Bolsonaro diz que os 18 milhões do G7 são uma esmola. “O Brasil vale muito mais”

O Presidente brasileiro afirmou esta quinta-feira que os 20 milhões de dólares (17,95 milhões de euros) oferecidos pelo G7 para combater os incêndios da Amazónia são uma “esmola” e que o Brasil “vale muito mais”.

“Macron [o Presidente francês] ofereceu uma esmola. O Brasil vale muito mais do que 20 milhões de dólares, pelo amor de Deus”, afirmou Bolsonaro, numa transmissão em direto na sua página do Facebook.

Na segunda-feira, o Presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou que o grupo das sete nações mais industrializadas do mundo disponibilizou uma ajuda imediata de 20 milhões de dólares para combater os incêndios na maior floresta tropical do mundo.

Contudo, Bolsonaro, que inicialmente impôs condições para aceitar a verba, como o reconhecimento da soberania do Governo brasileiro, declarou agora que o Brasil merecia uma ajuda maior, acrescentando que países da Europa estavam a “comprar” o país sul-americano a “prestações”.

“Eu já havia dito que alguns países europeus estavam a comprar o Brasil a prestações. Deram mais de mil milhões de dólares (mais de 900 milhões de euros) ao todo, no últimos 10 ou 12 anos. Agora, digam-me o que é que foi feito com esse dinheiro? Apontem um hectare que tenha sido replantado. Uma ação positiva. Não há nada. Grande parte foi para organizações não-governamentais (ONG) meterem ao bolso”, disse o governante.

“O problema não é desflorestar, o problema é desmamar esse pessoal (as ONG)”, acrescentou o chefe de Estado, que já na semana anterior tinha afirmado que os principais suspeitos dos incêndios na Amazónia eram as ONG.

“Todo o mundo é suspeito, mas a maior suspeita vem de ONG“. (…) Há, no meu entender, um indício fortíssimo de que esse pessoal das ONG perdeu a teta [expressão usada no Brasil sobre pessoas que recebem recursos públicos] deles. É simples”, declarou o Presidente brasileiro na semana passada, ao sair do Palácio da Alvorada, em Brasília.

Maduro responsabiliza Bolsonaro pelos incêndios

Esta sexta-feira, o Presidente da Venezuela acusou esta sexta-feira o seu homólogo brasileiro de entregar a Amazónia aos latifundiários, considerando que “estão a destruir” a maior floresta tropical do mundo.

“A Venezuela condena e repudia a atitude de Jair Bolsonaro, no Brasil, de entregar a Amazónia aos seus amigalhaços, à oligarquia de latifundiários brasileira que a está a destruir (…) e elevamos a nossa voz de protesto e a nossa voz de solidariedade com o povo do Brasil”, disse Nicolás Maduro, fazendo alusão aos incêndios.

Nicolás Maduro falava em Guarenas, a leste de Caracas, durante uma iniciativa ligada ao regresso às aulas, transmitida em direto e de maneira obrigatória pelas rádios e televisões do país. “Quanto nos tem doído o incêndio que provocou Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil, na Amazónia brasileira”, disse.

Segundo Nicolás Maduro “é o fascismo do Governo brasileiro destruindo os direitos sociais (…), destruindo o pulmão da humanidade e o direito a viver no planeta”, frisou. O governante ofereceu ainda a sua “modesta ajuda” para combater os incêndios.

No dia anterior, vice-Presidente brasileiro, reconheceu que o Governo “cometeu erros” no combate às queimadas na Amazónia, já que “todos os anos” a situação se repete.

Cometemos erros, sim. Todos os anos, nós sabemos que agosto, setembro e outubro são meses de seca e de queimadas. É igual ao 7 de setembro [feriado do Dia da Independência do Brasil], sabemos que existe todos os anos. Compete às entidades governamentais, em todos os níveis, travar o combate às ilegalidades cometidas neste momento”, afirmou Hamilton Mourão, citado pelo jornal brasileiro O Globo.

