Utilizadores que já morreram fazem campanha por Putin nas redes sociais

Sergei Karpukhin / POOL / EPA

O presidente da Rússia, Vladimir Putin

A 15 de dezembro, um dia após a conferência de imprensa na qual Putin anunciou que concorre à presidência em 2018, uma importante rede social russa, Vkontakte, foi bombardeada por mensagens a enaltecer o presidente.

Havia, no entanto, um problema com as mensagens em massa que foram partilhadas: muitos desses utilizadores estavam mortos há bastante tempo. Aqueles que conheciam os donos desses perfis quando ainda eram vivos ficaram chocados ao verem páginas de amigos e parentes em atividade após meses e, até mesmo, anos da sua morte.

Uma mulher, cujo perfil no Vkontakte trazia uma mensagem pró-Putin recente, não postava nada há anos. Há alguns dias, no entanto, o seu perfil foi reativado com uma publicação de uma citação de Putin com a hashtag #PutinÉFixe em várias páginas da comunidade.

Alguém terá entrado na sua conta e postou, mais tarde, uma mensagem a informer os seguidores de que a Lyudmila faleceu em 2013.

A maioria das contas do Vkontakte que pertenciam a utilizadores russos e postaram mensagens pró-Putin foram imediatamente suspensas. A gerência do Vkontakte disse aos jornais que as contas tinham sido hackeadas por um vírus desconhecido.

Como era de se esperar, muitos utilizadores russos não ficaram surpresos com essas questionáveis táticas de campanha.

Muitas das imagens postadas por perfis de utilizadores que já morreram tinham o logótipo da Molodaya Gvardiya (A Guarda Jovem da Rússia Unida), o grupo jovem do partido governante da Rússia.

Respondendo às perguntas dos repórteres sobre o incidente, a porta-voz da organização, Anna Rogacheva, negou qualquer envolvimento e disse que as mensagens “zombie” são obra de “hackers desconhecidos”.

A trajetória da Molodaya Gvardia como movimento jovem pró-Putin é marcada por controvérsias. Em 2010, dois ativistas – entre os quais um que mais tarde se tornaria membro do parlamento russo – foram expostos após colocarem fogo no mato e fingirem depois apagá-lo.

Um dos líderes do movimento, agora um importante operador político no partido governante, foi acusado de ter ordenado um ataque brutal contra um jornalista.

Dessa forma, tendo em conta a reputação negativa da Molodaya Gvardia, muitos não ficaram convencidos com o argumento da porta-voz da organização.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Putin, aqui está o maior fascista do século XXI, Rússia no seu melhor!
    O tipo já está a mexer os seus cordelinhos mágicos…

RESPONDER

Palavra “mulher” já tem nova definição

O dicionário online Priberam e o canal de televisão FOX Life uniram-se para desafiar os portugueses a participar na revisão do significado da palavra "mulher". Três semanas depois, apresentam-nos o resultado. Esta terça-feira, o dicionário online …

EUA emitem alerta sobre "ataques sónicos" na China

Esta quarta-feira, a embaixada norte-americana na China emitiu uma alerta após um funcionário do Governo ter sofrido uma lesão cerebral. A embaixada norte-americana na China emitiu um alerta depois de um funcionário ter sofrido uma lesão …

Descobertas 481 moedas romanas dos séculos I ao III em Braga

Um museu em Braga descobriu 481 moedas romanas datadas do século I ao século III que permitem perceber o circuito de comércio no Mediterrâneo na época do Império Romano. Esta quarta-feira, o Museu Pio XII, em …

José Manuel Coelho condenado a ano e meio de prisão domiciliária

O deputado do PTP/Madeira foi, esta quarta-feira, condenado a um ano e seis meses de prisão domiciliária pela prática de vários crimes de difamação e de divulgação de fotografias ilícitas. José Manuel Coelho foi julgado na …

Maternidade só deixa mãe ver as filhas recém-nascidas depois de pagarem a conta

Uma mãe esperou cinco dias para ver as suas filhas recém-nascidas porque não tinha dinheiro para pagar as despesas médicas. Juliana Logbo esperou cinco dias depois do parto para ver as suas filhas gémeas e recém-nascidas …

Novo escândalo de abusos sexuais no Chile leva à suspensão de 14 sacerdotes

A diocese da cidade chilena de Rancagua anunciou, esta terça-feira, a suspensão de 14 sacerdotes implicados num novo escândalo de abusos sexuais sobre jovens e menores. "Estes padres cometeram atos que podem constituir crimes nos domínios …

94% das universitárias de Coimbra já foram alvo de assédio sexual

Um estudo realizado pela UMAR Coimbra sobre a violência sexual em contexto académico revela que 94,1% das mulheres inquiridas já foram alvo de assédio sexual, 21,7% de coerção sexual e 12,3% reportaram já terem sido …

Israel admite: o famigerado F-35 já se estreou em combate

A força aérea israelita admitiu ter usado, pela primeira vez, o poderoso caça bombardeiro numa ação de combate contra dois tanques, numa missão recente. Um dos aviões de combate mais avançados do mundo, o novo caça-bombardeiro …

Proposta do PS sobre a habitação suspende despejos já em curso

O PS avançou com uma proposta de alteração ao seu próprio projeto. A medida abrange inquilinos com mais de 65 anos ou com grau de incapacidade igual ou superior a 60% desde que residam há …

Função Pública vai ter aumentos em 2019 (mas não nos salários)

O ministro das Finanças referiu, esta quarta-feira, no Parlamento, que os funcionários públicos vão ter aumentos em 2019, através da "via do descongelamento de carreiras". Mas sobre um eventual aumento dos salários não se pronunciou. "Todos …