses levaram-me até ao hospital de Danang para que me examinassem mas disseram que eu estava bem. O único problema são as mãos“, disse, mostrando as deformações causadas por uma bomba na Guerra do Vietname, na qual combateu entre 1964 e 1966 pelo Vietname do Norte contra o Vietname do Sul.

O médico que o examinou, Nguyen Gia Thieu, afirmou ao portal de notícias “Vietnamnet” que esta insónia é estranha, mas não perigosa, e atribuiu-a a um transtorno do sistema nervoso.

Ngoc diz que gostaria de voltar a dormir por ser “uma sensação agradável”, mas não se preocupa com esta rara condição. “Tentei com remédios tradicionais e uma vez trouxeram-me de Saigon remédios para dormir mas não tiveram efeito. Só quando bebo muito licor de arroz caio e deito um pouco a cabeça, mas não chego a adormecer“, contou.

“Os ingleses que vieram aqui queriam me levar a Ho Chi Min para fazer mais exames, mas não quero ir, fica muito longe, e eu estou bem. Nunca vou ao médico”, declarou.

Outros casos semelhantes

Além do caso de Ngoc, não provado pela Medicina, o recorde mais conhecido de falta de sono é o do norte-americano Randy Garner, que aguentou 264 horas (11 dias) sem dormir sob supervisão científica.

Na história existiram outros casos famosos como o do americano Al Herpin, que morreu em 1947 aos 94 anos depois de passar mais de cinco décadas sem dormir, segundo o próprio relatou ao New York Times.

Também ganhou notoriedade o soldado húngaro da I Guerra Mundial Paul Kern, que desde que foi ferido por um tiro na cabeça em 1915 não voltou a dormir até à sua morte, mais de 40 anos depois, para perplexidade dos médicos que o examinaram.

Uma possível explicação para o caso de Ngoc, descartando o caso de ser uma mentira deliberada, é que o camponês durma poucos minutos com os olhos abertos e sem estar consciente disso.

Porém, o camponês não parece dar muita importância à sua condição rara e nem para o facto de que o seu relato seja um absoluto disparate para a ciência. “Não sei se existe alguém como eu, mas não me importa. Levo uma vida normal, e isso não me afeta”, frisou.

ZAP // EFE

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Governo francês vai dar 100 euros a famílias carenciadas para pagar energia

O Governo francês vai entregar um cheque de 100 euros a 5,8 milhões de famílias de menores recursos para ajudar a pagar a fatura energética. A medida anunciada pelo executivo vai ter um custo de 580 …

Incidência e R(t) recuam em dia com mais 1.023 infetados e sete mortes

Portugal registou, esta sexta-feira, 1.023 novos casos e sete mortes na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde, Portugal …

Apoiantes de Navalny acusam Google e Apple de "censura" política

Os apoiantes de Alexei Navalny acusaram hoje as empresas Google e Apple de terem suprimido o apelo ao voto "útil" proposto pelo oposicionista através das respetivas plataformas, denunciando "censura" num processo eleitoral em que a …

Presidente da República argentino cancela viagens para impedir que vice assuma Governo

Cristina Kirchner é parceira maioritária na coligação de Governo e exige, entre outras mudanças, a substituição de ários ministros, secretários e presidentes de organismos públicos. Recentemente, tem mostrado em público o seu descontentamento face à …

"Bazuca" europeia não resolve problema da falta de habitação

De acordo com vários especialistas, as 26 mil casas identificadas como prio­ritárias pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) não chegam para as necessidades do país, que podem chegar às 46 mil. A questão da aplicação …

Peça que terá sido usada no batismo de D.Maria II está à venda. Estado não a compra por ser demasiado cara

Há uma semana que está à venda uma peça que pertenceu à coroa portuguesa. Terá pertencido à família real depois do Terramoto de 1755 e, de acordo com o antiquário que agora a comercializa, terá …

"Dupla pancada". Vítimas de violência doméstica são deixadas ao abandono sem indemnização

Mais de 80% das vítimas de violência doméstica, a maioria mulheres, não recebem indemnizações, nem dos agressores nem do Estado. Se as vítimas não tiverem sofrido uma incapacidade para o trabalho por um período igual ou …

Ministério Público declara ilegal eleição de André Ventura

Ministério Público invalidou a mudança nos estatutos do Chega, incluindo a eleição direta de André Ventura. O líder do partido admite um novo congresso. No início do mês, o Ministério Público (MP) pediu ao Tribunal Constitucional …

Ministra dos Negócios Estrangeiros dos Países Baixos demite-se por causa do Afeganistão

Sigrid Kaag demitiu-se do seu cargo de ministra dos Negócios Estrangeiros dos Países Baixos, depois de o Parlamento considerar que o Governo fez uma má gestão da retirada de cidadãos do Afeganistão. A ministra dos Negócios …

Rio "atirou" Costa aos macacos e pediu aos eleitores que "penalizem" o descaramento do PS

Rui Rio afirma nunca ter visto um "desplante" semelhante ao do PS no que respeita a promessas eleitorais como o que está a acontecer na atual campanha para as autárquicas. Mais um dia, mais uma capelinha. …