O número de incêndios no Brasil aumentou 83% este ano, em comparação com o período homólogo de 2018, com 72.953 focos registados até 19 de agosto, sendo a Amazónia a região mais afetada. A Amazónia é a maior floresta tropical do mundo e possui a maior biodiversidade registada numa área do planeta.

Tem cerca de 5,5 milhões de quilómetros quadrados e inclui territórios do Brasil, Peru, Colômbia, Venezuela, Equador, Bolívia, Guiana, Suriname e Guiana Francesa.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

    • A inteligência parou aí?!!! Vai para a Venezuela, Cuba ou apanha o ónibus 307 de minas gerais e vai até ao destino…aí ficas bem…

RESPONDER

Como surgiu a vida na Terra? Cientistas acreditam ter descoberto o "elemento-chave"

Uma equipa de investigadores da Ludwig-Maximilians-Universitaet, na Alemanha, mostrou que pequenas alterações nas moléculas de transferência de ARN (tARNs) permitem que se auto-agrupem numa unidade funcional que consegue replicar informações exponencialmente. Uma equipa de biólogos alemães …

Telescópio FAST detetou três misteriosos sinais rádio do ainda jovem Universo

O gigante telescópio chinês FAST (Five Hundred Metre Aperture Spherical Telescope) detetou três misteriosas rajadas rápidas de rádio (FRB) que ocorreram quando o Universo era ainda jovem. As rajadas rápidas de rádio são um dos …

Áustria reitera rejeição de acordo comercial UE-Mercosul

O Governo austríaco, numa carta enviada ao primeiro-ministro, António Costa, reiterou a sua rejeição do acordo comercial UE-Mercosul e apelou a que Portugal, enquanto presidência da União Europeia (UE), “assegure” que a sua votação seja …

Em Málaga, pode comer-se o pão mais caro do mundo. É feito com ouro e prata

É na padaria espanhola Pan Piña que se confeciona aquele que é, de momento, o pão mais caro de todo o mundo. Este é vendido por uma quantia que pode chegar até aos 3.700 euros …

Novas evidências apontam eventual localização dos destroços do MH370. Jornalista sugere que foi abatido

O chefe da busca fracassada pelo voo MH370 da Malaysia Airlines está a pedir um novo inquérito com base em novas evidências que podem finalmente resolver o mistério do desaparecimento da aeronave há sete anos. De …

Cidade nos EUA testou o rendimento básico universal. "Os números foram incríveis"

Além de a percentagem de pessoas que tinham um emprego a tempo inteiro ter subido, os participantes da iniciativa também relataram sentir-se menos ansiosos. De acordo com o estudo publicado esta quarta-feira, citado pela agência …

Belenenses 0-3 Benfica | Vendaval suíço após o descanso

O Benfica venceu o dérbi com a Belenenses SAD, em jogo a contar para 22ª jornada da Liga NOS, por 3-0. Uma partida que teve uma primeira parte mal jogada e com muitas dificuldades para as …

Investigador apresenta nova geração de drones minúsculos e ágeis. São inspirados em mosquitos

Os mosquitos são insetos incrivelmente acrobáticos e resistentes durante o voo, o que os ajuda a navegar entre rajadas de vento, obstáculos e incertezas. Agora, uma equipa de investigadores construiu um sistema que se aproxima …

OMS considera que a pandemia podia ter sido evitada se alguns países não tivessem sido lentos a reagir

O diretor-geral da OMS afirmou esta segunda-feira que alguns países reagiram lentamente à declaração de emergência sanitária global em janeiro de 2020, desperdiçando-se uma "janela de oportunidade" para evitar a pandemia de covid-19. "A 30 de …

Louvre recupera armadura do século XVI roubada há quase 40 anos

O peitoral e o capacete elaboradamente decorados, que estavam desaparecidos desde 1983, datam do século XVI e voltaram finalmente ao museu do Louvre, em França. Quase quatro décadas depois, um peitoral e um capacete do século …