Brasil. Governo decide voltar a explorar urânio e ampliar programa nuclear

Tânia Rêgo / Agência Brasil

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro

O ministro de Minas e Energia brasileiro, Bento Albuquerque, afirmou na segunda-feira que o Governo irá retomar a exploração de urânio no país até ao final do ano, como forma de ampliar o seu programa nuclear.

Segundo indiciou o ministro ao jornal Estadão, a expectativa é iniciar os trabalhos na mina do Engenho, em Caetité, na Bahia, até ao final deste ano, com a exploração a ser feita unicamente pela estatal Indústrias Nucleares do Brasil (INB).

Há cinco anos que o Brasil não extrai urânio devido a questões ambientais. No entanto, apesar de atualmente apenas a estatal INB poder atuar no setor, Bento Albuquerque defendeu o estabelecimento de parcerias com a iniciativa privada para explorar o potencial de urânio, face às restrições de orçamento para realizar investimentos.

“Existem algumas alternativas sem necessidade de alteração da Constituição para que essa atividade minerária possa ser feita pela INB e uma outra empresa de capital privado. No que diz respeito ao urânio, a INB seria maioritária. Na exploração, não tem só urânio, pode ter outro mineral e normalmente tem”, afirmou o ministro.

O país sul-americano tem hoje a sétima maior reserva geológica de urânio do mundo, ficando atrás de Austrália, Cazaquistão, Canadá, Rússia, África do Sul e Nigéria. O urânio é uma matéria-prima que pode ser usada como combustível em centrais nucleares.

Para que exista uma rutura no monopólio do Estado na exploração de urânio e a possibilidade de exploração de centrais nucleares pelo setor privado seria necessário aprovar uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) no Congresso, com o apoio de três quintos dos deputados e senadores, em duas voltas de votação, quer na Câmara dos Deputados, quer no Senado.

“Segurança existe. Operamos centrais nucleares há mais de 40 anos. Não existe problema com o setor privado. Qual a diferença do setor privado e do setor estatal? Nenhuma, desde que se tenha condições de controlar e fiscalizar. Essa discussão é coisa do passado e, se for hoje para o Congresso, não vai haver esse tipo de resistência. Essa é a minha opinião pessoal, até pelo convívio que tenho com o Congresso e diversos parlamentares”, frisou.

Neste momento, o Brasil tem duas centrais nucleares em operação, ambas em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro.

Existe ainda uma terceira, denominada “Angra 3”, com 67% das obras concluídas, mas que foi paralisada em 2015, quando investigações da Operação Lava Jato descobriram um esquema de desvio de recursos por parte das construtoras, e que precisa agora de 16 mil milhões de reais (3,6 mil milhões de euros) para ser concluída.

De acordo com a secretária especial do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Martha Seillier, citada pelo Estadão, há interesse de empresas estrangeiras de países como China, Estados Unidos da América, França, Japão, Coreia do Sul e Rússia em explorar urânio no Brasil.

ZAP // //

PARTILHAR

RESPONDER

Assis critica novo Governo do PS. É "muito António Costa" e feito só para dois anos

O ex-eurodeputado do Partido Socialista (PS) Francisco Assis não poupou nas críticas ao novo Governo, que António Costa apresentou ao Presidente da República na terça-feira ao final do dia, considerando que este é um executivo …

PSD considera que não há novo Governo, mas "remodelação" com alargamento

O PSD defendeu na quarta-feira que "não há um novo Governo", mas "uma remodelação com alargamento", com um executivo aumentado e "mais partidário", considerando "uma desilusão" a continuidade em pastas como Saúde, Educação e Justiça. "Não …

Depois do terramoto das legislativas, vem aí um Conselho Nacional difícil para o CDS

O CDS reúne esta noite o Conselho Nacional. Segundo o Público, Assunção Cristas deverá renunciar a lugar de deputada na Assembleia da República. O CDS deverá marcar esta quinta-feira o próximo congresso para janeiro de 2020. …

Rio quer abafar Montenegro ao fazer "multitasking" como líder partidário e parlamentar

Rui Rio pode acumular as funções de líder do partido e líder parlamentar. O objetivo passa por evitar divisões na bancada e esvaziar a oposição de Luís Montenegro. Rio parece já ter uma estratégia delimitada para …

Cabrita mostra desagrado pelo afastamento da mulher do Governo

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, partilhou no Facebook um texto de uma ativista ambiental algarvia crítico do afastamento da ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, com quem é casado. Eduardo Cabrita, ministro da Administração …

Polícia desmantela rede de pornografia infantil e faz mais de 300 detenções

Pelo menos 337 pessoas de 38 países foram detidas numa operação em que foi desmantelada uma rede de pornografia infantil, que usava um site para comercializar vídeos de abuso sexual de crianças. Num comunicado divulgado esta …

Três coelhos de uma cajadada. Vieira renova contratos a três jogadores

No seu regresso de Angola, Luís Filipe Vieira assegurou a renovação do contrato de três jogadores: Grimaldo, Ferro e Jota. O anúncio oficial deverá estar para breve. Esta quinta-feira, o jornal Record fez manchete com a …

Berardo chama Mourinho e Ronaldo a jogo para não perder condecorações

A defesa de Joe Berardo invocou outros casos de personalidades portuguesas para que o empresário não perca as condecorações que recebeu dos antigos Presidentes da República Ramalho Eanes e Jorge Sampaio, escreve o Eco. De acordo …

Decisão "vergonhosa". Iniciativa Liberal e Chega indignados com distribuição de lugares no Parlamento

Está definida a distribuição de lugares do próximo Parlamento. O Iniciativa Liberal e o Chega não estão contentes e criticam a decisão. A decisão da conferência de líderes do Parlamento sobre os lugares que os novos …

Aos 57 e com Parkison, Damásio criou uma raqueta especial e sagrou-se vice-campeão mundial

Damásio Caeiro fez mais de 50 tentativas para construir a raqueta ideal para jogar ténis de mesa e, quando conseguiu "que mão e raqueta se fundissem", sagrou-se vice-campeão mundial de doentes com Parkinson. "Tinha muita dificuldade …