Coreia do Norte detonou bomba atómica equivalente a 17 “Hiroshimas”

Dados de um satélite japonês revelam que a explosão de um teste nuclear na Coreia do Norte, em 2017, terá sido 17 vezes mais poderosa do que a bomba de Hiroshima.

A Coreia do Norte estimou que a arma nuclear, testada em 2017, tivesse provocado uma explosão entre 50 e 70 quilotoneladas de potência mas, entretanto, uma revisão indicou que este valor ultrapassava os 400 quilotoneladas.

Agora, uma equipa de cientistas, liderada por K. M. Sreejith, da Organização Indiana de Pesquisa Espacial (ISRO), usou dados de satélite para analisar o deslocamento do solo nessa explosão, que indicaram um rendimento entre 245 e 271 quilotoneladas.

Esse valor seria aproximadamente 17 vezes mais poderoso do que a Little Boy (15 quilotons), bomba utilizada pelos Estados Unidos para destruir a cidade japonesa de Hiroshima em 1945.

O grupo utilizou os dados do satélite japonês ALOS-2, dotado de um poderoso radar de abertura sintética, PALSAR-2 — utilizado para cartografia e deslocamentos na superfície, onde o teste da bomba H foi realizado, segundo o Serviço Geológico dos EUA.

O satélite mediu uma alteração de alguns metros na superfície da montanha acima do ponto de detonação, movendo o flanco do pico Mantapsan em cerca de meio metro. Com isso, a equipa estima que a explosão tenha ocorrido aproximadamente 540 metros abaixo do topo, criando uma cavidade dentro da montanha com um ângulo de 66 graus.

“Os radares baseados no satélite são ferramentas poderosas para medir as mudanças na superfície terrestre, além de permitirem estimar a localização e o rendimento dos testes nucleares debaixo do solo”, afirmou Sreejith, autor principal do estudo publicado na Geophysical Journal International, uma publicação da Royal Astronomical Society.

As negociações entre os EUA e a Coreia do Norte ficaram congeladas desde a cimeira entre Donald Trump e Kim Jong-un, em fevereiro passado, apesar de os dois líderes terem feito um esforço para avançar no processo, num novo encontro em junho, na fronteira entre as duas Coreias.

Pyongyang tem pedido a Washington um alívio das sanções impostas em represália aos testes com armas nucleares, mas Trump já disse que qualquer alteração de posição deverá ser antecedida por medidas de desarmamento nuclear.

PARTILHAR

18 COMENTÁRIOS

  1. A juntar-se a estes, temos agora o do Brasil e também o do Reino Unido!
    Lindo!
    Não sei o que se passa com os seres humanos que só colocam no poder doentes mentais!

  2. Meu caros, aqui vem o chato (uma vez mais). Quilotons, não existe em português (no do rectângulo, pelo menos). Creio que o objectivo seria referirem quilotoneladas…

  3. Bem, todos os outros países à excepção dos aliados dos EUA têm que desarmar mas os meninos bonitos americanos não desarmam nem por decreto assinado por Jesus. Então mas eles têm direito e os outros não?! Hipocrisia e dissimulação exacerbada, é muito nojenta essa política externa americana.

  4. Os americanos inventaram esta ****, passaram-na aos soviéticos, etc. e agora armam-se em moralistas. Quem os fez que os lamba. O pior é que meteram neste sarilho a humanidade inteira. Os pais do Einstein, na noite em que o fizeram, mais valia terem ido passear o cão. Pobre Terra, que deve estar toda podre com tanta bomba nuclear detonada, 2421, até agora…

Sem Joacine, nova direção do Livre foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos

Este domingo, no segundo dia do IX congresso do Livre, a nova direção do partido foi eleita com 95 votos a favor e 15 brancos (e não conta com a deputada Joacine Katar Moreira). No final …

Juiz pede escusa do caso dos emails por ser adepto do Benfica

O juiz desembargador apresenta vários motivos para pedir escusa do processo, nomeadamente por ser "sócio do Benfica desde 1968". De acordo com o jornal Público, Eduardo Pires, juiz desembargador do Tribunal da Relação do Porto (TRP), …

Afinal, Irão já não vai pedir ajuda para analisar caixas negras do avião

O Irão recuou na intenção de enviar para análise as gravações da caixa negra do avião ucraniano, que abateu acidentalmente na semana passada, para que sejam sujeitas a análises adicionais, revelou a agência noticiosa iraniana. Citado …

Bruno Fialho sucede a Marinho e Pinto na liderança do PDR

Bruno Fialho é o novo presidente do Partido Democrático Republicano (PDR), ao obter 75% dos votos na eleição deste sábado para escolher o sucessor de António Marinho e Pinto, que anunciou o abandono do cargo …

Legislador russo culpa "arma climática" dos EUA pelo inverno quente de Moscovo

Alexei Zhuravlyov, membro da câmara baixa do Parlamento da Rússia (Duma), culpou uma alegada "arma climática" secreta dos Estados Unidos pelas anómalas temperaturas que se fizeram sentir este inverno em Moscovo.  Em declarações à estação de …

Nova espécie de louva-a-deus empala as suas presas como se fossem fondue

O Carrikerella simpira, uma nova espécie de louva-a-deus, caça as suas presas perfurando-as de um lado ao outro com as suas patas em forma de tridente. Cientistas descobriram uma nova espécie de louva-a-deus com uma característica …

Astrónomos descobrem que o fósforo foi gerado na formação de estrelas

Astrónomos descobriram que o fósforo, elemento químico essencial à vida, se constituiu durante a formação de estrelas e sugerem que chegou à Terra através de cometas. Uma equipa de astrónomos detetou monóxido de fósforo na região …

Nova máquina repara e mantém fígados vivos fora do corpo humano durante uma semana

Um novo sistema consegue manter um fígado humano vivo fora do corpo durante sete dias, período no qual o órgão danificado pode ser reparado e preparado para o transplante. As tecnologias convencionais conseguem sustentar um fígado …

Rui Rio vence segunda volta. Líder reeleito quer "estabilidade, lealdade e unidade"

O presidente social-democrata, Rui Rio, afirmou hoje que espera poder “trabalhar com estabilidade e lealdade”, recusou que o PSD esteja “partido” e vincou estar “a iniciar o momento para marcar a unidade” no partido. O líder …

Gatos não se importam de comer pessoas mortas (e há um estudo que mostra como o fazem)

Uma nova investigação analisou como é que dois gatos selvagens se alimentaram de cadáveres humanos. Os animais mostraram preferência por corpos específicos ao longo de vários dias. No Forensic Investigation Research Station, no estado norte-americano do …